Brasil Entenda os problemas e soluções da logística reversa em 2021 no Brasil

03:06  25 novembro  2021
03:06  25 novembro  2021 Fonte:   ecycle.com.br

Cinco ecossistemas nos quais soluções baseadas na natureza proporcionam enormes benefícios

  Cinco ecossistemas nos quais soluções baseadas na natureza proporcionam enormes benefícios Por Nações Unidas Brasil - Já ouviu falar nas 'Soluções Baseadas na Natureza'? O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) publicou uma reportagem na qual apresenta os benefícios dessas soluções, assim como a sua integração a cinco ecossistemas. Um relatório do PNUMA publicado pouco antes da COP26, a Conferência das Nações Unidas sobre Mudança do Clima, defende que essas soluções têm o potencial de reduzir o aquecimento global e mover nossas economias e sociedades para um caminho sustentável.

Entenda o contexto da logística reversa de resíduos sólidos no Brasil e conheça algumas soluções brasileiras de destaque da economia circular para pequenos e grandes fabricantes.

  Entenda os problemas e soluções da logística reversa em 2021 no Brasil © Fornecido por eCycle

Política Nacional de Resíduos Sólidos

Em 2010 foi sancionada a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), instituída pela Lei n°.12.305 e regulamentada pelo Decreto n°. 7.404. Essa lei estabelece diretrizes para o bom acondicionamento, gestão e destinação dos resíduos. Além disso, ela preconiza o fechamento de 100% dos lixões e a adequação dos fabricantes e importadores de produtos comercializados em embalagens (de ao menos 22% do total comercializado) à logística reversa. Entretanto, após 11 anos da instituição da PNRS, mais da metade dos municípios brasileiros ainda possui lixões a céu aberto, com taxa de reciclagem de somente 5%.

Inglaterra proíbe botox em menores de 18 anos; entenda como funciona no Brasil

  Inglaterra proíbe botox em menores de 18 anos; entenda como funciona no Brasil As injeções anti-rugas e de preenchimento estão sendo proibidas para consumidores de produtos de beleza menores de 18 anos no Reino Unido. A restrição de idade para os dois procedimentos cosméticos ocorre em um momento em que dezenas de milhares de adolescentes se submeteram a tratamentos para suavizar ou aumentar suas características, de acordo com o Daily Mail e o The Sun. Desde de 1º de outubro, será ilegal para injetores certificados administrarem paralisantes ou enchimentos musculares cosméticos em pacientes com menos de 18 anos.

Como as empresas podem se adequar à legislação?

Associações, cooperativas de catadores, pontos de entrega voluntária, condomínios e programas que viabilizem o retorno de embalagens descartadas à indústria da reciclagem são algumas ferramentas de adequação empresarial à PNRS.

Conhecendo o Muda

Uma dessas iniciativas presentes no mercado é o Muda, um grupo que atua no setor da logística reversa, economia circular e gestão de resíduos há mais de 12 anos.

No início, o grupo realizava o serviço de coleta seletiva somente em condomínios por meio do Instituto Muda, mas, ao longo dos anos, foi expandindo seus serviços e projetos para o mundo corporativo. O “Adote um Condomínio”, por exemplo, é uma iniciativa que conecta as empresas aos condomínios.

A crise hídrica e a Mata Atlântica

  A crise hídrica e a Mata Atlântica Em breve, será um desafio manter na região populações saudáveis e prover serviços ecossistêmicos básicos como o abastecimento da água.O Brasil enfrentou este ano a pior crise hídrica das últimas décadas nas Regiões Sudeste, Nordeste e Centro-Oeste, resultado direto da ação humana. E, sentimos muito em dizer, outras crises ainda maiores virão pela frente.

Por meio da atuação do Muda, empresas patrocinam a coleta seletiva em condomínios e recebem créditos de logística reversa e exposição de marca — um modelo já implementado em marcas como Natura, iFood, Ambev, Nestlé, Tetra Pak e Movimento Plástico Transforma.

Selo “Muda Recicla”

O selo “Muda Recicla” adequa os fabricantes à logística reversa sem que elas necessariamente adotem um condomínio. O Instituto Muda coleta os recicláveis nos condomínios, e o grupo contratante do serviço ganha créditos de logística reversa endereçados a pequenas e médias empresas, que podem utilizar o selo do Muda em suas embalagens.

Isso significa que, ao aderir o selo Muda, o contratante do serviço contribui com a economia circular, fazendo a logística reversa dos recicláveis e retornando-os para a cadeia de produção. Empresas como O-I (Owens-Illinois) e Ambev já implementaram esse modelo com sucesso.

A fotomontagem de uma antiga farmácia de maconha circula com afirmações falsas

  A fotomontagem de uma antiga farmácia de maconha circula com afirmações falsas A foto de uma farmácia com uma folha de maconha na fachada circula nas redes sociais desde, pelo menos, junho de 2021 e soma mais de 4.200 interações, com afirmações sobre um suposto consumo frequente de cannabis nos séculos XIX e XX. As publicações alegam que, naquele momento, as farmácias tinham mais de 20 tipos de medicamentos baseados na erva, “um dos maiores produtos plantados e colhidos na época”, e que as indústrias de papel, álcool, tabaco e algodão causaram sua proibição. Mas especialistas consultados pela AFP asseguraram que essas versões são incorretas. Além disso, a fotografia é, na verdade, a criação digital de um artista.

Central de Custódia

A Central de Custódia é uma empresa com atuação semelhante à do Instituto Muda. Entretanto, a forma pela qual contribui com a economia circular é destacando os resultados dos programas de logística reversa por meio de notas fiscais de comercialização de materiais.

Quando uma cooperativa vende os recicláveis, ela faz uma observação acerca do titular daquele volume para cumprimento da logística reversa de embalagens. É uma solução que ainda tem como vantagem gerar eficiência para os fabricantes e importadores de produtos embalados.

Entretanto, um problema envolvido nesse modelo é a duplicação criminosa de notas fiscais com a justificativa de auto-auditoria, algumas vezes sem o consentimento das empresas.

Ainda não existe uma regulamentação específica de notas fiscais para o setor de logística reversa. Porém, a Central de Custódia oferece a solução para organizar esse mercado. A empresa faz a leitura e validação de notas fiscais, mantém em custódia os respectivos arquivos e sistematiza as informações para preservar a unicidade e a não colidência (termo que se refere à semelhança entre marcas) das massas (em toneladas) de materiais recicláveis com base nas notas fiscais.

Alexandre Furlan Braz é CEO do Grupo Muda e vencedor dos projetos Geração Muda Mundo, Ian-Jovens Empreendedores Sociais e Elays.

Dona da Telhanorte aposta em retomada de hotéis e escritórios .
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Desde julho na presidência para a América Latina da multinacional francesa Saint-Gobain, especializada no setor de construção civil, o espanhol Javier Gimeno afirma que melhorias no processo industrial permitiram que o grupo segurasse parte do repasse da inflação ao consumidor. Ainda assim, foi preciso subir os valores dos produtos. "Acredito que 2022 ainda será um ano inflacionista", diz. O grupo planeja terminar este ano com crescimento de 40% no faturamento no Brasil, e alcançar 15% no próximo.

usr: 17
Isto é interessante!