Brasil Queiroga faz gestos obscenos a manifestantes em Nova York

17:40  21 setembro  2021
17:40  21 setembro  2021 Fonte:   istoe.com.br

Em Brasília, manifestantes começam ato pelo impeachment de Bolsonaro

  Em Brasília, manifestantes começam ato pelo impeachment de Bolsonaro Ao menos 17 capitais se mobilizam em manifestações contra o governo neste domingo (12. set. 2021)Ao menos 17 capitais fazem atos pedindo o impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) neste domingo (12.set). A convocação inicial foi do MBL (Movimento Brasil Livre), mas ganhou a adesão de outros grupos e partidos políticos de centro e de esquerda depois dos ataques e ameaças de Bolsonaro ao STF (Supremo Tribunal Federal), em manifestações a seu favor no feriado do Dia da Independência (7.set).

SÃO PAULO, 21 SET (ANSA) – O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, fez gestos obscenos a brasileiros que protestavam contra o governo federal em Nova York, Estados Unidos, na noite da última segunda-feira (20). Queiroga estava em um micro-ônibus que transportava a comitiva do presidente Jair Bolsonaro. Após o veículo ter passado por um grupo de manifestantes, o ministro se levantou de seu assento e mostrou o dedo do meio com as duas mãos de forma veemente. Em um vídeo que registra o episódio, é possível ver que os brasileiros que protestavam reagiram também fazendo gestos obscenos para Queiroga, que é criticado por causa de sua gestão da pandemia de Covid-19.

Bolsonaro e apoiadores pressionaram Queiroga pela suspensão da vacinação de adolescentes

  Bolsonaro e apoiadores pressionaram Queiroga pela suspensão da vacinação de adolescentes BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e seus apoiadores pressionaram o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, a rever regras para vacinação contra a Covid-19 de adolescentes. Feita às pressas e sem conhecimento dos técnicos do PNI (Programa Nacional de Imunizações), a decisão de orientar que jovens menores de 18 anos não sejam imunizados pegou de surpresa gestores do SUS, diretores da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e até secretários de Queiroga. O ministro atribuiu o recuo a dúvidas sobre a segurança e eficácia dos imunizantes em adolescentes.

  Queiroga faz gestos obscenos a manifestantes em Nova York © Fornecido por IstoÉ

Desde que o médico assumiu o lugar de Eduardo Pazuello, em 23 de março, aproximadamente 292 mil pessoas já morreram em função do novo coronavírus no Brasil, quase metade dos cerca de 591 mil óbitos registrados desde o início da pandemia.

Bolsonaro

Já o presidente Bolsonaro divulgou em suas redes sociais nesta terça-feira (21) um vídeo em que critica os manifestantes.

“Tem aproximadamente 10 pessoas aqui fazendo um escarcéu. As pessoas estão fora de si, e logicamente a imprensa brasileira vai dizer que houve manifestação enorme contra mim aqui em Nova York”, disse. Em seguida, Bolsonaro afirmou que o “bando” que protestava contra o governo “devia estar em um país socialista”, mas sem explicar o motivo dessa relação. “Pessoal que só tem porcaria dentro da cabeça, nem sabe o que tá fazendo aí”, acrescentou. No Twitter, o presidente ainda postou uma mensagem em que chama os manifestantes de “acéfalos”.

Diagnosticado com covid, Queiroga se encontrou com pelo menos 30 pessoas em NY .
Ministro da Saúde esteve em evento com o britânico Boris Johnson, ministros brasileiros e outras lideranças mundiais; agenda do chanceler brasileiro Carlos França foi afetadaNa segunda-feira, no hotel onde estão hospedados, Queiroga tomou o café da manhã com ministros e integrantes da comitiva presidencial. No mesmo dia, esteve com o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, e jantou na área externa do restaurante Fogo de Chão. Por determinação da prefeitura de Nova York, pessoas não vacinadas como o presidente não podem fazer consumo interno de alimentos.

usr: 1
Isto é interessante!