Brasil Uberlândia flexibiliza atividades comerciais às vésperas do Dia das Mães

05:16  06 maio  2021
05:16  06 maio  2021 Fonte:   em.com.br

Dia das Mães pode gerar pico de covid em junho ou julho, diz epidemiologista

  Dia das Mães pode gerar pico de covid em junho ou julho, diz epidemiologista Infecções disparam após feriados. Poder360 já mostrou a tendência“O lema é: cumprimente sua mãe à distância em 2021, para ter uma boa festa e um almoço em 2022”, afirma o médico. “Se for o repeteco do que aconteceu no Natal, nós vamos ter um pico por volta de junho e julho“, diz.

Às vésperas do Dia das Mães, o comércio de Uberlândia terá mais uma flexibilização, com extensão do período em que as lojas poderão ter atendimento presencial. O mesmo vai ocorrer para bares e eventos, mas de forma controlada. As novas deliberações passam a valer nesta quinta-feira (6/5).

CDL havia pedido que horários do comércio fossem flexibilizados em Uberlândia © Reprodução/Wikimedia/will7 CDL havia pedido que horários do comércio fossem flexibilizados em Uberlândia

O novo decreto publicado pelo município aponta que comércio varejista no Centro e demais bairros da cidade poderão atender presencialmente entre 9h e 18h, exceto domingo, quando devem se manter fechados.

Multas contra vendas irregulares de bebidas viram doações em Uberlândia

  Multas contra vendas irregulares de bebidas viram doações em Uberlândia Autuações por venda de bebidas alcoólicas durante lei seca foram revertidas em 8,4 mil máscaras N95 e em outros insumosTermos de Ajustamento de Condutas (TAC) assinados pelas empresas autuadas junto ao Procon municipal garantiram as doações.

Da mesma forma, shopping centers, galerias, pátios e condomínios de lojas poderão funcionar entre 12h e 21h, de segunda a sábado.

Para supermercados, hipermercados, mercearias, açougues, peixarias, padarias, além de restaurantes, pizzarias, sorveterias, lanchonetes e congêneres, fica permitido o funcionamento até 21h, de segunda a sábado. Aos domingos, o funcionamento segue até 14h.

Os bares, distribuidoras e depósitos de bebidas, que até então tinham funcionamento vetado após 18h, também estenderão seu atendimento até 21h entre segunda e sábado. Eles poderão reabrir aos finais de semana, sendo sábado até 21h e domingo até 16h.

Sempre deverá haver pelo menos três metros de distância entre as mesas.

Eventos poderão ter até 50 pessoas

Os eventos sociais e corporativos foram liberados com a participação de, no máximo, 50 pessoas. Eles poderão acontecer a qualquer dia, mas com horário restrito entre 6h e 21h.

Rio flexibiliza medidas restritivas e libera praias e casas de show

  Rio flexibiliza medidas restritivas e libera praias e casas de show Valem até 20 de maio. Libera horário de baresPraias, parques e cachoeiras não foram mencionados no documento, mas, segundo a prefeitura, estão liberados também nos finais de semana e feriados. Antes, só era permitido frequentar esses espaços nos dias úteis.

Nesta semana, a Câmara dos Dirigentes Lojistas de Uberlândia (CDL) enviou ofício para o prefeito Odelmo Leão (PP), reivindicando o funcionamento das empresas de comércio e serviços nos dias 8 e 9 de maio (véspera e Dia das mães), considerada a segunda melhor data do ano para o varejo.

De acordo com uma pesquisa realizada pela CDL em abril, 79,6% dos consumidores pretendem presentear e 56,67% dessas compras serão realizadas em lojas físicas, o que torna primordial uma nova escala de funcionamento, com dias e horários mais flexíveis, para ampliar a disponibilidade de atendimento aos clientes, sem provocar o aumento do movimento no transporte público.

O chefe do Executivo de Uberlândia, por meio de redes sociais, informou que a nova flexibilização se deu por melhorias nos indicadores locais em relação à COVID-19, como redução de contágio e de procura de unidades de saúde.

“Os nosso indicadores favorecem essa pequena abertura e vai depender de cada um de nós para evoluirmos nessa abertura. Domingo é Dia das Mães, vamos evitar aglomerações”, disse Leão.

