Famosos Ângela Leal revela ter enfartado após seu teatro perder patrocínio da Petrobras

02:45  28 janeiro  2020
02:45  28 janeiro  2020 Fonte:   pipocamoderna.com.br

Galvão Bueno anuncia que protagonizará peça de teatro: 'Vou contar minhas histórias'

  Galvão Bueno anuncia que protagonizará peça de teatro: 'Vou contar minhas histórias' Narrador publicou vídeo no Instagram para revelar 'No Palco com Galvão'"Bem amigos... É novidade mesmo. No palco com Galvão. É teatro. Não é Copa do Mundo, não é autódromo, não é Fórmula 1, não é olimpíada, não é transmissão. É teatro", disse Galvão em vídeo.

A casa perdera o patrocínio da Petrobras , que mantinha desde 2001, e se viu diante do encerramento de suas atividades, que mobilizam um time de 35 funcionários. Em 30 de dezembro, dias depois de passar mal no último show na casa, do cantor Ivan Lins, Ângela sofreu um enfarto .

O patrocínio da Petrobras , com cerca de R $ 12 milhões por edição anual, garantia a premiação e os shows especiais realizados no Teatro Municipal do Rio. Um dos espaços mais tradicionais do País, o lugar de Brasília que revelou músicos como Hamilton de Holanda também perdeu a verba da

Ângela Leal revela ter enfartado após seu teatro perder patrocínio da Petrobras © Pedro Prado Ângela Leal revela ter enfartado após seu teatro perder patrocínio da Petrobras

A atriz Ângela Leal revelou ter sofrido ataque cardíaco ao perder o patrocínio da Petrobras para manter aberto o teatro da família, o Rival, famoso palco da Cinelândia que pertenceu a seu pai, Américo Leal, e que ela administrava desde 1990.

A política de desmonte cultural do governo Bolsonaro eliminou o patrocínio das estatais para a Cultura. Eventos de grande porte, como o Festival do Rio e o Anima Mundi, conseguiram alternativas de última hora na iniciativa privada. Mas o Rival, apoiado pela Petrobras desde 2001, encontrou maior dificuldade. A casa que marcou época no Rio de Janeiro, e que emprega 35 funcionários, precisou enfrentar a possibilidade do fim.

Aos 84 anos, Tarcísio Meira revela última peça no teatro

  Aos 84 anos, Tarcísio Meira revela última peça no teatro Aos 84 anos, Tarcísio Meira revela última peça no teatro“Acho que qualquer ator pode se identificar com esse personagem. Nosso trabalho é muito difícil e cansativo, mas também muito prazeroso e enriquecedor. Se é uma coisa que o ator não pensa é em se aposentar e parar de atuar. Claro que ninguém quer morrer no palco”, revelou em entrevista à QUEM.

O Teatro das Figuras é um espaço cultural de referência nacional, situado em Faro, onde pode assistir a espetáculos de música, teatro , dança, ópera, novo circo e cinema. Consulte a nossa programação.

Patrocínio é um município brasileiro do estado de Minas Gerais. Sua população recenseada em 2010 era de 82 471 habitantes e em 2018 foi estimada em 90 041 habitantes. É o principal município da microrregião de Patrocínio , que pertence à mesorregião do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba.

Ela passou mal no último show da casa, do cantor Ivan Lins, e dias depois sofreu um enfarto. A veterana estrela de novelas da Globo e de filmes como “Zuzu Angel”, “Querô”, “A Febre do Rato” e “Bonitinha, mas Ordinária” entrou o Ano Novo na UTI.

“Acabei passando o dia 31 na UTI, acho que foi acúmulo”, disse Ângela em entrevista ao jornal O Globo. “Eu já tinha tido um câncer, estava muito fragilizada e, quando veio o fim do patrocínio, vi que não ia dar mais”.

Mas não foi o fim.

“Começaram os telefonemas em solidariedade e um deles foi de uma pessoa que se dizia da Refinaria de Manguinhos, perguntando se a gente estava precisando de patrocínio. O mundo dá respostas. Se o pensamento desse governo que foi eleito legitimamente por um pedaço da sociedade é outro, o que resta agora é encarar e exigir que a cultura seja respeitada”, contou Ângela.

Vencedor de 2017 lidera classificação no Festival de Sanremo

  Vencedor de 2017 lidera classificação no Festival de Sanremo Francesco Gabbani levou a música "Viceversa" ao Teatro AristonCom a música "Viceversa", o astro obteve a nota mais alta de um júri formado por 300 pessoas, logo à frente da banda Le Vibrazioni ("Dov'è"), de Piero Pelù ("Gigante") e dos Pinguini Tattici Nucleari ("Ringo Starr").

Entrevista Griffin perdeu contrato por foto de 'Trump decapitado'. Dizem juristas MPF: Tese contra Glenn criminaliza jornalismo. Até R $ 29 mil Herdeiros de ligados a ditadura ganham pensão. Premier League Não perca os jogos da Premier League, no WatchESPN!

Teatro e musicais. PETROBRAS . SELECIONE UM ÍNDICE Bovespa IBX - Bovespa IBX50 - Bovespa IEE - Bovespa IGCX - Bovespa ITAG - Bovespa ISE - Bovespa INDX - Bovespa IDIV - Bovespa IVBX - Bovespa França.

Assim o Rival fechou um novo patrocínio com a Refit, a Refinaria de Manguinhos, que garantirá por mais dois anos a programação do teatro que Ângela sempre definiu como sendo “de resistência cultural”.

Inaugurado em 1934, o Rival, que antes tinha sido convento, foi um dos principais palcos do Teatro de Revista e do chamado Teatro do Rebolado. Além de grandes nomes do humor brasileiro, como Grande Otelo, Oscarito e Dercy Gonçalves, a casa de espetáculos também foi pioneira ao abrir seu palco para shows de travestis, que acabaram popularizando a famosa Rogéria, entre outras. Grande referência da cultura carioca, a casa ainda lançou cantores como Mart’nália, Zeca Pagodinho e Zélia Duncan.

Vale lembrar que há dois anos, a atriz Leandra Leal, filha de Ângela, estreou como diretora à frente de um documentário sobre a ligação histórica do Teatro Rival com travestis e drag queens. O filme “Divinas Divas” venceu o prêmio do público de Melhor Documentário do Festival do Rio e da Mostra Global do festival americano SXSW (South by Southwest), em Austin, no Texas.

O post Ângela Leal revela ter enfartado após seu teatro perder patrocínio da Petrobras apareceu primeiro em Pipoca Moderna.

__________________________

Até a autora de "Éramos Seis" sofreu ao escrever a morte de Carlos na novela .
Até a autora de "Éramos Seis" sofreu ao escrever a morte de Carlos na novelaAssim como no livro de Maria José Dupré, levar a morte do filho mais velho de Lola (Glória Pires) para a novela não foi uma missão fácil para Angela Chaves, a autora da trama, que confessou ter ficado extremamente abalada com o final do personagem.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais
usr: 0
Isto é interessante!