Brasil Médicos peritos aprovam abertura de 17 agências do INSS em MG, sendo apenas uma em BH

14:21  23 setembro  2020
14:21  23 setembro  2020 Fonte:   em.com.br

Artistas e intelectuais se opõem a Mario Frias e mandam carta ao Congresso

  Artistas e intelectuais se opõem a Mario Frias e mandam carta ao Congresso Ele comanda a Secretaria de Cultura. Grupo critica possível censuraAs personalidades pedem que os congressistas questionem a legalidade do ofício. “Tememos que nomeações, requisições, cessões, substituições e publicações encaminhadas previamente à Secretaria se transformem, por força desse ofício, em instrumento de controle, mecanismo de censura prévia e dirigismo, o que atenta contra a liberdade de expressão e a diversidade da produção cultural”, escrevem na carta.

Agência do Centro, apesar de não estar em lista de unidades © Fornecido por EM.com.br Agência do Centro, apesar de não estar em lista de unidades A Associação Nacional dos Peritos Médicos Federais (Anmp) divulgou, na noite dessa segunda-feira (21), uma lista, na qual foram divulgadas as agências liberadas pela categoria para a reabertura após vistoria da entidade. Ao todo, 87 unidades foram consideradas “aptas” ou “aptas com restrições” a receber os serviços, sendo 17 delas em Minas Gerais. Em Belo Horizonte, apenas uma apareceu na relação de unidades.

Agências do INSS reabrem em SP ainda sem perícia médica nesta quinta-feira

  Agências do INSS reabrem em SP ainda sem perícia médica nesta quinta-feira Agências do INSS reabrem em SP ainda sem perícia médica nesta quinta-feiraDe acordo com a Associação Nacional dos Peritos Médicos Federais (ANMP), não há condições para trabalho presencial nas agências do INSS. “O INSS e Secretaria de Previdência e Trabalho mentem para o País ao apontarem a realização de ‘vistorias’ para liberação das agências do INSS, que estão sendo ‘feitas’ apenas por gerentes da administração sem o mínimo de competência técnica ou legal para tal feito”, criticou a entidade, em nota.

Para os peritos, a unidade localizada no Bairro Padre Eustáquio, na Região Noroeste de Belo Horizonte, foi a única da capital considerada “apta” a receber os segurados. A agência da Rua Guaicurus, no Centro de BH, não apareceu na lista, mas realizou serviços de perícia médica normalmente na manhã desta terça-feira (22). A reportagem do Estado de Minas esteve no local e constatou pelo menos cinco perícias agendadas e que estavam sendo atendidas.

Ao Estado de Minas, o INSS informou que todos os peritos com agendamentos compareceram nas duas agências de Belo Horizonte, totalizando 17 servidores. Para a parte da tarde, há serviços marcados com outros profissionais. Somente na agência do Padre Eustáquio, nesta manhã, foram 12 médicos peritos. O órgão também garantiu ter recebido a relação de agências "aptas" e "inaptas" por parte da associação.

Agências do INSS reabrem no País sem peritos médicos; São Paulo segue com portas fechadas

  Agências do INSS reabrem no País sem peritos médicos; São Paulo segue com portas fechadas Associação que representa os profissionais afirma que médicos só irão retornar ao trabalho quando condições sanitárias estiverem garantidasDe acordo com o presidente da Associação Nacional dos Médicos Peritos Federais (ANMP), Luiz Carlos Argolo, o retorno dos profissionais às agências só irá acontecer quando condições estruturais e sanitárias forem garantidas aos médicos. Ele explica que, de mais de 1,5 mil agências vistoriadas no Brasil, apenas 12, que eram pequenas, no interior do País, estavam adequadas aos protocolos contra a pandemia do novo coronavírus, causador da covid-19. "Por que vai abrir tudo isso? A procura é muito grande, com muita aglomeração.

Reportagem constatou pelo menos cinco perícias agendadas e que estavam sendo atendidas na manhã desta terça © Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press Reportagem constatou pelo menos cinco perícias agendadas e que estavam sendo atendidas na manhã desta terça Ao todo, de acordo com a associação, 108 agências foram vistoriadas nessa segunda, sendo que 87 delas foram consideradas “aptas” ou “aptas com restrições”. A unidade enquadrada no último caso, segundo a entidade, não será impedida de receber segurados, uma vez que apresenta alguma pendência na ordem de consultório interditado ou equipamento em falta.

Em Minas, das 17 agências liberadas para funcionamento, cinco foram aprovadas a voltar a funcionar com restrição: Araguari, Divinópolis, Itajubá, Uberlândia e Varginha. As outras 12 unidades estão localizadas em: Belo Horizonte (Padre Eustáquio), Contagem, Sete Lagoas, São João Del-Rei, Itajubá, Ouro Fino, Caratinga, Capelinha, Uberaba, Paracatu, Pará de Minas, Itaúna e Arcos.

Justiça Federal barra retorno dos peritos médicos do INSS, em todo o Brasil

  Justiça Federal barra retorno dos peritos médicos do INSS, em todo o Brasil Determina novas vistorias nas agências. Também proibiu corte de pontoEis a íntegra (46 KB) da decisão do juiz federal Márcio de França de Moreira.

Ao todo, 21 agências foram consideradas "inaptas" pela associação, que prometeu enviar ao Secretário da Previdência, ainda nesta terça, a lista das unidades com todas as pendências especificadas. Os servidores lotados nessas 21 unidades, segundo a entidade, "deverão se manter em trabalho remoto por risco sanitário à vida do servidor e do segurado."

“Solicitamos que a Secretaria de Previdência não ameace os servidores lotados nas agências consideradas inaptas sob pena de responsabilização pessoal e funcional de quem der causa as ameaças por violação às leis 13.869/19 e 13.979/20”, publicou, em nota, a associação.

Nessa segunda, de acordo com a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, 149 peritos do INSS retornaram ao trabalho. Foram feitas 1.376 perícias presenciais em 57 das 100 agências abertas. Em Belo Horizonte, dos 20 peritos que atuam nas duas unidades, 14 haviam voltado ao trabalho presencial.

Vetado por médicos, Askew revela sequelas da concussão desde acidente na Indy 500 .
Fora da rodada dupla de Indianápolis, Oliver Askew confirmou que sofreu concussão após forte acidente na Indy 500, em agosto. Piloto será substituído por Helio Castroneves na McLarenEm entrevista à Associated Press, Askew revelou que sofre de tontura, dores de cabeça e dificuldades para dormir desde o acidente na Indy 500, realizada em 23 de agosto. Apesar do esforço em participar de mais quatro corridas, foi convencido pela família a procurar tratamento.

usr: 3
Isto é interessante!