Brasil Skaf ataca Doria após pedido de ‘guerra’ de Bolsonaro

01:43  21 maio  2020
01:43  21 maio  2020 Fonte:   estadao.com.br

Bolsonaro diz que é preciso ‘jogar pesado’ com João Doria

  Bolsonaro diz que é preciso ‘jogar pesado’ com João Doria ‘Cenário no Brasil é de guerra’“Um homem está decidindo o futuro de São Paulo, está decidindo o futuro da economia do Brasil. Os senhores, com todo o respeito, têm que chamar o governador e jogar pesado, jogar pesado, porque a questão é séria, é guerra. É o Brasil que está em jogo”, disse o presidente. A declaração foi feita em uma live de Bolsonaro com empresários, organizada pela Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo).

A condução da crise do governo Bolsonaro tem sido alvo de críticas até de veículos da imprensa internacional. Dois ministros da saúde (Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich) deixaram o cargo em dois meses após conflitos com o presidente. O que dizem os envolvidos.

🔴 Após pedido de demissão do cargo de ministro, Moro e Bolsonaro trocam acusações - SJ 24.04 Rede TVT 1 506 зрителей. URGENTE: Senador Kajuru pede socorro a Bolsonaro ao apontar denúncia contra Gilmar Mendes/STF - Продолжительность: 33:11 Folha Política 331 765 просмотров.

Uma semana após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) declarar “guerra” ao governador João Doria (PSDB) e convocar empresários ligados à Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) a jogar pesado com o tucano em uma live com mais de 500 representantes do setor, o presidente da entidade, Paulo Skaf (MDB), publicou nas redes sociais pela primeira vez um vídeo com duras críticas ao governo paulista. O empresário, porém, foi o único do grupo que encampou publicamente o discurso anti-Doria.

O presidente da Fiesp, Paulo Skaf © Gabriela Biló / Estadão O presidente da Fiesp, Paulo Skaf

Idealizado por Skaf, que é pré-candidato ao governo paulista em 2022 e desafeto de Doria, o grupo que ouviu o “apelo” do presidente se chama ‘Diálogos pelo Brasil’ e conta com as maiores lideranças empresariais do País. Entre outros, fazem parte Abílio Diniz, presidente do Conselho de Administração da Península Participações, André Gerdau, do Grupo Gerdau, Constantino Junior, da Gol, Edgard Corona, do grupo Bio Ritmo e Smart Fit, e Carlos Sanchez, presidente da EMS. Todos eles estavam presentes na live da semana passada. Para ampliar a pressão sobre o Palácio dos Bandeirantes, Skaf decidiu abrir a live para mais de 500 lideranças ligadas a Fiesp, entre diretores, conselheiros e dirigentes regionais.

Bolsonaro convoca empresários a ‘jogar pesado’ contra Doria para evitar lockdown

  Bolsonaro convoca empresários a ‘jogar pesado’ contra Doria para evitar lockdown Em videoconferência promovida pela Fiesp, o presidente diz que há 'uma guerra' e uma motivação política de tentar quebrar a economia para atingir o seu governo . “O que parece que está acontecendo parece uma questão política, tentando quebrar a economia para atingir o governo”, disse o presidente. © Dida Sampaio/Estadão O presidente Jair Bolsonaro Bolsonaro criticou as medidas de lockdown que passaram a ser consideradas por Doria, um dos seus principais adversários políticos. São Paulo tem 54.296 casos confirmados de novo coronavírus e 4.315 mortes. O Brasil tem 188.974 casos de covid, com 13.

Ferreira analisa pronunciamento oficial do presidente da República sobre o novo coronavírus e a treta entre Jair Bolsonaro e o Governador de São Paulo João

Grupo de vândalos que saem pelas noites de São Paulo pichando os muros com ataques a Bolsonaro visitaram a casa do governador Doria por 3 vezes antes do

Apesar de defenderem o relaxamento gradual do isolamento social e a tese de dar mais autonomia aos prefeitos para evitar a judicialização, os capitães da indústria não querem se expor e entrar em confronto aberto com Doria, que também é líder empresarial e foi fundador do Lide (Grupo de Líderes Empresariais). Coube então a Skaf vocalizar a bandeira empresarial que une o setor.

