Esportes Pietro Fittipaldi é confirmado como piloto reserva e de testes da Haas na F1

18:51  26 março  2020
18:51  26 março  2020 Fonte:   estadao.com.br

Pietro Fittipaldi é o novo piloto reserva e de testes da Haas F1 Team

  Pietro Fittipaldi é o novo piloto reserva e de testes da Haas F1 Team Integrante da equipe desde novembro de 2018, o brasileiro Pietro Fittipaldi foi confirmado nesta quinta-feira pela Haas F1 Team como o novo piloto reserva e de testes. Desde sua estreia no time norte-americano, quando guiou o carro da equipe nos testes de pneu da Pirelli em Abu Dhabi, Pietro já fez mais de 2.000 quilômetros […] Desde sua estreia no time norte-americano, quando guiou o carro da equipe nos testes de pneu da Pirelli em Abu Dhabi, Pietro já fez mais de 2.000 quilômetros conduzindo o carro em treinos, além de trabalhar nos ajustes da F1 com o simulador.

O sobrenome Fittipaldi está oficialmente de volta à Fórmula 1 . A equipe Haas anunciou nesta sexta-feira, 9, a contratação de Pietro Fittipaldi , de 22 anos, como seu novo piloto de testes e desenvolvimento. O neto do bicampeão mundial Emerson Fittipaldi – ele é filho de Juliana Fittipaldi

O piloto brasileiro também comentou sobre o início de trabalho na equipe em 2019. “Estou ansioso para a temporada começar, mas o nosso trabalho já foi Chefe de equipe da Rich Energy Haas F 1 Team, Guenther Steiner admitiu também estar ansioso para ver o modelo VF-19 em ação nas pistas.

A Haas confirmou nesta quinta-feira o brasileiro Pietro Fittipaldi como piloto reserva e de testes na Fórmula 1. Integrante do time desde novembro de 2018, o neto do bicampeão mundial Emerson Fittipaldi conduziu nesse período o carro em treinos e em simulador. A partir de agora ele trabalhará com a equipe também nos GPs ao longo da temporada 2020, além de compromissos em eventos.

Além dos treinos da Fórmula 1, Pietro participou nos últimos anos algumas das maiores categorias do mundo, como a DTM, Fórmula Indy e WEC (Mundial de Endurance). Em 2017, ele foi o campeão da World Series. A escuderia pretendia fazer o anúncio sobre o piloto semanas atrás, antes do GP do Austrália, mas cancelou a ideia porque a prova acabou desmarcada de última hora para evitar a pandemia do novo coronavírus.

Reuniões emergenciais e nova data da Olimpíada: as notícias do coronavírus nesta quinta

  Reuniões emergenciais e nova data da Olimpíada: as notícias do coronavírus nesta quinta Reuniões emergenciais e nova data da Olimpíada: as notícias do coronavírus nesta quinta

Conversamos com Pietro Fittipaldi , piloto de testes da Haas na F 1 que competiu na temporada de 2019 do DTM. O brasileiro analisou sua última campanha, refletiu sobre seu trabalho na Haas e detalhou seus planos para 2020 de olho na F 1 em 2021. TRILHA SONORA

O piloto brasileiro tem uma forte ligação com a equipe americana, mas alguns obstáculos devem impedir uma possível promoção em 2020. ••• Seja bem vindo ao

Pietro Fittipaldi, da Haas, sonha com vaga na categoria no futuro © Werther Santana/Estadão Pietro Fittipaldi, da Haas, sonha com vaga na categoria no futuro

O chefe da escuderia, Guenther Steiner, elogiou o brasileiro e ressaltou a importância dele para os resultados da escuderia nesta temporada. "Estamos felizes em continuar a oferecer a ele mais oportunidades de expandir essa relação com o time em 2020 assim que todos pudermos retomar os trabalhos. Pietro vai continuar nos dando opiniões significantes para o nosso programa de corrida apoiando Romain (Grosjean) e Kevin (Magnussen) e todo time de engenharia", afirmou.

O brasileiro terá como colega na função de piloto reserva o suíço Louis Delétraz. "Você nunca para de aprender na F1, seja em horas no simulador, seja fisicamente atrás do volante no carro na pista, algo que fiz muito com a Haas, acumulando mais de 2 mil quilômetros em testes. É gratificante poder ter essas duas experiências e estar associado a um time que conquistou tanto no esporte em tão pouco tempo", disse o piloto.

Além de Pietro, outro brasileiro que está perto do conseguir uma vaga futura na Fórmula 1 é o mineiro Sérgio Sette Câmara. O piloto esteve no posto de reserva da McLaren e neste ano assinou para assumir o mesmo posto pela Red Bull.

Horner diz que as equipes continuam de olho na Ferrari .
A Ferrari pode ter alguns motivos para não estar totalmente descontente com a pausa da F1. A equipe estava fortemente sob fogo na Austrália por causa da discussão das demais equipes com a FIA, sobre o motor de 2019 da Scuderia, e agora espera que a tempestade acabe. Após os testes de inverno em Barcelona, a FIA surgiu do nada com uma mensagem. Um acordo foi alcançado com a Ferrari sobre a suspeita de violação das regras. As outras equipes não estavam felizes com a maneira como as coisas ocorreram. Christian Horner afirmou que a Ferrari ainda não se livrou disso. “No momento, a Fórmula 1 e o mundo têm outras coisas em mente, mas certamente voltaremos ao assunto mais tarde.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais
usr: 0
Isto é interessante!