Brasil Ao menos 5 praias no Piauí são atingidas por manchas de óleo

14:40  16 novembro  2019
14:40  16 novembro  2019 Fonte:   poder360.com.br

Pesquisadores dizem que mancha de óleo apareceu antes de passagem de navio grego

  Pesquisadores dizem que mancha de óleo apareceu antes de passagem de navio grego Pesquisadores dizem que mancha de óleo apareceu antes de passagem de navio gregoA imagem foi encontrada pelo Laboratório de Análise e Processamento de Imagens de Satélites (Lapis) da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) a 40 quilômetros da costa do Rio Grande do Norte. A descoberta levanta a hipótese de que o petroleiro grego não seja o responsável pelo vazamento.

A mancha de óleo que atinge a costa do Nordeste brasileiro avança e já chegou a mais praias do Estado do Piauí . A Marinha confirmou o reaparecimento Manchas de óleo não eram observadas na região piauiense desde 30 de setembro. De acordo com o novo balanço do Ibama (Instituto Brasileiro

De acordo com o Ministério da Saúde, o material tóxico pode causar graves problemas de saúde. Voluntários que atuam na limpeza das praias devem ter cuidados

Manchas de óleo não eram observadas na região piauiense desde 30 de setembro© Léo Domingos/Fotos Públicas Manchas de óleo não eram observadas na região piauiense desde 30 de setembro

A mancha de óleo que atinge a costa do Nordeste brasileiro avança e já chegou a mais praias do Estado do Piauí. A Marinha confirmou o reaparecimento no Delta do Parnaíba –1 dos maiores do continente americano– e na Praia do Pontal, em Ilha Grande. Manchas de óleo não eram observadas na região piauiense desde 30 de setembro.

De acordo com o novo balanço do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), o petróleo atingiu 607 locais, em 10 Estados, até este sábado (16.nov.2019). Eis a íntegra da lista de locais atingidos.

Manchas de óleo chegam ao litoral do Sudeste

  Manchas de óleo chegam ao litoral do Sudeste Força-tarefa do governo federal afirma que 'pequenos fragmentos de óleo' chegaram à praia de Guriri, no Espírito SantoSegundo nota do Grupo de Acompanhamento e Avaliação (GAA), composto pela Marinha, Agência Nacional de Petróleo (ANP) e Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), as amostras da substância foram encaminhadas para o Instituto de Estudos do Mar (IEAPM). O órgão confirmou ser o mesmo óleo encontrado no litoral do Nordeste.

Manchas de óleo nas praias do Nordeste - Продолжительность: 4:29 Beto Orcy - Ciência e Clima 7 027 просмотров. Piloto mostra como óleo se espalhou pelo litoral nordestino - Продолжительность: 9:27 Domingo Espetacular 290 005 просмотров.

Em 48 horas, três praias piauienses são consideradas impróprias para banho: praias de Atalaia, Peito de Moça e Pedra do Sal Também foi registrada a presença

Equipes já começaram a realizar a limpeza nas áreas. No Delta do Parnaíba, caberá à Capitania do Maranhão e ao Exército Brasileiro. Nas demais praias do Piauí, funcionários do Ibama, Corpo de Bombeiros, Secretaria do Meio Ambiente, ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade) e Defesa Civil.

  Ao menos 5 praias no Piauí são atingidas por manchas de óleo © Fornecido por Poder360 Jornalismo e Comunicação S/S LTDA.

De acordo com o comandante da CPPI (Capitania dos Portos do Piauí) Dante Duarte 450 quilos de óleo foram retirados da Praia de Atalaia –que também fica no Piauí e foi atingida na 5ª feira (14.nov). Até o momento, a praia é a única do Estado que foi considerada imprópria para banho.

“As manchas de óleo são diferentes das outras vezes, que tinham aspecto de massa. Desta vez, elas são pulverizadas, como se fossem moedas na areia e na água. Outras praias atingidas foram: Pedra do Sal, em Parnaíba, Peito de Moça e Coqueiro, em Luís Correia. Estamos com uma força tarefa para fazer a limpeza desses pontos”, afirmou Dante ao portal G1.

Como o comércio transatlântico de escravos explica o caminho do óleo até as praias do Nordeste

  Como o comércio transatlântico de escravos explica o caminho do óleo até as praias do Nordeste Como o comércio transatlântico de escravos explica o caminho do óleo até as praias do NordesteCartas náuticas daquela época já descreviam as principais correntes marítimas que operam na região — e que explicam o caminho percorrido pelo óleo até as praias brasileiras, no maior acidente a atingir o litoral do país em extensão.

Lamentável a situação da praia de Japaratinga em Alagoas A orla totalmente poluída por óleo O Ibama Manchas de óleo chegam na Praia dos Carneiros e São José da Coroa Grande, Litoral Sul de Manchas de óleo atingem 132 localidades em praias do Nordeste - Продолжительность: 9

Manchas são de óleo que provavelmente vazou de algum navio. A diferença das 5 praias em Porto de galinhas - Продолжительность: 2:31 Aposentado no Marketing Digital 236 просмотров.

O QUE SE SABE ATÉ AGORA

Ainda não se sabe se o derramamento foi acidental ou proposital. As investigações apontam que a origem do vazamento do produto seria 1 navio grego, de nome Bouboulina, que passou em território brasileiro, entre 28 e 29 de julho. O óleo em questão foi produzido na Venezuela, segundo as investigações.

A Delta Tankers, operadora do navio grego, diz que não há provas de que a embarcação foi responsável pelo vazamento. A empresa diz que câmeras e sensores foram checados e que o navio chegou ao destino sem perda de carga detectada.

  Ao menos 5 praias no Piauí são atingidas por manchas de óleo © Fornecido por Poder360 Jornalismo e Comunicação S/S LTDA.

Navio identificado pela Ufal não foi responsável por óleo na costa brasileira, diz Marinha .
Navio identificado pela Ufal não foi responsável por óleo na costa brasileira, diz MarinhaA negativa foi dada com base em estudos realizados pelo Centro de Hidrografia da Marinha e pela geointeligência do Ibama. De acordo com a nota a Marinha, a hipótese apresentada pelo Laboratório de Análise e Processamento de Imagens de Satélites (Lapis), sobre um eventual derramamento de óleo ocorrido por um navio a 26 km da costa da Paraíba, em 19 de julho, “não geraria o espalhamento de manchas que foi observado em nosso litoral, principalmente no sul do estado da Bahia e norte do Estado do Espírito Santo”.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais

Vídeos temáticos:

usr: 3
Isto é interessante!