“Essas medidas que o governo do Estado de São Paulo vem tomando de forma horizontal tratando todos os municípios da mesma forma prejudica todo mundo. Se nós temos 645 cidades em São Paulo são 645 histórias”, disse o dirigente empresarial. Aliado político de Bolsonaro, que deve levá-lo para seu novo partido, o Aliança pelo Brasil, quando a sigla sair do papel, Skaf adotou um discurso municipalista para pressionar o Palácio dos Bandeirantes a flexibilizar o isolamento.

"Bolsonaro pensa que governar o Brasil é como administrar sua família", diz Doria

  "Bolsonaro pensa que governar o Brasil é como administrar sua família", diz Doria

Bolsonaro fala em Guerra de Poder, empresário faz emocionante declaração e mais! Em reunião, Doria critica pronunciamento do presidente; Bolsonaro pede para tucano sair do palanque - Продолжительность: 13:33 Poder360 301 130 просмотров.

O jornalista e professor da Escola de Comunicação e Artes da USP, Laurindo Lalo Leal Filho, comenta a postura de Doria ao xingar apoiadores de Bolsonaro .

“Cada município deveria ter liberdade. Vamos completar 70 dias parados. Não conheço nenhum país do mundo que tenha passado de 70 dias”, disse o empresários. Ainda segundo o presidente da Fiesp, a antecipação dos feriados foi “mais uma medida improvisada e sem planejamento”.

Em reunião organizada pela Fiesp com empresários do grupo Diálogos pelo Brasil na semana passada, Bolsonaro disse que um homem está decidindo o futuro de São Paulo, o futuro da economia do Brasil. “Os senhores, com todo o respeito, tem que chamar o governador e jogar pesado, porque a questão é séria, é guerra”, disse em um encontro por videoconferência.

Marcos Pontes é avisado por mais próximos que Bolsonaro pretende demiti-lo

  Marcos Pontes é avisado por mais próximos que Bolsonaro pretende demiti-lo Marcos Pontes é avisado por mais próximos que Bolsonaro pretende demiti-loEx-ministro do governo Temer, Kassab está afastado, há 500 dias, do  cargo de secretário-chefe da Casa Civil do governo de João Doria (PSDB) em São Paulo.  Ele foi alvo de uma operação da Polícia Federal, acusado de receber R$ 58 milhões em propina da JBS entre 2010 e 2016.  Desde o ano passado, ele está afastado da gestão Dória por conta de um pedido de licença não remunerada.

A versão inicial da “PEC de Guerra ”, trazida pelo blog da Coluna e já nas mãos de líderes do Em linhas gerais, a PEC libera o Executivo de muitas amarras e confere poderes a Bolsonaro de Voltou a pedir união e muita calma ao tratar de isolamento. Entre outros temas, foi discutido se seria mesmo

João Agripino da Costa Doria Junior ComMM (São Paulo, 16 de dezembro de 1957), mais conhecido como João Doria , é um empresário, jornalista, publicitário e político brasileiro, filiado ao Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) desde 2001, que é o atual Governador de São Paulo.

Skaf vinha atuando nos bastidores para aproximar Bolsonaro dos empresários, mas evitava confrontar Doria publicamente. A estratégia do dirigente é reforçar a pressão de prefeitos do interior que pedem abertura. Algumas prefeituras, como São José dos Campos, usaram o decreto de Bolsonaro considerando academias e salões de beleza como serviço essencial para desafiar o decreto do governo, mas tiveram que recuar por decisão da Justiça.

