Brasil: Governo anuncia desbloqueio de R$ 14 bilhões do Orçamento - - PressFrom - Brasil

Brasil Governo anuncia desbloqueio de R$ 14 bilhões do Orçamento

03:10  13 novembro  2019
03:10  13 novembro  2019 Fonte:   estadao.com.br

Bolsonaro assina projeto para desestatizar Eletrobras

  Bolsonaro assina projeto para desestatizar Eletrobras Bolsonaro assina projeto para desestatizar EletrobrasA proposta de capitalização da Eletrobras vem sendo divulgada desde o início do ano como uma das prioridades da agenda energética e econômica de Bolsonaro. A assinatura foi feita durante cerimônia de 300 dias do governo.

Governo anuncia desbloqueio adicional de R ,3 bi no Orçamento . Governo deverá descontingenciar R ,3 bi em relatório Três dos projetos somam 14 ,8 bilhões de reais, segundo nota divulgada à imprensa pelo Ministério da Economia. O crédito de maior valor divulgado, de 5,7

Дмитрий Потапенко - Продолжительность: 14 :02 Дмитрий ПОТАПЕНКО 169 765 просмотров. Байкеры на службе Кремля: неизвестные факты из жизни Хирурга - Гражданская оборона, 14 .04 - Продолжительность: 8:50 Телеканал ICTV 75 170 просмотров.

Com a estimativa inicial, R$ 52,4 bilhões seriam pagos neste ano, e o restante, em 2020 © Ernesto Rodrigues / Estadão Com a estimativa inicial, R$ 52,4 bilhões seriam pagos neste ano, e o restante, em 2020

BRASÍLIA - O Ministério da Economia divulgou nesta terça-feira, 12, o desbloqueio de R$ 14 bilhões do Orçamento. Com a liberação, não há mais recursos bloqueados.

O desbloqueio dos recursos foi divulgado em um relatório extraordinário de avaliação de receitas e despesas.

De acordo com o documento, a liberação foi possível porque a União receberá R$ 69,9 bilhões com o megaleilão de petróleo – inicialmente, o governo estimou arrecadar R$ 106,6 bilhões.

Com a estimativa inicial, R$ 52,4 bilhões seriam pagos neste ano, e o restante, em 2020. Com isso, pela previsão inicial, haveria acréscimo de R$ 17,5 bilhões no montante que o governo previa arrecadar ainda em 2019.

Megaleilão frustra expectativa do governo e arrecada R$ 70 bilhões

  Megaleilão frustra expectativa do governo e arrecada R$ 70 bilhões Megaleilão frustra expectativa do governo e arrecada R$ 70 bilhõesO resultado do leilão reduz o valor que será destinado aos cofres da União, Estados e de municípios. Os recursos devem ser usados para quitar dívidas previdenciárias e investimentos.

O governo anunciou um contingenciamento de R $ 1,442 bilhão do Orçamento nesta segunda-feira. O corte no Orçamento faz parte da avaliação bimestral que o Ministério da Economia faz para verificar a situação de receitas e despesas.

Objetivo é garantir a meta de R $ 90 bilhões de superávit primário. O que está acontecendo com a Educação no governo Bolsonaro? - Продолжительность: 3:15 Catraca Livre 14 742 просмотра.

Como a lei prevê que o governo vai dividir parte dos recursos do leilão com Estados e municípios, foi preciso rever os cálculos e publicar o relatório divulgado nesta terça-feira.

No documento, o Ministério da Economia informa que o valor total que poderia ser desbloqueado somava R$ 16,7 bilhões. No entanto, a regra do teto de gastos e os limites do orçamento impedem novas despesas de emendas impositivas, do Legislativo, do Judiciário, do Ministério Público da União (MPU) e da Defensoria Pública da União (DPU). Por isso, o valor liberado foi reduzido em pouco mais de R$ 2 bilhões.

O secretário de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues, afirmou que as contas públicas devem fechar este ano com rombo de R$ 80 bilhões. A meta permite resultado negativo de até R$ 139 bilhões.

Para 2020, o secretário disse que o governo vai perseguir um resultado abaixo de R$ 80 bilhões, o que poderá ser alcançado com novos leilões de petróleo. Mas a meta oficial será mantida em R$ 124 bilhões, de acordo com o secretário.

_____________________

Maia lança agenda social, pacote de medidas sociais, dia 20 de novembro .
Maia lança agenda social, pacote de medidas sociais, dia 20 de novembroA definição das prioridades da Agenda Social está a cargo de um grupo coordenado pela deputada Tabata Amaral (PDT-SP) e que é formado por parlamentares e consultores da Presidência da Câmara. A escolha de Tabata para a missão foi do próprio presidente da Câmara.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais

Vídeos temáticos:

usr: 1
Isto é interessante!