Cinema Prescrição Fatal é uma minissérie documental sobre um super-herói real

02:10  27 fevereiro  2020
02:10  27 fevereiro  2020 Fonte:   canaltech.com.br

Justin Bieber diz que quase morreu por uso exagerado de drogas

  Justin Bieber diz que quase morreu por uso exagerado de drogas O cantor fez revelações sobre sua vida em uma série documental SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Por muito pouco o cantor Justin Bieber, 25, não morreu pelo uso exagerado de drogas. Essa é uma revelação feita por ele mesmo em série documental que conta a sua trajetória, lançada no final de janeiro no YouTube."Houve um tempo em que eu estava bebendo, eu estava tomando pílulas, eu estava usando MDMA, cogumelos, tudo", revelou o cantor em trecho de "Justin Bieber: Seasons".Em outro momento, ele conta sobre a rotina das madrugadas por parte de sua equipe. "As pessoas não sabem o quanto isso ficou sério.

A ex-senadora americana Hillary Clinton disse nesta segunda-feira em Berlim que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, é um "perigo para a democracia". "Vou apoiar o candidato do nosso partido", quem quer que seja nas eleições de novembro

Super - heróis já existiam muito antes de histórias em quadrinhos os popularizarem e do cinema transformar figuras como Homem-Aranha, Super-Homem e Controlar o tempo e as condições meteorológicas e usá-las para vencer na batalha também é um clássico em histórias de heróis.

Prescrição Fatal © Netflix Prescrição Fatal

Antes de começar a assistir a Prescrição Fatal (disponível na Netflix), o que mais me chamou a atenção foi o título nacional. Isso porque ele mais parece forçar a barra na caça por audiência, afinal, às vezes, é muito mais fácil e chamativo o título indicar algo sério do que ressaltar a eficiência – talvez metafórica – do original. Então, quando terminei de assistir ao quarto e último episódio da minissérie, eu percebi que estava em um dilema, quase um paradoxo: O título brasileiro realmente funciona, mas, na soma do todo, The Pharmacist (O Farmacêutico) faria mais justiça ao material exposto.

Dias finais de Marilyn Monroe vão virar minissérie

  Dias finais de Marilyn Monroe vão virar minissérie Os misteriosos dias finais da vida de Marilyn Monroe vão virar uma minissérie. A produtora O post Dias finais de Marilyn Monroe vão virar minissérie apareceu primeiro em Pipoca Moderna.

É uma minissérie de animação tanto para adultos como para crianças. É um conto surreal sobre 2 irmãos perdidos numa terra chamada Desconhecido. "O enredo é ótimo e cada episódio é misterioso e estranho. Os personagens são doces e únicos, e há muitas reviravoltas.

Alguma vez você já tentou escrever uma história sobre um herói ? O wikiHow é uma "wiki"; ou seja , muitos de nossos artigos são escritos em parceria com várias pessoas. Para criar este artigo, autores voluntários trabalharam para editá-lo e melhorá-lo desde seu início.

Eduardo Coutinho, o maior dos nossos documentaristas, uma vez disse que o documentário chega a se tornar ficção quanto mais se aproxima de realidade. Talvez, por influência dele (de Coutinho), eu tenha percebido Prescrição Fatal por uma esfera um tanto quanto ficcional. Nesse sentido, Dan Schneider, aos poucos, foi se transformando em uma espécie de super-herói... e isso com direito a uma construção de personagem marcada inicialmente por um trauma (como Batman e outros) e por vilões que, mesmo obviamente humanos, são complexos a ponto de terem as maldades embasadas – mas nunca exatamente justificadas.

Cuidado! A crítica pode conter spoilers!

O porta-voz

Se o primeiro episódio funciona, de fato, como a origem de um super-herói – O Farmacêutico –, é também a partir dessa primeira hora que um trauma pessoal, já combatido com uma perseverança sobre-humana, fundamenta a personalidade do protagonista. Sua busca incessante por alguém que possa depor a favor de sua causa, o embate com uma testemunha mentirosa que gera um dos plot twists mais interessantes de toda a minissérie (que tem como antagonista o vilão menor – Jeffery Hall) – e que pode levar a discussões profundas sobre a influência do meio na formação particular e sobre luta de classes –, as ameaças de morte sofridas tanto por ele quanto por aquela que é o seu maior achado...