Bolsonaro já publicou cinco decretos determinando quais são as atividades essenciais para o governo federal. O último deles, do dia 11, incluiu academias, salões de beleza e barbearias no rol de segmentos liberados para funcionar em meio à pandemia. Os Estados e cidades têm porém autonomia para acatar ou não a liberação das atividades. Ampliar o leque de atividades essenciais foi a forma que Bolsonaro encontrou para pressionar governadores e prefeitos a adotarem medidas que promoveriam uma retomada da economia.

Resposta

O secretário de Desenvolvimento Regional de São Paulo e presidente do PSDB paulista, Marco Vinholi, reagiu às críticas de Skaf. “É triste que na semana que São Paulo tenha atingido o seu recorde de mortos, o presidente da Fiesp decida fazer comício em velórios. O gesto de Skaf ignora o sofrimento de cinco mil famílias. Não por acaso, Skaf perdeu todas as eleições que disputou. A população é inteligente e sempre soube identificar o oportunismo político”, disse o tucano ao Estado.

Flávio nega acusação de empresário: 'Tem interesse em me prejudicar'

  Flávio nega acusação de empresário: 'Tem interesse em me prejudicar' Flávio nega acusação de empresário: 'Tem interesse em me prejudicar'RIO - O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), filho mais velho do presidente Jair Bolsonaro, rebateu a acusação, feita pelo empresário Paulo Marinho, pré-candidato à Prefeitura do Rio pelo PSDB, de que teria recebido vazamento da Polícia Federal (PF) sobre investigações envolvendo seu ex-assessor Fabrício Queiroz. O senador classificou a acusação de “invenção” e afirmou que o empresário tem interesse em prejudica-lo, já que é suplente de Flávio Bolsonaro no Senado Federal.

Bolsonaro revela segredo de João Doria e parte pra cima da Globo, Folha de São Paulo e Estadão. "O senhor pediu a troca, presidente?": Bolsonaro manda jornalistas calarem a boca Após declarar Guerra contra a Globo, Bolsonaro usa William Bonner para promover Governo e URGENTE: Deputado de Bolsonaro expõe áudio e 'podres' de Joice Hasselmann frente a frente e

Major Denuncia Absurda Ligação Entre Governador de São Paulo, João Doria , e Suas Ligações Com os Que Picharam os Dizeres “ bolsonaro ” Em Muros da Capital Paulista.o Deputado Estadual Major Mecca (psl-sp) Cobra Explicações do Governador Em Vídeo Divulgado Nesta Sexta-feira (17)

O governo paulista, segundo o secretário, mantém um diálogo aberto com as prefeituras e prepara um modelo de flexibilização. A articulação está sendo feita por meio de um conselho que conta com os prefeitos de 16 cidades que são sede de regiões administrativas. A avaliação preliminar é que a capital, Baixada Santista e cidades da região metropolitana devem aguardar a melhora dos números de isolamento social, mas pode haver mudança no interior. Uma decisão será tomada no dia 31. Segundo Vinholi, até lá está tudo em aberto. O Conselho municipalista que conta com representantes das 16 regiões administrativas do estado esta organizando os planos regionais, pactuados pelos prefeitos.

No dia 7 de maio, o presidente Jair Bolsonaro foi caminhando com ministros e outro grupo de empresários não ligados a Fiesp até o Supremo Tribunal Federal (STF). Diante do ministro Dias Toffoli, ele fez um apelo para que as medidas de isolamento social fossem flexibilizadas. Há ainda um terceiro grupo de empresários do varejo e serviços que adotou uma linha mais agressiva contra os governadores e de alinhamento total com o presidente da República.

Maia elogia tom amistoso entre Bolsonaro e Doria em reunião e defende novo momento de articulação .
Maia elogia tom amistoso entre Bolsonaro e Doria em reunião e defende novo momento de articulaçãoBolsonaro e Doria vinham protagonizando trocas ásperas de declarações, principalmente após tensa reunião no fim de março do presidente com governadores do Sudeste.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais
usr: 113
Isto é interessante!