Esportes Chance de ouro! Jovane Guissone vence britânico nas semis da esgrima e fará a final nas Paralimpíadas

13:07  26 agosto  2021
13:07  26 agosto  2021 Fonte:   lance.com.br

Junto à Globo, TV Brasil anuncia transmissões dos Jogos Paralímpicos no sinal aberto

  Junto à Globo, TV Brasil anuncia transmissões dos Jogos Paralímpicos no sinal aberto Paralimpíada começa na próxima terça-feira e terá 539 eventos de 22 modalidades+ Veja a posição do seu time no Brasileirão

O Brasil tem a chance de conquistar mais uma medalha de ouro nos Jogos Paralímpicos de Tóquio nesta quinta-feira. O esgrimista Jovane Guissone passou pelo britânico Dimitry Coutry nas semifinais, por 15 a 13, e fará a decisão da modalidade para atletas de cadeira de rodas contra Alexander Kuzyukov, do Comitê Paralímpico Russo.

Jovane Guissone pode conquistar mais uma medalha de ouro em Paralimpíadas (Fabio Chey/CPB) © Jovane Guissone pode conquistar mais uma medalha de ouro em Paralimpíadas (Fabio Chey/CPB) Jovane Guissone pode conquistar mais uma medalha de ouro em Paralimpíadas (Fabio Chey/CPB)

+ Imparável! Daniel Dias leva o bronze nos 100m livre e chega a 26ª medalha em Jogos Paralímpicos

Carlos Carbinatti e Joyce Oliveira se recuperam e vencem duelos no tênis de mesa nas Paralimpíadas

  Carlos Carbinatti e Joyce Oliveira se recuperam e vencem duelos no tênis de mesa nas Paralimpíadas Brasileiros bateram os adversários por 3 sets a 0 nesta quinta; Cátia Cristina foi derrotada+ Gabriel Araújo conquista a primeira medalha para o Brasil nos Jogos Paralímpicos de Tóquio

Medalhista de ouro na Londres 2012, o brasileiro quer repetir o feito e entrará em ação a partir das 7h30 (horário de Brasília). O atleta, que já tem no mínimo a medalha de prata garantida, venceu Ali Ammar, do Iraque, por 15 a 10, nas quartas de final. Nas fases classificatórias, o atleta havia vencido quatro das cinco lutas que disputou.

+ Carlos Carbinatti e Joyce Oliveira se recuperam e vencem duelos no tênis de mesa nas Paralimpíadas

Em 2004, o atleta perdeu o movimento das pernas após levar um tiro em reação a um assalto, e começou a praticar a esgrima de cadeira de rodas em 2008. Na Paralimpíadas do Rio, em 2016, Jovane Guissone parou nas quartas de final. Na categoria feminina, Carminha Oliveira perdeu os quatro primeiros duelos e não avançou.

Brasileiras podem fazer pódio triplo no atletismo; Yeltsin Jacques busca mais uma medalha

  Brasileiras podem fazer pódio triplo no atletismo; Yeltsin Jacques busca mais uma medalha Thalita Simplicio, Lorena Spoladore e Jerusa Geber vão disputar a final dos 100m rasos T11 , enquanto Yeltsin Jaqcues vai à decisão dos 1.500m T11. © Yeltsin Jacques conquistou a medalha de ouro nos 5.000m masculino nas Paralimpíadas (Foto: Ale Cabra... Yeltsin Jacques conquistou a medalha de ouro nos 5.000m masculino nas Paralimpíadas (Foto: Ale Cabral/CPB) + Judô: Alana Maldonado conquista medalha de ouro e Meg Emmerich fica com o bronze nas ParalimpíadasJá com uma medalha de ouro na bagagem nos 5.000m, Yeltsin Jacques, da classe T11, de deficientes visuais, garantiu vaga na final do 1.

Surpresa, decepção, erro e o ouro: veja a trajetória de Ana Marcela Cunha até a conquista em Tóquio .
Brasileira conquistou a segunda medalha do país na maratona aquática, sendo a primeira de ouro, depois de viver distintas emoções em ciclos e Jogos Olímpicos na carreiraBaiana de Salvador, a nadadora de 29 anos é um dos grandes nomes do esporte, com 11 medalhas em Copas do Mundo, incluindo cinco títulos. Mas ainda faltava o sonho da conquista olímpica. Agora não falta mais.

usr: 1
Isto é interessante!