Lançamentos da Netflix na semana (01/02 a 07/02)

  Lançamentos da Netflix na semana (01/02 a 07/02) Adaptação da hq espanhola de Rayco Pulido y David Muñoz. Anselmo é um guerrilheiro que acaba temporariamente surdo devido a um acidente durante uma operação de sabotagem numa ponte, e precisa sobreviver aos inimigos que passam a caçá-lo implacavelmente. Produção espanhola lançada e 2019.

Por que comprar uma fantasia de super - herói quando você pode se divertir fazendo a sua própria em casa? Reproduza o traje do seu personagem favorito ou Escolha uma calça legging que cubra toda a perna e uma camiseta de manga comprida. A maioria dos super - heróis cobre integralmente a pele

Crie os inimigos e antagonistas. Todo super - herói precisa combater um ou dois bons vilões. Seu antagonista poderia ser uma versão negativa do herói. O superpoder do primeiro pode ser incompatível com o do segundo, por exemplo, o que dá um bom pretexto para a rivalidade entre eles.

O vilão menor, Jeffery Hall. (Imagem: Captura de tela/Sihan Felix) O vilão menor, Jeffery Hall. (Imagem: Captura de tela/Sihan Felix)

Tudo é construído como se fosse exatamente um monomito (a clássica Jornada do Herói). Dessa forma, a direção de Jenner Furst e Julia Willoughby Nason age como se, em primeiro plano, buscasse por essa base ficcional e, em segunda instância, encaixasse os acontecimentos. Enquanto Bruce Wayne passa a ser o Batman a partir dos seus medos e para causar medo, Dan Schneider deixa de ser um farmacêutico para inteirar-se como O Farmacêutico justamente a partir de sua maior dor, algo que o guiaria por toda a vida – ao menos pela vida exposta nas quatro partes da minissérie.

Essa dor, inclusive, é fundamental para entender o lado mais humano e compassivo do trabalho de Furst e Willoughby Nason. Há um entendimento fundamental aqui ao comparar – no melhor sentido – a dor do herói com a dor de uma comunidade e, mais à frente, de um país. É algo um tanto quanto scorsesiano, como bem lembrado por Bong Joon Ho durante a cerimônia do Oscar 2020: “O que é mais pessoal é mais criativo.”

CSI original deve ganhar continuação como minissérie

  CSI original deve ganhar continuação como minissérie A rede americana CBS está em conversas iniciais para produzir um revival da série policial O post CSI original deve ganhar continuação como minissérie apareceu primeiro em Pipoca Moderna.

Superman ou Super-Homem é um super - herói fictício de história em quadrinhos americanas publicado pela DC Comics, uma empresa subsidiária do grupo Time Warner. Superman, entretanto, já foi adaptado para diversos outros meios desde os anos 1930, como cinema, rádio, televisão

Em janeiro, o público conhecerá duas novas versões de Cauã Reymond: Omar e Yaqub, os personagens que dão nome à minissérie “Dois Gravado ainda em 2015, o drama gira em torno de uma família libanesa e a disputa dos gêmeos por Lívia (Bárbara Evans): “ Foi um dos maiores

Prescrição Fatal é, por essa perspectiva, algo que parte do extremo pessoal para abraçar um todo surpreendentemente homogêneo. Isso porque a empatia, por mais que possa estar em desuso, acaba por ser uma faculdade emocional extremamente humana. Mas, sabendo que nem só de empatia vive a humanidade, existe uma crescente carga dramática no documentário que influencia a sensação de que cada espectador foi lesado e que, de algum modo, Schneider é o porta-voz: Ele deixa de ser o homem que buscava justiça em nome do filho para ser um justiceiro que luta por todos... e ele faz isso tudo tentando (e conseguindo) permanecer dentro da lei.

