Brasil: Ministra diz que governo vai criar canal para denunciar professor que atente 'contra a moral' - - PressFrom - Brasil

Brasil Ministra diz que governo vai criar canal para denunciar professor que atente 'contra a moral'

02:29  20 novembro  2019
02:29  20 novembro  2019 Fonte:   estadao.com.br

Governo quer criar quarentena para servidor público que disputar eleição

  Governo quer criar quarentena para servidor público que disputar eleição Governo quer criar quarentena para servidor público que disputar eleiçãoA proposta vem alinhada à opinião de parte da equipe econômica do governo, que avalia que servidores públicos não devem ter vínculos partidários. Em 5 de novembro, o ministro Paulo Guedes (Economia) reiterou a intenção em entrevista no Ministério da Economia. “Não vou dar estabilidade para militante. É como nas Forças Armadas: é servidor do Estado”, afirmou.

Gilmar Mendes diz que Moro colocou sua atuação sob questionamento ao aceitar o cargo de ministro Imagem: Mariana Goulart/Folhapress. Moro e os procuradores do MPF não têm reconhecido a autenticidade dos diálogos e dizem não ter atuado de forma irregular nos processos contra Lula.

Assisa a esta denúncia dessa professora . O governo diz que não tem verba, mas vai investir pesado para que novos professores (mais de 140 mil) sejam contratados e tentem passar ensinamentos no estilo LGBT (Gays, Lesbicas, Bi-sexuais e Transsexuais) nas escolas.

Segundo a ministra, a melhor forma de tratar sobre temas como o sexo é 'de forma correta, obedecendo às especificidades da idade, com professor preparado, como era muitos anos atrás quando eu era criança' © Valter Campanato/Agência Brasil Segundo a ministra, a melhor forma de tratar sobre temas como o sexo é 'de forma correta, obedecendo às especificidades da idade, com professor preparado, como era muitos anos atrás quando eu era criança'

BELO HORIZONTE - A ministra dos Direitos Humanos, Damares Alves, afirmou nesta terça-feira, 19, em Belo Horizonte que o governo federal vai criar um canal para que pais de alunos possam reclamar de professores que, durante as aulas, atentem "contra a moral, a religião e a ética da família". A ministra esteve na capital mineira para participar de audiência pública na Assembleia Legislativa sobre suicídio e automutilação entre jovens. Ela disse que o dispositivo será anunciado ainda este ano, mas não deu detalhes sobre o funcionamento.

Com protesto, primeira unidade em SP da Casa da Mulher Brasileira é inaugurada

  Com protesto, primeira unidade em SP da Casa da Mulher Brasileira é inaugurada Com protesto, primeira unidade em SP da Casa da Mulher Brasileira é inaugurada'Ligue 180' recebe denúncias sobre assédio e violência contra a mulher

Foi feito também pedido de expedição de ordem judicial para que as publicações feitas por Ana Caroline sejam retiradas da rede e que o número do telefone celular indicado para recebimento de denúncias seja bloqueado. O promotor de Justiça pediu ainda a condenação da deputada eleita por

Presidente diz que teve conversa 'reservada' com o ministro sobre os dados divulgados pelo Inpe. Bolsonaro citou o período no qual a ex-senadora Marina Silva foi ministra do Meio Ambiente, no governo Lula, para citar que houve recorde de desmatamento na Amazônia.

"O canal está sendo formatado entre os ministérios da Educação e dos Direitos Humanos. Vai ser anunciado em breve. O que queremos é somente o cumprimento da lei. O Brasil é signatário do Pacto de São José da Costa Rica. Lá está dizendo que a escola não pode ensinar nada que atente contra a moral, a religião e a ética da família." Procurado, o MEC não se manifestou.

A ministra, como exemplo, citou o caso de um professor do sexto ano de escola do Distrito Federal que teria pedido aos alunos redação sobre sexo oral e anal. "A família precisa ser ouvida. O que queremos trabalhar no Brasil é uma parceria de escola e família. A família sendo consultada, mas não delegando suas responsabilidades", disse.

A gestão Jair Bolsonaro é crítica de uma suposta doutrinação e pregação da "ideologia de gênero" em sala de aula pelos docentes. Esse termo vem sendo usado por grupos conservadores, mas não é adotado em universidades e escolas. O combate à doutrinação é uma bandeira do Movimento Escola sem Partido, grupo criado em 2004 para cobrar mecanismos que vigiem e punam supostos excessos de professores. Nos últimos anos, têm tramitado no Congresso e nos Legislativos locais projetos de lei inspirados nessa ideia - parte foi aprovada.

