Brasil Brasil tem déficit em transações correntes de US$ 4,5 bilhões em outubro

19:51  25 novembro  2021
19:51  25 novembro  2021 Fonte:   forbes.com.br

Brasil tem déficit em transações correntes de US$4,5 bi em outubro com piora na balança comercial

  Brasil tem déficit em transações correntes de US$4,5 bi em outubro com piora na balança comercial Brasil tem déficit em transações correntes de US$4,5 bi em outubro com piora na balança comercialBRASÍLIA (Reuters) - O Brasil registrou déficit em transações correntes de 4,464 bilhões de dólares em outubro, puxado pela piora da balança comercial e do déficit em conta primária, mostraram dados divulgados pelo Banco Central nesta quinta-feira.

O Brasil registrou déficit em transações correntes de US$ 4,464 bilhões em outubro, puxado pela piora da balança comercial e do déficit em conta primária, mostraram dados divulgados pelo Banco Central nesta quinta-feira (25).

De acordo com Banco Central, piora da balança comercial e déficit em conta primária aumentaram rombo em transações correntes. © Adriano Machado/Reuters De acordo com Banco Central, piora da balança comercial e déficit em conta primária aumentaram rombo em transações correntes.

O rombo em 12 meses avançou, com o resultado, a 1,66% do Produto Interno Bruto (PIB), ante 1,47% no acumulado até setembro.

SAIBA MAIS: IPCA-15 sobe 1,17% em novembro, diz IBGE

O déficit veio um pouco menor que a estimativa de US$ 4,823 bilhões apontada por analistas em pesquisa Reuters, mas bem acima do rombo de US$ 1,152 bilhão de outubro de 2020.

Câmara aprova pacote social e ambiental de US$ 1,8 tri proposto por Biden

  Câmara aprova pacote social e ambiental de US$ 1,8 tri proposto por Biden NOVA YORK, EUA (FOLHAPRESS) - A Câmara dos Representantes dos EUA aprovou na manhã desta sexta-feira (19) o pacote de investimentos sociais e ambientais proposto pelo governo de Joe Biden. O plano, que prevê ao todo US$ 1,85 trilhão (R$ 10,30 trilhões) em gastos, ainda precisa ser aprovado no Senado, onde poderá sofrer alterações. Como comparação, o PIB (produto interno bruto) do Brasil em dólares foi de US$ 1,44 trilhão em 2020. A votação estava prevista para a noite de quinta, mas foi adiada porque o representante Kevin McCarthy, líder dos republicanos na Câmara, fez um discurso de oito horas e meia, em uma manobra para dificultar o avanço da proposta.

Já os investimentos diretos no país (IDP) alcançaram US$ 2,493 bilhões, também abaixo de expectativa no mercado de US$ 4 bilhões e do valor de US$ 3,136 bilhões alcançado um ano antes.

Para o mês de novembro, o BC projetou déficit em transações correntes de US$ 7,8 bilhões e IDP de US$ 3,9 bilhões. Até o dia 22 deste mês, o fluxo cambial ficou negativo em US$ 5,588 bilhões, acrescentou o BC.

Entre janeiro e outubro, o rombo em transações correntes é de US$ 15,783 bilhões. A última estimativa do BC para o ano, feita em setembro, apontava déficit de US$ 21 bilhões em 2021.

No entanto, ela deverá ser revisada para cima no próximo Relatório Trimestral de Inflação, que será publicado em dezembro, já que só a incorporação da projeção do BC para o déficit de novembro já supera esse valor.

Câmara aprova pacote social e ambiental de US$ 1,8 tri proposto por Biden

  Câmara aprova pacote social e ambiental de US$ 1,8 tri proposto por Biden NOVA YORK, EUA (FOLHAPRESS) - A Câmara dos Representantes dos EUA aprovou na manhã desta sexta-feira (19) o pacote de investimentos sociais e ambientais proposto pelo governo de Joe Biden. O plano, que prevê ao todo US$ 1,85 trilhão (R$ 10,30 trilhões) em gastos, ainda precisa ser aprovado no Senado, onde poderá sofrer alterações. Como comparação, o PIB (produto interno bruto) do Brasil em dólares foi de US$ 1,44 trilhão em 2020. A votação estava prevista para a noite de quinta, mas foi adiada porque o representante Kevin McCarthy, líder dos republicanos na Câmara, fez um discurso de oito horas e meia, em uma manobra para dificultar o avanço da proposta.

OUTUBRO

Em outubro, o superávit da balança comercial foi de US$ 1,303 bilhão, inferior ao número de US$ 3,683 bilhões do mesmo mês do ano passado.

Dando prosseguimento a uma tendência vista em meses anteriores, isso ocorreu diante de um aceleração mais intensa na ponta das importações (alta de 52,0% sobre outubro de 2020) que das exportações (aumento de 27,8%).

Além disso, o déficit na conta de renda primária subiu 38,9% na mesma base de comparação, a US$ 4,596 bilhões, principalmente pelo crescimento de 58,6% na remessa de lucros e dividendos para fora, a US$ 3,715 bilhões.

Já o rombo na conta de serviços sofreu uma diminuição de 12,4% em outubro, a US$ 1,468 bilhão. O BC ressaltou que, dentro dessa conta, as despesas líquidas de aluguel de equipamentos caíram 28,7% na comparação com outubro de 2020, a US$ 602 milhões, influenciadas pela nacionalização de equipamentos no âmbito do Repetro.

Câmara aprova pacote social e ambiental de US$ 1,8 tri proposto por Biden

  Câmara aprova pacote social e ambiental de US$ 1,8 tri proposto por Biden Biden reassume as funções

Os gastos líquidos com viagens internacionais subiram a US$ 265 milhões, de US$ 103 milhões um ano antes.

REVISÃO DOS NÚMEROS

O BC atualizou nesta quinta-feira os dados do setor externo seguindo sua política de revisão ordinária anual dessas estatísticas.

Com o processo, o déficit em transações correntes em 2020 caiu US$ 1,4 bilhão, a US$ 24,5 bilhões, o equivalente a 1,70% do PIB.

“Essa revisão decorreu da variação na renda primária, cujo déficit foi revisto de US$ 39,7 bilhões para US$ 38,3 bilhões”, disse o BC.

Já para o acumulado de janeiro a setembro deste ano, o déficit em transações correntes subiu a US$ 11,3 bilhões, de US$ 8,1 bilhões antes, principalmente pelo aumento visto nas despesas líquidas da renda primária de US$ 3,2 bilhões no período, a US$ 36,3 bilhões. (Com Reuters)

Pré-sal produzirá 8,2 bilhões de barris de petróleo na próxima década .
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - De 2022 até 2031, a produção de petróleo na camada Pré-sal brasileira deve atingir a marca de 8,2 bilhões de barris de óleo equivalente (boe) acumulados, sendo que 1,5 bilhão são da União, pelo regime de partilha. A comercialização desse óleo vai gerar US$ 116 bilhões no período, além de US$ 92 bilhões em royalties e US$ 77 bilhões em impostos. Ou seja, o total de receitas para os cofres da União gerados pela exploração do Pré-sal será de US$ 285 bilhões até 2031. As informações são da Agência Brasil. Os dados foram apresentados nesta quarta-feira (24) pelo diretor-presidente da Empresa Brasileira de Administração de Petróleo e Gás Natural S.A.

usr: 3
Isto é interessante!