Brasil Mulher é flagrada andando nua pelas ruas do Barreiro, em BH; veja vídeo

02:20  28 outubro  2020
02:20  28 outubro  2020 Fonte:   em.com.br

Com cidade fragilizada pela pandemia, população de BH teme mais enchentes

  Com cidade fragilizada pela pandemia, população de BH teme mais enchentes Após perdas com coronavírus, lojistas e moradores dos 221 pontos de alagamento de BH fazem obras para tentar evitar perdas, como as ocorridas com os temporais de janeiro

MIDORIYA GARANHÃO E A MULHER PELADA (Análise do Episódio 16 de BNH3) - Продолжительность: 9:31 Canal Tragicômico Recommended for you.

Carreta vira na Br-226 entre Grajaú e Barra do Corda e carga é saqueada - Продолжительность: 1:42 Gildásio Brito 7 804 просмотра.

  Mulher é flagrada andando nua pelas ruas do Barreiro, em BH; veja vídeo © Reprodução

O vídeo de uma mulher que caminha sem roupas pelas ruas do Bairro Cardoso, no Barreiro, em Belo Horizonte, viralizou nos grupos de moradores da região.

Ela foi flagrada andando na Rua Brusque e chamou a atenção de testemunhas que pararam para filmar e fotografar o momento inusitado.

Em um dos registros, o homem que gravou a mulher pede para que ela coloque sua vestimenta. “Põe a roupa, moça”, disse o rapaz.

Outra pessoa pede que ela pose para as câmeras e anuncia que vai enviar as imagens pelo aplicativo de mensagens Whatsapp. A partir disso, ela aparentemente concorda, vira de costas e exibe as nádegas.

O que diz a lei

A lei 13.718/2018 acrescentou ao código penal o artigo 218-C, que diz que o compartilhamento de imagens de nudez apenas será crime quando não houver consentimento da pessoa. Leia:

“Art. 218-C. Oferecer, trocar, disponibilizar, transmitir, vender ou expor à venda, distribuir, publicar ou divulgar, por qualquer meio - inclusive por meio de comunicação de massa ou sistema de informática ou telemática -, fotografia, vídeo ou outro registro audiovisual que contenha cena de estupro ou de estupro de vulnerável ou que faça apologia ou induza a sua prática, ou, sem o consentimento da vítima, cena de sexo, nudez ou pornografia: Pena - reclusão, de 1 (um) a 5 (cinco) anos, se o fato não constitui crime mais grave”.

Já andar nu pode ser considerado crime, segundo o artigo 233 do código penal, que trata de ato obsceno. Pessoas que são flagradas pela polícia em atos obscenos podem ser condenadas a três anos de prisão.

A reportagem do Estado de Minas entrou em contato com a Polícia Militar para apurar se a mulher chegou a ser detida. De acordo com a Sala de Imprensa, nenhum registro foi feito nesse sentido.

'Defesa da honra'; 'era lasciva': como a Justiça põe mulheres no 'banco dos réus' em denúncias de violência no Brasil .
Em meio à comoção causada pelo caso Mariana Ferrer, veja exemplos em que a reputação da vítima e seu suposto 'efeito' sobre o comportamento masculino foram usados para defender ou absolver réus homens no país.Na segunda-feira (3/11), o site The Intercept publicou o vídeo de uma audiência virtual do caso ocorrido em Santa Catarina, na qual o advogado Claudio Gastão de Rosa Filho, responsável pela defesa do réu André Camargo de Aranha (que foi inocentado da acusação de estupro), mostrou fotos de Mariana Ferrer.

usr: 284
Isto é interessante!