Túnel da Esperança

Na luta incessante por justiça, O Farmacêutico ainda vê a onda de opiáceos ser alavancada por uma catástrofe natural (o furacão Katrina), o que reforça a importância de sua existência enquanto homem nada acomodado. Essa onda, por outro lado, que se inicia pela médica Jacqueline Cleggett (a vilã média), desencadeia descobertas que vão do micro ao macro: de Cleggett à indústria farmacêutica (especificamente à Purdue Pharma e ao seu bilionário presidente – Richard Sackler, o vilão mais poderoso); do mal causado a dezenas de pacientes ao vício imposto a quase meio milhão de pessoas.

Ator revela identidade do primeiro super-herói gay assumido dos filmes da Marvel

  Ator revela identidade do primeiro super-herói gay assumido dos filmes da Marvel O ator Haaz Sleiman (“Little America”) revelou a identidade do primeiro super-herói gay declarado do O post Ator revela identidade do primeiro super-herói gay assumido dos filmes da Marvel apareceu primeiro em Pipoca Moderna.

A vilã média, Jacqueline Cleggett. (Imagem: Captura de tela/Sihan Felix)  A vilã média, Jacqueline Cleggett. (Imagem: Captura de tela/Sihan Felix) O vilão mais poderoso, Richard Sackler. (Imagem: Captura de tela/Sihan Felix) O vilão mais poderoso, Richard Sackler. (Imagem: Captura de tela/Sihan Felix)

O vício em OxyContin, aliás, produz uma rima absurda (no melhor sentido) para a finalização de Prescrição Fatal: Se a minissérie é apresentada a partir da dor de uma família por ter perdido um ente querido, ela cresce a ponto de se transformar em um tratado sobre a degradação de uma nação à procura por um analgésico para dores severas. A metáfora está implícita (talvez explícita). O povo, doente, acaba cansado demais para lutar contra a causa da dor, buscando somente que ela (a dor) cesse.

  • Filmes, Séries, Músicas, Livros e Revistas e ainda frete grátis na Amazon por R$ 9,90 ao mês, com teste grátis por 30 dias. Tá esperando o quê?

Schneider é aquele que, mesmo dolorido pela morte do filho, acaba por se entregar à luta de buscar caminhos e não somente respostas. Ele não quer modificar o fim; ele quer consertar o meio – e, de repente, reconstruir o início. Tudo rima aqui. O último episódio é consciente ao extremo por esse ponto de vista: Voltando-se para a dor pessoal do protagonista e de sua família, há uma despedida quase melancólica e, ao mesmo tempo, pontualmente otimista. Algo relativo ao Túnel da Esperança que, com toda a realidade traumática do filme (o que não deixa de ser), serve como um respiro. Nada melhor do que finalizar com a mesma crença do herói para que, de alguma maneira, sua força encontre ecos.

Esses filmes são bem melhores que os livros que os inspiraram!

  Esses filmes são bem melhores que os livros que os inspiraram! Esses filmes são bem melhores que os livros que os inspiraram!

O herói, Dan Schneider, O Farmacêutico. (Imagem: Captura de tela/Sihan Felix) O herói, Dan Schneider, O Farmacêutico. (Imagem: Captura de tela/Sihan Felix)

Trending no Canaltech:

  • Amazon abre seu primeiro supermercado que não aceita dinheiro
  • DESPENCOU! Mi 9 Lite, Mi 9 SE e Redmi Note 8 a partir de R$ 939 em até 10x
  • Coronavírus: antiga vacina pode ter resposta para prevenção contra Covid-19
  • Brasil é destaque no desenvolvimento da tecnologia blockchain
  • Internet está em seu nível mais perigoso desde 2016, afirma Microsoft

Série documental sobre Marielle Franco aumenta audiência da Globoplay .
Série documental sobre Marielle Franco aumenta audiência da GloboplayEm São Paulo, registrou 13 pontos de audiência e 28% de participação. São 3 pontos acima da média de audiência da faixa nas últimas 4 quintas-feiras e 2 pontos a mais de participação na capital paulista.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais
usr: 0
Isto é interessante!