Brasil “Vacina tem comprovação científica?”, diz Bolsonaro ao defender cloroquina

04:00  10 junho  2021
04:00  10 junho  2021 Fonte:   poder360.com.br

Veja os principais momentos da CPI da Covid até agora

  Veja os principais momentos da CPI da Covid até agora Muita coisa aconteceu desde que Comissão Parlamentar de Inquérito começou em 27 de abril. Para quem não conseguiu acompanhar tudo, a BBC News Brasil fez uma seleção dos principais momentos até agora.Também teve diversas revelações sobre ações e omissões do governo federal durante a pandemia, testemunhas caindo em contradição, bate-boca entre parlamentares, senadores governistas fazendo perguntas com base em notícias falsas, oposição acusando depoentes de mentir e até um requerimento de convocação do Presidente da República.

sexo – Bolsonaro tem 45% das intenções de voto entre homens; e 23% entre mulheres; região – no Nordeste, a vantagem de Lula sobre Bolsonaro diminuiu para 5 pontos percentuais (41% a 36%); escolaridade – Lula tem 38% entre os que cursaram ensino superior; Bolsonaro , 26% “ Vacina tem comprovação científica ?”, diz Bolsonaro ao defender cloroquina .

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta 4ª feira (9.jun.2021) que, quando retiradas “fraudes” na notificação, o Brasil foi o país com menor número de mortes por milhão de habitantes causadas pela covid-19 em 2020. Segundo ele, isso ocorreu por conta do “tratamento precoce” da doença, prática não reconhecida e rejeitada por especialistas. A declaração, sem provas, foi feita em um culto evangélico realizado em Anápolis (GO). Bolsonaro também voltou a afirmar que houve supernotificação das mortes pelo vírus em 2020.

Bolsonaro participou de culto evangélico em Anápolis (GO) nesta 4ª feira (9.jun.2021) © Reprodução/TV Brasil Bolsonaro participou de culto evangélico em Anápolis (GO) nesta 4ª feira (9.jun.2021)

Se nós retirarmos as possíveis fraudes, nós vamos ter em 2020, ou melhor, teremos em 2020 sim, o Brasil com o menor número de mortes por milhão de habitantes por causa da covid. Que milagre é esse? O tratamento precoce. Quem aqui tomou hidroxicloroquina? Querem prova maior? Eu tomei. Outros tomaram ivermectina. Outros em estado mais grave, alguns poucos porque é difícil encontrar no Brasil, [tomaram] a proxalutamida“, declarou.

Quem é Nise Yamaguchi? Conheça a médica que vai depor na CPI sobre ‘gabinete paralelo’

  Quem é Nise Yamaguchi? Conheça a médica que vai depor na CPI sobre ‘gabinete paralelo’ Senadores esperam que depoimento fortaleça tese de que Bolsonaro tinha estrutura de especialistas fora do Ministério da SaúdeCom extenso currículo no campo da oncologia clínica, a médica surpreendeu colegas, há pouco mais de um ano, com sua postura pró-cloroquina, medicamento sem eficácia comprovada contra o coronavírus, capaz de provocar efeitos colaterais adversos. Próxima de Jair Bolsonaro, ela chegou a ser cotada para assumir o Ministério da Saúde. O presidente é um entusiasta do chamado tratamento precoce com o uso do remédio, indicado para malária e amebíase, entre outras doenças.

Receba a newsletter do Poder360

Ao defender medicamentos sem qualquer eficácia comprovada contra a doença, o chefe do Executivo disse que as vacinas contra a covid-19 são de caráter “experimental“. Os imunizantes aplicados no Brasil, contudo, foram aprovados pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), que analisa a segurança e eficácia das vacinas.

E eu pergunto: a vacina tem comprovação científica ou está em estado experimental ainda? Está [em estado] experimental. Nunca vi ninguém morrer por tomar hidroxicloroquina, em especial na região amazônica“, disse. “Não veio da minha cabeça o que eu falo sobre essa doença, veio de conversas com pessoas que realmente se preocupam com pesquisas sobre o assunto”, afirmou.

Juristas convidados pela CPI da Covid fazem plano de trabalho; confira quem são eles

  Juristas convidados pela CPI da Covid fazem plano de trabalho; confira quem são eles Grupo de especialistas foi chamado pelos senadores para apresentar um estudo sobre possíveis crimes cometidos por Bolsonaro na pandemiaO professor adjunto de Direito Penal Salo de Carvalho, da Faculdade Nacional de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), vai liderar o grupo.

O presidente voltou a citar o TCU (Tribunal de Contas da União) e a existência de uma “tabela“, produzida por seus auxiliares, que comprova a supernotificação de mortes pelo vírus no ano passado. A própria corte de contas emitiu nota negando a existência de um relatório oficial com essa informação, como mencionado por Bolsonaro. Nesta 4ª feira, o TCU afastou o auditor que fez o documento paralelo e com dados não comprovados, que tem sido citado pelo presidente.

Culto

Boslonaro participou nesta tarde do Culto Interdenominacional das Igrejas de Anápolis (GO). Além de lideranças evangélicas, também acompanharam o presidente os ministros Onyx Lorenzoni (Secretaria Geral) e Milton Ribeiro (Educação), além dos deputados Vitor Hugo (PSL-GO), ex-líder do Governo na Câmara, e Daniel Freitas (PSL-SC). O culto foi conduzido pelo pastor Thiago Cunha, da igreja Church in Connection.

Os evangélicos são parte da base de apoio de Bolsonaro. Em abril, Vitor Hugo intermediou um encontro no Palácio do Planalto entre o presidente e líderes evangélicos de Anápolis (GO). No dia 12 de maio, Bolsonaro foi anfitrião de um café da manhã no Planalto com a bancada evangélica do Congresso e ministros.

Governo secreto .
Uma das maiores contribuições da CPI da Covid até o momento foi esclarecer que o governo criou um gabinete paralelo para lidar com a pandemia. Ele servia apenas ao presidente, à revelia da estrutura oficial. O estrago que esse grupo causou ao País ainda será apurado, mas a sua própria existência é reveladora de uma verdade ainda mais perturbadora sobre o governo Bolsonaro. O presidente criou um sistema personalista, que deriva basicamente do seuAlém dos filhos, o presidente se cerca de aliados que se movimentam fora do radar da opinião pública, como ocorreu com a pandemia.

usr: 3
Isto é interessante!