Bolívia anuncia expulsão de diplomatas da Venezuela

  Bolívia anuncia expulsão de diplomatas da Venezuela Após reconhecer Juan Guaidó como presidente da Venezuela, governo de Jeanine Áñez acusa funcionários da embaixada em La Paz de violarem regras da diplomacia e atacarem segurança interna do país. © picture-alliance/AP Photo/J. Karita Governo de Jeanine Áñez rompe relações com a Venezuela O novo governo da Bolívia anunciou nesta sexta-feira (15/11) a ruptura das relações com o regime de Nicolás Maduro e a expulsão de todos os funcionários da embaixada da Venezuela em La Paz, alegando a suposta interferência deles em assuntos internos do país.

O governo federal está elaborando um programa nacional de reforma das unidades básicas de saúde que prevê, entre outras ações, dobrar o repasse de recurso

Suspeito do Caso Vitória diz que foi ameaçado pela polícia - Продолжительность: 4:39 Assista: general mourão causa repercussão ao expor planos do governo Mãe do dançarino DG detona a Regina Casé e o Esquenta - Продолжительность: 6:40 Canal do Jorge 736

Segundo a ministra, a melhor forma de tratar sobre temas como o sexo é "de forma correta, obedecendo às especificidades da idade, com professor preparado, como era muitos anos atrás quando eu era criança", disse ela, que prometeu que não haverá embates. "Temos o conceito do que é bom. O professor tem bom senso. Não vamos de forma alguma instaurar uma guerra contra a escola. Tudo o que a gente quer é uma parceria entre escola e família. E é possível".

Damares disse que um material "adequado" será enviado pelos ministérios e que não haverá punições contra professores. "É possível falar de todos esses temas de forma didática, de forma educativa. O que estamos falando é sobre os absurdos que aconteceram como ontem", disse, se referindo ao professor de Brasília. 'Não existe aqui nenhum governo radical, opressor, que vai proibir falar sobre esses temas, obedecendo, repito, ao material didático certo, à idade certa e à forma certa com as crianças."

Bolívia anuncia expulsão de diplomatas da Venezuela

  Bolívia anuncia expulsão de diplomatas da Venezuela Bolívia anuncia expulsão de diplomatas da VenezuelaA ministra interina do Exterior da Bolívia, Karen Longaric, disse que, como houve uma mudança de governo no país, o Executivo atual será coerente com os princípios da democracia, do respeito aos direitos humanos e da Carta Democrática da Organização dos Estados Americanos (OEA). “É claro que vamos romper as relações com o governo de Maduro”, declarou a diplomata.

Ele disse que 'minoria radical' insiste na paralisação, apesar do acordo do governo com caminhoneiros. O governo informou que já entrou em contato com governadores, para que as polícias militares também sejam utilizadas na operação para desbloquear rodovias estaduais.

Ministro da Saúde afirma que o Brasil está perdendo a guerra contra o Aedes aegypti. Jornalismo SBT. Governo vai propor mudanças na lei trabalhista até fim do ano, diz ministro . Agência de Notícias Brasil. 1:11. Ministro diz que governo quer fixar idade mínima para a aposentadoria.

Em maio, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, chegou a incentivar que fossem denunciados professores, funcionários, pais e alunos que incentivassem protestos durante o horário escolar. Naquela época, grupos de estudantes e cientistas foram às ruas protestar contra os cortes federais na área. Em setembro, Weintraub encaminhou ofício às secretarias de educação, recomendando a pluralidade no ensino. O ministro evitou relacionar o documento, que não fazia menção a "doutrinação" ou "ideologia" ao Escola sem Partido e disse que o objetivo era "aliviar tensões".

Contramão

A presidente-executiva do Todos Pela Educação, Priscila Cruz, afirmou que esse tipo de proposta "vai na contramão" da melhoria da educação. "A criança aprende quando tem uma boa relação com o professor. Se essa relação é quebrada pela desconfiança, o aluno deixa de aprender", disse. Priscila reforçou que as "crianças precisam estar expostas às opiniões diferentes e que esse tipo de ação pode atrasar ainda mais o País".

Na opinião de Ocimar Alavarse, professor da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (USP), uma estratégia do tipo pode prejudicar o diálogo e "eventuais erros de professores deveriam ser tratados dentro da própria escola". /COLABOROU GILBERTO AMENDOLA

_______________________

Campeonato Inglês: veja 5 brasileiros para acompanhar na 13ª rodada .
Brasileiros prometem ser destaque mais uma vez no Campeonato Inglês Com o fim do primeiro turno se aproximando, as disputas Campeonato Inglês: veja 5 brasileiros para acompanhar na 13ª rodada - Torcedores.com.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais

Vídeos temáticos:

usr: 9
Isto é interessante!