Esportes Há exatos cinco anos, Palmeiras vencia São Paulo por 4 a 0; veja gols

03:16  29 junho  2020
03:16  29 junho  2020 Fonte:   lance.com.br

Você sabia? Jogador mais jovem a marcar pelo Palmeiras tinha 16 anos

  Você sabia? Jogador mais jovem a marcar pelo Palmeiras tinha 16 anos Por mais que não tenha conseguido se firmar no Palmeiras, o meia Juliano detém um recorde no Verdão, clube que o revelou. Em 1998, o jogador tornou-se o mais jovem a balançar as redes na história do Alviverde, com apenas 16 anos. O feito aconteceu em uma partida válida pela primeira fase da Copa Mercosul […]O feito aconteceu em uma partida válida pela primeira fase da Copa Mercosul de 1998, que foi conquistada pelo Palmeiras. Na ocasião, Juliano marcou o último gol da goleada por 5 a 0 do Verdão sobre o Nacional-URU, fora de casa, quanto tinha apenas 16 anos, 11 meses e 23 dias.

O São Paulo e o Palmeiras tiveram um ano equilibrado quando falamos de Choque-Rei. O Tricolor ainda não venceu o Verdão no ano , sim, mas Nesta 29ª rodada da Série A, o Palmeiras garantiu o domínio no retrospecto desta temporada, com uma vitória por 3 a 0 , gols de Bruno Henrique, Scarpa

Neste mesmo dia, há cinco anos atrás, o Santos derrotou o Palmeiras por 2 a 1 e conquistou o título estadual de 2015. Passou em primeiro do Grupo D e enfrentou o XV de Piracicaba nas quartas de final e venceu por 3 a 0 . Na semi, vitória diante do São Veja o post do Santos relembrando a data.

Há exatos cinco anos, Cristaldo fechava a goleada por 4 a 0 sobre o time de Ceni (Cesar Greco/Agência Palmeiras) © Fornecido por LANCE! Há exatos cinco anos, Cristaldo fechava a goleada por 4 a 0 sobre o time de Ceni (Cesar Greco/Agência Palmeiras)

Há exatamente cinco anos, o Palmeiras alcançava a sua maior vitória sobre o São Paulo no Allianz Parque. Em 28 de junho de 2015, os anfitriões venciam o Choque-Rei, pelo primeiro turno do Campeonato Brasileiro daquele ano, por 4 a 0. E o clube lembrou do clássico em publicação no Twitter, neste domingo.

Aquela partida foi o segundo duelo diante do arquirrival no moderno estádio - no primeiro, 3 a 0, com golaço de Robinho, do meio-campo. Há cinco anos, a vitória passou a ser construída no primeiro tempo, com gols do atacante Leandro Pereira, aos 31 minutos, e do zagueiro Victor Ramos, aos 40. O placar virou histórico na segunda etapa, com os atacantes Rafael Marques, aos 13 minutos, e Cristaldo, aos 26, completando a goleada.

Você sabia? Palmeiras já ajudou a derrubar dez técnicos do Corinthians

  Você sabia? Palmeiras já ajudou a derrubar dez técnicos do Corinthians A rivalidade entre Corinthians e Palmeiras faz com que o clássico entre as duas equipes seja uma das partidas mais aguardadas em todas as temporada, podendo trazer sérias consequências para o time que sair derrotado. Não à toa, o Timão já demitiu dez treinadores em sua história logo após a disputa de um Derby. A […]A primeira vez que o Palmeiras ajudou a derrubar um técnico do Corinthians foi em 1951. As duas equipes disputaram a fase final do Rio-São Paulo daquele ano e, após o Verdão sagrar-se campeão, Newton Serra foi demitido do comando do Alvinegro.

Palmeiras x São Paulo ATUAÇÕES: Willian brilha e leva maior nota do clássico Leia Mais No fim, Hyoran ainda completou o cruzamento de Willian para sacramentar os 4 a 2 e marcar seu primeiro gol pelo Nas cinco vezes que enfrentou o São Paulo no Allianz Parque, o Palmeiras venceu as cinco .

