Esportes Conselho Deliberativo do Santos reprova contas de 2019; entenda

05:17  01 julho  2020
05:17  01 julho  2020 Fonte:   lance.com.br

Santos renova com Alex até 2024 e zagueiro afirma: 'Mostra que confiam no meu futebol'

  Santos renova com Alex até 2024 e zagueiro afirma: 'Mostra que confiam no meu futebol' Com passagens pela base de São Paulo e Fluminense, garoto de 21 anos profissionalizou-se com a camisa do Peixe– Sentimento de muita felicidade com essa renovação até 2024. Mostra que o Santos confia no meu futebol e que eu tô no caminho certo – disse o jogador via assessoria de imprensa.

O Conselho Deliberativo do Flamengo aprovou as contas do clube de 2019 . A votação se deu à distância, por e-mail, para evitar aglomerações devido à pandemia do novo coronavírus. Cerca de 800 conselheiros votaram a favor, com três posições contrárias.

O Conselho Deliberativo do Santos reprovou as contas de 2018 da gestão de José Carlos Peres, o primeiro do triênio para o qual ele foi eleito. A reunião ocorreu nesta segunda-feira, na Vila Belmiro. O relatório elaborado pelo Conselho Fiscal foi aprovado pelos conselheiros.

Diretoria moveu dinheiro da conta antes da Justiça congelar (Foto: Ivan Storti) © Fornecido por Areté Editorial S.A. Diretoria moveu dinheiro da conta antes da Justiça congelar (Foto: Ivan Storti)

Em reunião realizada na noite desta terça-feira via videoconferência, os conselheiros deliberativos do Santos aprovaram o parecer o Conselho Fiscal que indicava a reprovação das contas da atual gestão do clube. No total, foram 151 votos a favor, 10 contra e 11 abstenções.

Com isso, a nova Comissão de Inquérito e Sindicância, também nomeada nesta terça, deverá colher a defesa do presidente José Carlos Peres, e demais membros do Comitê Gestor do ano passado, para emitir o seu parecer na próxima Assembleia do Conselho Deliberativo.

Conselho Deliberativo do Santos realiza reunião para discutir sobre eleição

  Conselho Deliberativo do Santos realiza reunião para discutir sobre eleição O Conselho Deliberativo do Santos realizará nesta segunda-feira, às 19h, a primeira reunião para discutir sobre a eleição, previamente marcada para a primeira quinzena de dezembro. O encontro será virtual e contará com a presença da mesa diretiva, presidente José Carlos Peres, Comissão Eleitoral e Conselho Consultivo. Um dos assuntos é a possibilidade do voto […]O encontro será virtual e contará com a presença da mesa diretiva, presidente José Carlos Peres, Comissão Eleitoral e Conselho Consultivo. Um dos assuntos é a possibilidade do voto à distância para os associados.

De acordo com conselheiros, o presidente do CDS-PP, Francisco Rodrigues dos Santos , dirigiu-se à sala para pedir união dentro do partido. O Conselho Nacional de hoje, que durou cerca de quatro horas e contou com várias medidas de prevenção à covid-19, foi o primeiro desde essa reunião

O Conselho Deliberativo é o órgão do clube responsável por fiscalizar as ações da diretoria, propor modificações estatutárias, conceder títulos a associados, investigar diversas irregularidades, entre outras funções. De acordo com o Título V do Estatuto Social do Santos Futebol Clube, o Conselho

Caso a CIS indique a abertura do processo de impeachment contra o mandatário santista e seja aprovada pelo egrégio, Peres será sumariamente afastado do cargo até que os sócios votem a decisão final – que, caso aprove o impedimento, também suspenderá o cartola durante dez anos de qualquer cargo eletivo da instituição.

No encontro virtual desta noite, o presidente fez uma fala rápida, onde pediu aos conselheiros não tomarem as suas decisões impulsionadas por paixões, e, posteriormente, passou a palavra para Pedro Dória, membro do Comitê Gestor, que ficou responsável pela defesa, rebatida pelo membro do CF, Sylvio Figo.

Após suspeita de compra de votos, Comissão Eleitoral do Corinthians exclui pai de Willian do pleito

  Após suspeita de compra de votos, Comissão Eleitoral do Corinthians exclui pai de Willian do pleito Em comunicado divulgado no site do clube, na manhã desta quarta-feira, o grupo declarou, por unanimidade, a inelegibilidade de Severino Vieira da Silva, que buscava ser conselheiroNo começo desta semana, em post no Facebook, Severino comunicou que estava se candidatando a uma vaga no conselho em uma das "chapinhas" do clube, e se propôs a ajudar a colocar em dia as mensalidades de sócios que estivessem em débito. Em resposta a um comentário de uma pessoa que se declarou "em débito", Severino chegou a deixar seu telefone para contato.

A superintendente da CACB, Juliana Kämpf, defende a importância de os representantes do Sistema CACB apresentarem ao Congresso Nacional os problemas que

O Conselho Deliberativo Discente Unifal-MG divulga a retificação do Edital para as eleições, para a gestão 2019 /2 e 2020/1, do Diretório Central de Estudantes. Atenção: alterações NAS datas. A comissao eleitoral pede aos estudantes que realizaram a inscrição de chapa para as eleições

Os principais pontos nos quais o Conselho Fiscal posicionou a classificação da gestão como temerária estavam a utilização considerada indevida dos cartões corporativos por integrantes da gestão e pagamento de comissão a uma empresa vinculada ao empresário Renato Duprat na venda do atacante Bruno Henrique ao Flamengo, em janeiro de 2019, o que, conforme a alegação, não foi informado no balanço santista.

Contudo, houve também algumas considerações, como o excesso de processos cíveis, trabalhistas, criminais e tributários contra o clube, o acréscimo de 30,85% da folha de pagamento em um ano e a demora para entrega e registro das atas de aquisição de alguns jogadores

Segundo imagens do parecer obtidas pelo LANCE!, a gestão atual foi considerada “mais do que temerária, inconsequente”. O órgão afirma que, além de Peres, todos os membros do Comitê de Gestão que se posicionaram de forma contrária aos pontos acima elencados também deverão ser responsabilizados. As medidas, como possíveis tempos de suspensão e afastamento serão emitidas através da CIS no decorrer do processo.

Gestão do Santos alega ilações em parecer fiscal como defesa a reprovação das contas de 2019 .
Em reunião realizada nesta terça-feira, por videoconferência, o presidente José Carlos Peres fez fala breve e cedeu a argumentação ao gestor Pedro DóriaVale lembrar que o relatório aponta superavit de R$ 23,5 milhões, mas os apontamentos que alegam gestão temerária estão relacionados a pormenores, como o repasse de comissão ao empresário Renato Duprat, na venda do atacante Bruno Henrique ao Flamengo, em 2019, gastos excessivos no cartão corporativo etc.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais
usr: 1
Isto é interessante!