Brasil Tarcísio Padilha, acadêmico e membro da ABL, morre aos 93 anos por covid

22:21  09 setembro  2021
22:21  09 setembro  2021 Fonte:   poder360.com.br

"A ABL tem que tomar cuidado, porque senão perde o bonde da história”, afirma Conceição Evaristo

  Escritora falou sobre candidatura na Academia Brasileira de Letras na sua participação no Roda Viva nesta segunda-feira (6)Evaristo se candidatou para uma cadeira na ABL para desafiar a falta de representatividade negra e feminina, apesar de ter recebido apenas 1 voto, a disputa gerou incômodo por parte dos participantes. Na ocasião, Cacá Diegues se elegeu com 22 votos, Pedro Corrêa do Lago, neto de Oswaldo Aranha, recebeu 11.

Tarcício Padilha, membro da Academia Brasileira de Letras (ABL), morreu nesta 5ª feira (9.set.2021) aos 93 anos vítima da covid-19. A instituição informou que não haverá velório em razão da pandemia.

Tarcísio Padilha, acadêmico e membro da ABL, morre aos 93 anos © Reprodução/ABL Tarcísio Padilha, acadêmico e membro da ABL, morre aos 93 anos

O presidente da ABL, Marco Lucchesi, disse em nota que a academia perdeu “uma de suas figuras mais queridas e admiradas”. Tarcísio Padilha ocupava a cadeira de número 2 desde 1997 e presidiu a ABL entre 2000 e 2001.

“Ex-presidente da sociedade internacional de filósofos católicos, foi amigo dos últimos Papas, sobretudo de João Paulo II. Tarcísio encarnou a filosofia da hospitalidade e da acolhida, pondo em prática o ideal de Panikkar: o “diálogo dialogante”. Absoluta liberdade, sem precondições, sem espaço para a colonização do Outro. Tarcísio defendeu a dupla cidadania agostiniana. Hoje habita o ponto ômega. Fonte de luz e de esperança”, disse Marco Lucchesi.

Morre Tarcísio Padilha, presidente da ABL entre 2000 e 2001, de Covid

  Morre Tarcísio Padilha, presidente da ABL entre 2000 e 2001, de Covid SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O professor Tarcísio Padilha, que presidiu a Academia Brasileira de Letras de 2000 a 2001, morreu nesta quinta-feira aos 93 anos, de Covid-19. Padilha era uma figura ativa no ambiente acadêmico, tendo participado da criação de cursos universitários e circulado em cátedras internacionais. Bacharel em filosofia, direito e ciências sociais, se tornou doutor em filosofia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, instituição da qual foi professor titular. Também integrou o corpo da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, a PUC-Rio, e da Escola Superior de Guerra.

Com a morte de Padilha, a ABL registra 5 cadeiras vagas em 2021. A academia já recebeu inscrições de 4 candidatos. O processo de avaliação demora cerca de 3 meses. A ABL é formada por 40 membros efetivos e permanentes.

Vida

O acadêmico nasceu no Rio de Janeiro em 17 de abril de 1928. Graduou-se no bacharelado em Filosofia e Direito pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). É licenciado em Filosofia pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e doutor em Filosofia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ).

Também é diplomado em Ciências Sociais pelo Instituto de Direito Comparado da PUC-Rio e pela Escola Superior de Guerra, da qual era membro do corpo permanente. Durante sua vida acadêmica, ele foi professor titular de Filosofia da UERJ (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) e de diversas outras instituições superiores do Rio de Janeiro, como a PUC-Rio e da Universidade Santa Úrsula.

Sua obra lhe rendeu várias condecorações e prêmios, como o título de Chevalier de l’Ordre des Arts et des Lettres, de Paris; o Prêmio Nacional de Filosofia, conferido pelo Instituto Brasileiro de Filosofia; título de Cavaleiro da Ordem do Santo Sepulcro de Jerusalém, Vaticano; a Ordem do Mérito do Livro pela Fundação Biblioteca Nacional e a Medalha do Mérito Cultural da República Helênica.

Glória Menezes volta a morar no Rio após morte de Tarcísio Meira .
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Após a morte de Tarcísio Meira, Glória Menezes, 86, vai voltar a morar no Rio. A informação foi divulgada na manhã deste sábado (4) por Mocita Fagundes, nora da atriz. "Hoje entramos na etapa dois. Mudança de ares sempre é bacana. Nossa rainha está indo para sua casinha no Rio! Cercada de amor, perto do mar. O Rio é alegre, é solar e ela está tri bem fisicamente. Lá, faremos muita ginástica, boas caminhadas e pegaremos um solzinho na praia", escreveu Mocita no Instagram. Por causa da pandemia, Glória e Tarcísio se isolaram na fazenda da família em Porto Feliz, interior de São Paulo. O casal recebeu diagnóstico positivo para a Covid-19 no início de agosto.

usr: 2
Isto é interessante!