Brasil 'Ajudo na hora', diz ministro sobre trem turístico Belvedere-Olhos d'Água

04:45  24 setembro  2021
04:45  24 setembro  2021 Fonte:   em.com.br

Tibete inaugura primeiro trem-bala a 3.000 metros acima do nível do mar

  Tibete inaugura primeiro trem-bala a 3.000 metros acima do nível do mar O primeiro trem-bala do Tibete, região autônoma chinesa, entrou em serviço conectando a capital Lhasa com a cidade de Nyingchi em nove estações. A linha ferroviária tem 435 km e oferece o acesso ao trem a todas as 31 regiões provinciais da China continental. A nova ferrovia do Tibete foi apelidada de “telhado do mundo”, […] O post Tibete inaugura primeiro trem-bala a 3.000 metros acima do nível do mar aparece primeiro no Go Outside.

Linha de trem do Bairro Belvedere, no Centro-Sul de BH, pode ganhar revitalização © Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press - 19/04/2012 Linha de trem do Bairro Belvedere, no Centro-Sul de BH, pode ganhar revitalização O ministro da Infraestrutura do governo Jair Bolsonaro (sem partido), Tarcísio Gomes de Freitas, disse que o projeto para criação da linha de trem turística entre os bairros Belvedere, no Centro-Sul de BH, e Olhos D’Água, em Nova Lima (Grande BH), “faz muito sentido”.

Em conversa com o deputado estadual João Leite (PSDB), Tarcísio disse que “ajuda na hora” para tentar alavancar a revitalização. A área pertence ao governo federal, portanto a União precisaria repassar o terreno ao Governo de Minas.

RJ: Homem é atropelado por trem e morre

  RJ: Homem é atropelado por trem e morre RJ: Homem é atropelado por trem e morreConforme a Supervia, por volta de 6h30, o homem “acessou a linha férrea indevidamente e foi atingido por um trem na região de Bangu”.

“Entro no circuito e posso atuar junto à SPU (Secretaria do Patrimônio da União) para isso”, escreve o ministro Tarcísio Gomes de Freitas na mensagem.

A Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) realizou uma audiência pública para discutir o projeto no último dia 9. A ideia é instalar uma estação ferroviária para trem turístico e estruturas de lazer no local, com manutenção da área verde.

O projeto vem da Fundação Doimo, que quer entrar na jogada por meio de uma parceria público-privada.

A ideia da entidade é, após ligar BH com Nova Lima, também estender o complexo até o Instituto Inhotim, em Brumadinho, também na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Moradores se posicionam

Nesta quarta-feira (29), às 17h, líderes comunitários e síndicos do Bairro Belvedere vão se reunir no Hotel Caesar Business, na Avenida Luiz Paulo Franco, para discutir o tema. A ideia é apresentar os projetos para debate dos moradores.

Vídeo mostra fumaça invadindo Londres após explosão em estação de trem

  Vídeo mostra fumaça invadindo Londres após explosão em estação de trem Vídeo mostra fumaça invadindo Londres após explosão em estação de tremTen fire engines and around 70 firefighters are attending a fire at railway arches near to #ElephantCastle railway station. Please avoid the area and close all doors and windows https://t.

"Belo Horizonte não tem área verde. O que tem no Belvedere hoje de área preservada? A Lagoa Seca, que tem 27 mil metros quadrados. Em tese, para os moradores, é fundamental que (a área verde) permaneça para uma cidade futura. Você vai aumentar e melhorar a qualidade. As pessoas vão tirar foto para casamento, aproveitar para passear sábado e domingo... Esse é o projeto", afirma Ubirajara Pires, presidente da Associação dos Amigos do Bairro Belvedere (AABB).

Segundo ele, há dois outros projetos além da linha férrea. Um é o da construção de uma avenida para facilitar o trânsito de veículos na região.

Há, ainda, uma terceira alternativa do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) para instalação de viadutos no local, com uma eventual manutenção da área verde.

“Esse projeto está todo pronto com altimetria, planimetria, cotas, tudo isso já pronto há mais de cinco anos", diz Ubirajara sobre a opção do Dnit.

Incêndio

Por meio de suas redes sociais, o deputado estadual João Leite denunciou um incêndio na linha de trem que existe hoje no Belvedere. Segundo ele, a ação foi criminosa.

“Hoje, eu e o deputado Gustavo Mitre (PSC), vice-presidente da Comissão Pró-Ferrovias, estivemos no trecho ferroviário do Belvedere, entre a MG-030 e a BR-356, onde cerca de 400 metros de dormentes foram consumidos por um incêndio criminoso”, escreveu João Leite.

De acordo com o deputado, a Polícia Civil foi acionada para investigar o caso. A reportagem procurou a instituição de segurança pública na noite desta quinta (23/9) e aguarda posicionamento.

Sem chuva, racionamento avança e chega a 6 meses no interior de SP .
RIBEIRÃO PRETO, SP (FOLHAPRESS) - A falta de chuva tem baixado cada vez mais os níveis dos reservatórios, feito com que alguns locais já operem praticamente no volume morto e obrigado cidades a oferecem caminhões-pipa para atender moradores. Para piorar, as previsões de chuva não são favoráveis, e o colapso no abastecimento faz parte da rotina diária de municípios no interior paulista. A capital também sofre, com medidas de redução de pressão da água nas torneiras e perspectivas pouco animadoras, com o nível do Cantareira diminuindo rapidamente.

usr: 11
Isto é interessante!