Brasil Menino de 10 anos invade garagem e depreda sete micro-ônibus

01:20  05 maio  2021
01:20  05 maio  2021 Fonte:   em.com.br

Ônibus a hidrogênio pode complementar veículos a bateria em transição para transporte limpo

  Ônibus a hidrogênio pode complementar veículos a bateria em transição para transporte limpo Ônibus a hidrogênio em Tóquio: cidade planeja 80 postos de abastecimento do combustível até 2025 Photo by Hobi industri on Unsplash Tecnologias limpas são o futuro do transporte coletivo. Em meio ao período mais quente já registrado, a descarbonização da frota de ônibus tem um grande potencial para a redução de emissões de gases de efeito estufa e poluentes locais – ao mesmo tempo em que melhora a qualidade do serviço. Estima-se que para cada mil ônibus elétricos na estrada, cerca de 500 barris por dia de óleo diesel são retirados do mercado.

Um ato de vandalismo, em que sete micro-ônibus escolares foram depredados e tiveram seus vidros destruídos, numa garagem de ônibus escolares da Prefeitura de Poço Fundo, no Sul de Minas, ocorrido em 27 de fevereiro deste ano, foram enfim esclarecidos pela Polícia Civil, que identificou o autor do crime: um menino de 10 anos.

No início das investigações, ninguém poderia imaginar que uma criança seria capaz de causar tanta destruição © PCMG/Divulgação No início das investigações, ninguém poderia imaginar que uma criança seria capaz de causar tanta destruição

Segundo as investigações, a criança invadiu o local e, usando um martelo de emergência, que pode ser encontrado dentro de qualquer ônibus, pois é equipamento de emergência, passou a quebrar vidros de janelas e portas.

Gabriel Menino é afastado e recebe cuidados especiais do Palmeiras

  Gabriel Menino é afastado e recebe cuidados especiais do Palmeiras Jovem ainda sofre por ter acelerado a recuperação de entorse sofrida no tornozelo direito em partida do Brasileirão 2020 e só retornará aos gramados quando estiver '100%'>> ATUAÇÕES: Garçom, Scarpa brilha e é o melhor do Palmeiras no clássico

As apurações identificaram que esse menino estava acompanhado de dois outros, no entanto só ele teria cometido a ação de vandalismo. Os dois teriam permanecido no local, observando e vigiando para informar se aparecesse alguém.

O inquérito foi concluído e remetido à Justiça, que vai enviar o procedimento para análise do Ministério Público, responsável pela manifestação sobre possíveis medidas específicas de proteção sobre a criança, conforme o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), em especial o art. 101.

Como esse é um caso raro, não se sabe se caberá ou não punição ao menino ou se os pais responderão por crime de responsabilidade.

O fotógrafo cego do Piauí que luta para cobrir Paralimpíadas de Tóquio .
Depois de uma passagem de sete anos pelo esporte paralímpico no atletismo, João Maia decidiu se dedicar totalmente a sua paixão: a fotografia. 'Ignoradas' por Clubhouse, pessoas com deficiência pedem redes sociais mais acessíveis Namoro e deficiência: 'Por que acham que sou cuidadora do meu namorado?' Ele trocou a vida de atleta pela vida artística e se destacou em 2016, quando chamou a atenção por ser um fotógrafo cego fazendo a cobertura dos Jogos Paralímpicos no Rio de Janeiro.

usr: 1
Isto é interessante!