Esportes Michael Chandler acusa Tony Ferguson de negar duelo no UFC 254

13:10  13 outubro  2020
13:10  13 outubro  2020 Fonte:   agfight.com.br

Caso não lute no UFC 254, Michael Chandler gostaria de estrear contra Tony Ferguson

  Caso não lute no UFC 254, Michael Chandler gostaria de estrear contra Tony Ferguson Ex-campeão do peso leve do Bellator ainda tem esperança de ser o desafiante na nova organização, mas já tem um plano BÍcone do Bellator, Michael Chandler foi contratado a peso de ouro e foi escolhido para ser o reserva imediato da luta que vale o cinturão do peso leve (70,6kg), no UFC 254. Contudo, caso o campeão, Khabib Nurmagomedov, ou o desafiante, Justin Gaethje, não se machuquem até o dia 24 de outubro, 'Iron' pretende estrear contra outro atleta e já tem o nome ideal.

Mal chegou ao UFC e Michael Chandler já quer mostrar serviço. O ex-campeão do peso leve do Bellator (70,3kg) é o reserva imediato da luta que vale “ Ferguson e Poirier recusaram me enfrentar. Como já estou no UFC 254 , cortando o peso, aceitaria enfrentar Ferguson . Ele é o único lutador que

Tony Ferguson já está pronto para voltar ao Octógono do UFC . Tony Ferguson em entrevista a ESPN disse que gostaria de lutar no cadr do UFC 254 que terá na luta principal Khabib Nurmagomedov vs Justin Gaethje pela unificação do cinturão peso Leve do UFC .

Escalado para ser o reserva da luta pelo cinturão do peso-leve (70 kg), entre Khabib Nurmagomedov e Justin Gaethje, que acontece no próximo dia 24 de outubro, Michael Chandler ainda tem esperanças de estar em ação no card mesmo que não seja como substituto no main event. De acordo com o americano, ele não teria problemas em aceitar um duelo contra Tony Ferguson no mesmo show.

Divulgação/Bellator © Reprodução Divulgação/Bellator

Em declaração ao site 'MMA Junkie', o ex-campeão do Bellator afirmou que 'El Cucuy' é o atleta que mais o motiva para um possível confronto. Inclusive, ele adiantou que, como vai ter que estar pronto para o evento programado para ser realizado em Abu Dhabi (EAU), aprovaria o confronto, mesmo que confirmado de última hora.

Apesar de perder Chandler para o UFC, presidente do Bellator ainda se diz fã do lutador: ‘Estará no nosso Hall da Fama’

  Apesar de perder Chandler para o UFC, presidente do Bellator ainda se diz fã do lutador: ‘Estará no nosso Hall da Fama’ Scott Coker não considera a saída do ícone de sua organização uma traição e o elogia como lutador e como pessoaApós dez anos, a ida de Michael Chandler, ícone do Bellator, para o UFC abalou a comunidade do MMA e muitos fãs e lutadores condenaram a decisão do atleta, mas não Scott Coker. O presidente da organização, que sempre teve uma boa relação com o ex-campeão do peso leve (70,3kg) durante o longo período, não considera a mudança como uma traição e continua tendo carinho por ele.

Michael Chandler assina com UFC e é escalado como reserva de Khabib vs Gaethje. Chael Sonnen sugere duelo entre Dan Hooker e Tony Ferguson no UFC 254 . Porém, nada superou o momento da encarada depois. Tony Ferguson colocou seu antigo cinturão interino no chão e pediu

É o que tem pra hoje ^^ E-mail: contatommabr@gmail.com Apoia-se: apoia.se/mmabr.

“Como já estou no UFC 254, e cortando o peso, aceitaria enfrentar Ferguson. Ele é o único lutador que me interessa no momento. Já falei isso e não preciso mencionar outros nomes", disse o lutador que atua profissionalmente no MMA desde 2009.

Embora demonstre claramente o interesse de encarar Ferguson, parece que do outro lado o desejo não é o mesmo. De acordo com Chandler, o ex-campeão interino do peso-leve negou enfrentá-lo na data em questão e até recebeu críticas por essa postura.

"Tony Ferguson e Dustin Poirier disseram não. Como Poirier e McGregor concordaram em lutar, só me resta Ferguson. Foi por isso que fui ao Twitter dizer que ele recusou me enfrentar no maior evento do ano. Todos estarão assistindo e teremos destaque. Se eu derroto Ferguson, lutarei pelo cinturão em seguida", explicou.

No MMA profissional desde 2009, Michael Chandler ganhou destaque no Bellator, onde se sagrou campeão peso-leve por três vezes, além de vencer a quarta edição do torneio da divisão, em maio de 2011. Com exceção dos seus três combates iniciais, todos os 23 confrontos restantes foram realizados no cage da organização rival do UFC. No total, o americano possui 21 vitórias e cinco derrotas na carreira.

Vítima do ‘nocaute do ano’ no UFC Ilha da Luta 5, Impa mostra fair play e parabeniza carrasco .
Tiago Nunes foi consultado pelo Vasco, conta Nicola: 'Ninguém está tendo coragem de assumir'

—   Compartilhe notícias nas redes sociais
usr: 1
Isto é interessante!