Encontros de Dia das Mães elevam temor de onda de contágios com pandemia estacionada em alto patamar no Brasil

  Encontros de Dia das Mães elevam temor de onda de contágios com pandemia estacionada em alto patamar no Brasil Governadores e prefeitos flexibilizam medidas às vésperas da data e especialistas preocupam-se com um recrudescimento da crise sanitária quando hospitais seguem em situação grave. Casos no país deixam de cair e se estabilizamOs indicadores da pandemia no Brasil caminham para uma estabilização depois de o país enfrentar o mês mais letal da crise, mas continuam em um patamar tão elevado quanto preocupante. Com uma média de 60.000 novos diagnósticos de covid-19 por dia no país, especialistas alertam que não é o momento de baixar a guarda. Mesmo indicadores que começaram a cair nas últimas semanas agora apresentam tendência de reversão do quadro.

O que é um lockdown?

Saiba como funciona essa medida extrema, as diferenças entre quarentena, distanciamento social e lockdown, e porque as medidas de restrição de circulação de pessoas adotadas no Brasil não podem ser chamadas de lockdown.

Vacinas contra COVID-19 usadas no Brasil

  • Oxford/Astrazeneca

Produzida pelo grupo britânico AstraZeneca, em parceria com a Universidade de Oxford, a vacina recebeu registro definitivo para uso no Brasil pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). No país ela é produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

  • CoronaVac/Butantan

Em 17 de janeiro, a vacina desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac, em parceria com o Instituto Butantan no Brasil, recebeu a liberação de uso emergencial pela Anvisa.

  • Janssen

A Anvisa aprovou por unanimidade o uso emergencial no Brasil da vacina da Janssen, subsidiária da Johnson & Johnson, contra a COVID-19. Trata-se do único no mercado que garante a proteção em uma só dose, o que pode acelerar a imunização. A Santa Casa de Belo Horizonte participou dos testes na fase 3 da vacina da Janssen.

Cufa arrecada 400 toneladas de alimentos para mães da favela

  Cufa arrecada 400 toneladas de alimentos para mães da favela A distribuição de cestas básicas e material de higiene foi feita no Mineirão para 60 mil pessoas, número suficiente para lotar o estádio © CUFA/Divulgação

  • Pfizer

A vacina da Pfizer foi rejeitada pelo Ministério da Saúde em 2020 e ironizada pelo presidente Jair Bolsonaro, mas foi a primeira a receber autorização para uso amplo pela Anvisa, em 23/02.

Minas Gerais tem 10 vacinas em pesquisa nas universidades

Como funciona o 'passaporte de vacinação'?

Os chamados passaportes de vacinação contra COVID-19 já estão em funcionamento em algumas regiões do mundo e em estudo em vários países. Sistema de controel tem como objetivo garantir trânsito de pessoas imunizadas e fomentar turismo e economia. Especialistas dizem que os passaportes de vacinação impõem desafios éticos e científicos.

Quais os sintomas do coronavírus?

Confira os principais sintomas das pessoas infectadas pela COVID-19:

  • Febre
  • Tosse
  • Falta de ar e dificuldade para respirar
  • Problemas gástricos
  • Diarreia

Em casos graves, as vítimas apresentam

  • Pneumonia
  • Síndrome respiratória aguda severa
  • Insuficiência renal

Os tipos de sintomas para COVID-19 aumentam a cada semana conforme os pesquisadores avançam na identificação do comportamento do vírus.

Entenda as regras de proteção contra as novas cepas

Mitos e verdades sobre o vírus

Nas redes sociais, a propagação da COVID-19 espalhou também boatos sobre como o vírus Sars-CoV-2 é transmitido. E outras dúvidas foram surgindo: O álcool em gel é capaz de matar o vírus? O coronavírus é letal em um nível preocupante? Uma pessoa infectada pode contaminar várias outras? A epidemia vai matar milhares de brasileiros, pois o SUS não teria condições de atender a todos? Fizemos uma reportagem com um médico especialista em infectologia e ele explica todos os mitos e verdades sobre o coronavírus.

Para saber mais sobre o coronavírus, leia também:

  • Veja onde estão concentrados os casos em BH
  • Coronavírus: o que fazer com roupas, acessórios e sapatos ao voltar para casa

  • Animais de estimação no ambiente doméstico precisam de atenção especial

  • Coronavírus x gripe espanhola em BH: erros (e soluções) são os mesmos de 100 anos atrás

Prefeitura de Uberlândia suspende vacinação de grávidas e puérperas .
Decisão seguiu recomendação da Anvisa sobre a suspensão do uso da vacina AstraZeneca em todo o país   Segundo o prefeito Odelmo Leão (PP), a suspensão vai durar até que as investigações sejam concluídas e que novas orientações sejam repassadas pelo Ministério da Saúde. O município foi o primeiro do Triângulo Mineiro a anunciar a suspensão.

usr: 3
Isto é interessante!