Brasil Garimpo ilegal embaixo de linha de Belo Monte é investigado pela PF

21:21  31 julho  2020
21:21  31 julho  2020 Fonte:   estadao.com.br

Homem é preso em Juiz de Fora por tráfico e maus-tratos de animais

  Homem é preso em Juiz de Fora por tráfico e maus-tratos de animais Acusado será autuado e responderá em liberdade pelos crimes. Animais foram recolhidos e encaminhados ao IbamaForam localizadas também uma réplica de pistola e porções de maconha e de anabolizante, na residência do investigado. Já os animais foram encontrados presos em uma fita crepe e resgatados por policiais civis do Núcleo de Atendimento às Ocorrências de Maus-tratos a Animais e do Núcleo de Acervo Cartorário da 1ª Delegacia Regional de Juiz de Fora. Segundo a Polícia, eles estariam nessa situação há cerca de dois dias, durante transporte pelos Correios.

BRASÍLIA - A abertura de garimpos ilegais embaixo da linha de transmissão de Belo Monte, maior hidrelétrica nacional, construída no Pará, tem sido investigada pela Polícia Federal. Segundo informações do Ministério Público Federal no Pará, há dois processos em andamento.

Um deles é um procedimento de investigação criminal e foi aberto pela unidade do MPF em Tucuruí (PA), a partir das informações que o órgão recebeu do MP do Estado do Pará. Os dados desse procedimento foram encaminhados pelo MPF à Polícia Federal, em fevereiro deste ano, com pedido de instauração de inquérito policial. Há um segundo procedimento aberto pela unidade do MPF em Tucuruí, a partir das informações recebidas do MP paraense. Ambos estão sob sigilo.

Polícia prende traficante de anabolizantes que atuava em academias de BH

  Polícia prende traficante de anabolizantes que atuava em academias de BH Homem, que se apresenta como empresário, atuava sobretudo nas regiões da Pampulha e de Venda Nova .Segundo Daniel Reis, que comandou as operações na casa do suspeito, foram apreendidos 46 tipos de medicamentos, sendo a maioria anabolizantes, que eram vendidos sem prescrição médica. “Algumas marcas são comercializadas de forma legal em farmácias. Acontece que, para isso, é preciso da prescrição de um médico capacitado.” Existe também, segundo o delegado, a suspeita de que parte dos produtos apreendidos tenha vindo do Paraguai.

Reportagem publicada nesta sexta-feira, 31, pelo Estadão revela que o problema com a ação dos garimpeiros tem levado a concessionária que controla a linha de transmissão, a Belo Monte Transmissora de Energia (BMTE), a pedidos recorrentes de ajuda, com receio de que torres da linha possam cair, por causa da movimentação da terra pelos garimpos.

Imagem aérea mostra área desmatada para exploração do garimpo. © BMTW/Divulgação Imagem aérea mostra área desmatada para exploração do garimpo.

Documentos da companhia alertam as autoridades sobre o surgimento de diversos garimpos ilegais nos municípios de Marabá, Parauapebas, Itupiranga e Curionópolis, todos no Pará, próximos do local de acesso à hidrelétrica que foi erguida no rio Xingu, em Altamira. “Reforçamos a nossa preocupação com a desestabilização do solo que vem ocorrendo na região em decorrência da intensa atividade minerária”, afirmou a concessionária, em documento. “Temos reiteradamente solicitado o auxílio das forças de segurança, na tentativa de paralisação imediata da atividade.”

Fiéis chegam ao Monte Arafat, etapa crucial da peregrinação a Meca

  Fiéis chegam ao Monte Arafat, etapa crucial da peregrinação a Meca Um reduzido número de fiéis muçulmanos se dirigiu ao Monte Arafat nesta quinta-feira (30) para pedir perdão a Deus, um dos grandes momentos do Hajj, a tradicional peregrinação anual a Meca, marcada este ano pelo uso de máscara e pelo distanciamento físico. As autoridades montaram um cordão de segurança na base da colina rochosa, o Monte da Misericórdia, como parte das medidas de prevenção contra o coronavírus. De máscaras e respeitando aAs autoridades montaram um cordão de segurança na base da colina rochosa, o Monte da Misericórdia, como parte das medidas de prevenção contra o coronavírus.

A Polícia Federal realizou, no dia 11 de maio, uma ação na região e fez com que os garimpeiros paralisassem as operações. Dias depois, no entanto, eles voltaram aos mesmos locais. “A BMTE vem realizando, frequentemente, inspeções de monitoramento para segurança do empreendimento e, durante estas atividades, constatou o retorno das atividades nas bases das torres de transmissão, o que tem nos preocupado, dado risco de queda destas estruturas e consequente desabastecimento temporário do Sistema Interligado Nacional”, alertou a companhia.

Inaugurado em dezembro de 2017, o linhão de Belo Monte é um dos projetos mais caros e modernos do mundo na área de transmissão de energia, tendo custado R$ 5 bilhões. Seus 2.076 km de extensão saem do Pará e cruzam Tocantins, Goiás e Minas Gerais, até chegar à fronteira com São Paulo.

Duas semanas atrás, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) respondeu às denúncias feitas pela concessionária e, em poucas palavras, deixou claro que cabe à empresa resolver o problema.

Com receio de serem alvos de violência por parte dos garimpeiros, funcionários da concessionária do linhão de Belo Monte que atuam no Pará têm trabalhado com roupas comuns, sem uniformes da empresa, quando saem a campo para fiscalizar as torres da rede de transmissão de energia.

O medo chegou a tal ponto que até mesmo os carros utilizados pelos funcionários têm sido alugados, para evitar qualquer tipo de identificação. “Existe ainda o receio de atuação truculenta por parte dos garimpeiros por associarem eventuais impedimentos e atividades de fiscalização realizadas na região com denúncias do empreendimento da BMTE (Belo Monte Transmissora de Energia)”, informou a empresa, em denúncia enviada em junho para a Aneel.

Ministro de Bolsonaro mostra otimismo em ampliação do metrô de BH .
Em Minas Gerais, chefe da infraestrutura federal explicou papel do Palácio do Planalto na viabilização das obrasNesta segunda-feira, Tarcísio esteve em Minas Gerais para inaugurar trecho duplicado da BR-381, em Nova União, na Região Metropolitana de BH. Pleito antigo dos cidadãos belo-horizontinos, a expansão do metrô seria feita por meio de itinerário entre o Barreiro e o Calafate, na região Oeste da cidade.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais
usr: 13
Isto é interessante!