Esportes Instituto Votorantim oferecerá assessoria remota de combate ao coronavírus

01:30  08 abril  2020
01:30  08 abril  2020 Fonte:   em.com.br

COVID-19: Vice-presidente do Inter é mais um a testar positivo

  COVID-19: Vice-presidente do Inter é mais um a testar positivo Depois do presidente Marcelo Medeiros, agora foi a vez de Humberto Busnello ser diagnosticado com o coronavírusDe acordo com a assessoria do clube gaúcho, o dirigente apresentou sintomas da doença nos últimos dias e por precaução resolveu fazer o exame, que teve a sua confirmação nesta tarde.

Teste de anticorpos são exames de sangue. Enquanto não há uma vacina contra o coronavírus Sars-Cov-2, causadora da doença respiratória covid-19, vários países investem em testes de anticorpos para ter um panorama mais preciso sobre a situação atual da pandemia no mundo.

Segundo os especialistas, determinar quais células do sistema imunológico atuam no combate ao vírus poderá ajudar no desenvolvimento de uma vacina. Os pesquisadores australianos identificaram quatro tipos de células do sistema imunológico que combatem o novo coronavírus .

Assessoria será fornecida de maneira remota por quatros meses © Pixabay/Reprodução Assessoria será fornecida de maneira remota por quatros meses Diante da crise do novo coronavírus, o Instituto Votorantim lançou edital que seleciona municípios com alto risco epidemiológico para receberem assessoria técnica e especializada dirigida a equipes de saúde e prefeituras no enfrentamento da pandemia. O edital Municípios Contra o Coronavírus elegerá até 20 cidades para participarem do programa de capacitação em gestão para o combate à COVID-19.

De acordo com o instituto, podem participar apenas municípios com no máximo 350 mil habitantes e com maior risco e vulnerabilidade na disseminação do novo vírus, definidos a partir de estudo da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Também será levada em consideração a capacidade do município em seguir regras de isolamento e o engajamento dos agentes públicos, neste caso, a disponibilidade da equipe em receber o plano técnico do Instituto Votorantim por quatro meses.

COVID-19: Preparador físico explica cartilha de exercícios do Macaé

  COVID-19: Preparador físico explica cartilha de exercícios do Macaé Time é o décimo colocado na classificação geral do Carioca 2020 e ainda enfrenta Vasco e Fluminense na competiçãoApós a decisão da da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ), que paralisou o torneio inicialmente por 15 dias, o preparador físico e fisiologista do clube, Luciano Sousa, entrou em contato com todo elenco profissional para orientar os jogadores neste momento de incerteza no futebol. A ideia é diminuir o impacto pela falta de treinos e jogos na rotina do atletas.

Cientistas australianos disseram ter identificado pela primeira vez como o sistema imunológico combate a infecção pelo novo coronavírus , causador da doença Covid-19. Casos de coronavírus no Brasil em 18 de março.

07.04.2020 : Presidente Jair Bolsonaro, ministros e presidentes da Caixa e Dataprev participam de coletiva sobre detalhamento do auxílio emergencial aos

O instituto ainda informa que critérios de priorização para inscrições serão utilizados com base na porcentagem de população com mais de 60 anos, grupo de risco do coronavírus, cobertura da vigilância sanitária, dependência do sistema público, leitos hospitalares e quantidade de profissionais de saúde.

A assessoria será fornecida aos municípios de maneira remota por quatros meses, com possibilidade de prorrogação, caso necessário. Especialistas da área técnica e de saúde apoiarão as prefeituras e equipes de saúde na criação de um comitê gestor do município e na construção de um plano de ação com soluções para o enfrentamento do coronavírus.

As inscrições podem ser feitas até o sexta-feira (10) e a divulgação dos municípios selecionadas será feita em 14 de abril. O processo de capacitação começa já no dia 16 deste mês. Inscrições gratuitas pelo linkhttp://www.institutovotorantim.org.br/municipioscontraocorona/ * Estagiária sob supervisão do subeditor Eduardo Murta

Laboratórios de Wuhan nega responsabilidade no surto do novo coronavírus .
O diretor do laboratório da cidade chinesa de Wuhan acusado por parte da imprensa americana de ser a fonte do novo coronavírus negou categoricamente as acusações. A China é cada vez mais pressionada sobre a forma como administrou a pandemia. O governo dos Estados Unidos está tentando averiguar se o vírus teve origem em um instituto de virologia que possui um laboratório de biossegurança. Cientistas chineses afirmaram que o vírus provavelmente foi transmitido de um animal para os humanos em um mercado que vendia animais silvestres.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais
usr: 12
Isto é interessante!