Brasil Três milhões de doses da vacina da Janssen chegam ao Brasil na terça-feira, diz ministro

04:45  13 junho  2021
04:45  13 junho  2021 Fonte:   estadao.com.br

COVID-19: Juiz de Fora perde 10.769 doses devido a problema com seringas

  COVID-19: Juiz de Fora perde 10.769 doses devido a problema com seringas Prefeitura de Juiz de Fora disse que houve incompatibilidade da seringa cedida pelo Estado na aplicação da CoronaVac

A agência reguladora de medicamentos dos Estados Unidos (FDA, sigla em inglês) aprovou neste sábado, 12, o envio de 3 milhões de doses da vacina da Janssen, da Johnson & Johnson, ao Brasil. De acordo com ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, os imunizantes chegarão na terça-feira, 15, ao País.

O prazo de validade da vacina aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) é de três meses. A agência reguladora brasileira analisa a possibilidade de ampliar para quatro meses e meio. A decisão de estender a validade foi aprovada pelo FDA na última quinta-feira, 10.

Segundo Queiroga, as vacinas serão distribuídas para as capitais por conta da logística e têm validade até o dia 27 de junho, que poderá ser estendido até o dia 8 de agosto caso seja prorrogado pela Anvisa.

O que muda na vacinação do Brasil com decisão da Anvisa sobre Covaxin e Sputnik

  O que muda na vacinação do Brasil com decisão da Anvisa sobre Covaxin e Sputnik A decisão amplia a previsão de vacinas disponíveis no Brasil em pelo menos 67 milhões de doses, considerando os contratos referentes às duas 'novas' vacinas. Até o momento da decisão da Anvisa, prazos de entrega ainda não tinham sido divulgados.Esta foi a segunda vez que a Anvisa avaliou pedidos de importação destas vacinas. Em março, por unanimidade, negou o da Covaxin depois de fazer uma inspeção nas fábricas do laboratório Bharat Biotech.

“Assim temos mais agilidade em entregar essas doses à população brasileira”, explicou Queiroga. De acordo com ministro, o imunizante assegura 85% de segurança em casos severos de covid-19.


Video: 60 milhões de doses oferecidas ao Brasil acabaram sendo compradas por outros países (Estadão)

A vacina da Janssen é aplicada em dose única. A previsão é que o imunizante comece a ser distribuído aos Estados em 48 horas, ou seja, a partir de quinta-feira, 17. O ministro da Saúde informou ainda que houve um desconto de 25% no valor dos imunizantes e que o pagamento acontecerá apenas pelas doses, de fato, aplicadas.

Copa América

Segundo Queiroga, os membros da delegação venezuelana que estão no Brasil para participar da Copa América foram testados positivos para covid-19 estão em quarentena, isolados. Ao todo, oito jogadores e quatro integrantes da equipe permanecerão no país até testarem negativo para a doença.

A competição começa neste domingo, 13, a partir das 18h (horário de Brasília), com Brasil e Venezuela se enfrentando no Estádio Mané Garrincha, em Brasília.

Há suspeita de quatro casos de covid-19 entre jogadores da seleção da Bolívia. No entanto, a Conmembol ainda aguarda os resultados dos exames tipo RT-PCR para confirmar ou não os casos. A seleção boliviana joga contra o Paraguai na segunda-feira, às 18h, em Goiânia.

Avião com 1,5 milhão doses de vacina chega amanhã, diz ministro .
As vacinas da farmacêutica Janssen devem chegar ao Brasil às 6h45 de amanhã (22) , no aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP). © Shutterstock As vacinas da farmacêutica Janssen devem chegar ao O anúncio foi feito após uma previsão inicial, de receber 3 milhões de doses até 15 de junho, não ter sido confirmada. De acordo com o Ministério da Saúde, o envio foi cancelado pela própria Janssen, que não teria explicado os motivos.Queiroga afirmou que a vacina da Janssen “é muito útil” por ser de dose única, proporcionando uma vacinação “mais rápida” da população.

usr: 5
Isto é interessante!