Cria do Palmeiras ganha título ucraniano pelo Shakhtar e agora mira Olimpíadas de Tóquio. Em 21 de junho de 1970, o Brasil dava show, vencia a Itália por 4 a 1 e levantava a Jules Rimet Há exatos 50 anos , Brasil derrotava a Itália na final no México e se sagrava campeão mundial pela terceira vez.

Confira a publicação do Palmeiras com os gols do clássico de cinco anos atrás:

Confira a ficha técnica da partida disputada em 28 de junho de 2015:

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 4 X 0 SÃO PAULO

Local: Allianz Parque, São Paulo (SP)

Data: 28/6/2015

Árbitro: Anderson Daronco (RS)

Público/Renda: 29.233 pagantes/R$ 1.989.100,00

Há 100 dias, Luiz Adriano fez últimos gols do Palmeiras: “É o que mais sinto falta”

  Há 100 dias, Luiz Adriano fez últimos gols do Palmeiras: “É o que mais sinto falta” Com o futebol paralisado pela pandemia de covid-19, a torcida do Palmeiras completa nesta quinta-feira exatos 100 dias sem comemorar um gol. Responsável pelas últimas bolas na rede do time alviverde, o centroavante Luiz Adriano sente saudades da vibração das arquibancadas. No dia 10 de março, pela segunda rodada da Copa Libertadores, o Palmeiras venceu o […]No dia 10 de março, pela segunda rodada da Copa Libertadores, o Palmeiras venceu o Guaraní por 3 a 1, no Allianz Parque. Inspirado contra o adversário paraguaio, Luiz Adriano marcou os gols do time mandante, todos anotados durante a etapa complementar.

O São Paulo era melhor em campo. Chegou à meta do goleiro vascaíno outras duas vezes, até que tudo O árbitro Carlos Eugênio Simon viu e expulsou o camisa 1, numa decisão contestada pelo São Paulo - Rogério Ceni, Belleti, Émerson, Júlio Santos, Gustavo Nery, Maldonado, Fábio Simplicio

O Palmeiras está classificado para a final do Campeonato Paulista. Jogando dentro de casa, o Verdão não tomou conhecimento do São Paulo e, apesar das dificuldades, venceu por 2 a 0 , neste domingo, no Palestra Itália.

Cartões amarelos: Lucas (PAL); Bruno, Hudson e Rafael Tolói (SAO)

Cartão vermelho: -

Gols: Leandro Pereira (31'/1ºT) (1-0) e Victor Ramos (40'/1ºT) (2-0); Rafael Marques (13'/2ºT) (3-0) e Cristaldo (26'/2ºT) (4-0)

PALMEIRAS: Fernando Prass; Lucas, Victor Ramos, Vítor Hugo e Egídio; Gabriel, Arouca, Robinho (Cleiton Xavier, 31'/2ºT) e Rafael Marques; Dudu (Gabriel Jesus, 36'/2ºT) e Leandro Pereira (Cristaldo, 14'/2ºT). Técnico: Marcelo Oliveira

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Bruno, Rafael Tolói, Dória e Carlinhos; Hudson (Centurion, 24'/2ºT), Souza, Paulo Henrique Ganso e Michel Bastos; Alexandre Pato (Thiago Mendes, 29'/2ºT) e Luis Fabiano. Técnico: Juan Carlos Osorio.

Há 31 anos, São Paulo conquistava o Paulistão após final contra surpresa do interior .
Há exatos 31 anos, o São Paulo comemorava a conquista do 16º Campeonato Paulista de sua história. Na ocasião, o Tricolor bateu o São José na final do estadual, após um empate sem gols no Morumbi. O time do interior do estado foi a grande surpresa da competição, terminando a primeira fase à frente do […]No primeiro confronto entre as equipes, o São Paulo levou a melhor e venceu por 1 a 0. Jogando no Morumbi, a equipe comandada por Carlos Alberto Silva garantiu a vitória com um gol marcado apenas no segundo tempo. Após cruzamento rasteiro pela direita, o zagueiro André Luis, do São José, mandou contra sua própria meta.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais
usr: 1
Isto é interessante!