Esportes Rômulo diz que elenco do Cruzeiro não descarta nova greve

05:00  19 outubro  2021
05:00  19 outubro  2021 Fonte:   lance.com.br

Greve dos jogadores pode render punição ao Cruzeiro. Entenda

  Greve dos jogadores pode render punição ao Cruzeiro. Entenda Os jogadores do Cruzeiro revelaram, através de um comunicado nas redes sociais, que a diretoria está devendo salários para eles, comissão técnica e funcionários. E por causa desta dívida, resolveram fazer uma greve que iniciou nesta quinta-feira, 14. Pelas redes sociais muitas pessoas estão questionando a possibilidade do clube ser punido na Série B do Campeonato Brasileiro por causa destes débitos. Pela regra da competição, isso pode ocorrer. Mas não é simples. O artigo 17 fala sobre a possibilidade de punição. Mas para isso é necessário que os jogadores ou algum sindicato entrem com uma denúncia junto ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

Os jogadores do Cruzeiro voltaram aos treinos e iniciaram a preparação para o jogo contra o Avaí, sexta-feira, 22 de outubro, pela 30ª rodada do Brasileiro da Série B depois de quatro dias de greve por causa dos salários atrasados.

Rômulo tocou no delicado assunto, da greve dos jogadores, mesmo com o retorno ao trabalho na Toca da Raposa-(Gustavo Aleixo/Cruzeiro) © Rômulo  tocou no delicado assunto, da greve dos jogadores, mesmo com o retorno ao trabalho na Toca d... Rômulo tocou no delicado assunto, da greve dos jogadores, mesmo com o retorno ao trabalho na Toca da Raposa-(Gustavo Aleixo/Cruzeiro)

O elenco voltou aos trabalhos, mas ainda não há uma solução no horizonte para o grave problema financeiro do clube. O volante Rômulo disse que o grupo de atletas não descarta nova paralisação.

Após profissional e sub-20 em greve, time feminino do Cruzeiro também pode paralisar as atividades

  Após profissional e sub-20 em greve, time feminino do Cruzeiro também pode paralisar as atividades As Cabulosas estão com duas folhas em atraso e elas podem seguir o caminho dos outros times remunerados da RaposaAlém do time profissional e do sub-20 masculino, as jogadoras do time feminino do Cruzeiro podem parar também. As atletas pediram uma reunião com a coordenadora do departamento, Bárbara Fonseca, para avaliar a situação, já que as meninas estão com duas folhas atrasadas. A informação inicial foi da Rádio Itatiaia e confirmada pelo L!.

- Essa é uma pergunta muito delicada, porque isso não cabe a um, dois, três, quatro ou cinco jogadores. Isso é sempre uma decisão do grupo. Mas a gente tem fé e esperança que uma solução vai ser encontrada para que todos fiquem contentes-disse o jogador.

Nesta segunda-feira, o presidente Sérgio Santos Rodrigues tentou em nova reunião com empresários levantar recursos para quitar cerca de R$ 9 milhões referentes aos atrasados de jogadores e funcionários.

- O intuito de todos foi para que isso seja solucionado, e que todos que fazem parte do Cruzeiro, desde o alto até o último empregado que chegou, possam ficar satisfeitos - disse.

Presidente do Cruzeiro fala sobre reunião com atletas e nega que haja 6 meses de atrasos de funcionários

  Presidente do Cruzeiro fala sobre reunião com atletas e nega que haja 6 meses de atrasos de funcionários Sérgio Santos Rodrigues se pronunciou nesta sexta-feira, 15 de outubro, sobre a situação da Raposa e explicou suas viagens à EuropaEle comentou sobre a reunião com empresários para mostrar o caos financeiro e espera que na próxima segunda-feira, haja alguma novidade sobre soluções que amenizem mais uma crise da Raposa. Confira nos vídeos o que disse o dirigente, que também falou sobre suas viagens à Europa, alvos de críticas dos torcedores.

Rômulo, de 34 anos, contou do apoio do técnico Vanderlei Luxemburgo ao movimento dos atletas e vem sendo ponte entre diretoria e jogadores para resolver a questão.

- O que ele pede para a gente sempre, o que ele pediu nesses dias, é que a solução fosse encontrada o quanto antes para que a gente pudesse voltar a treinar, até porque a gente tem jogos decisivos. Embora as chances sejam bem pequenas, a gente nunca vai deixar de acreditar, e vamos trabalhar com todas as nossas forças para que, enquanto houver esperança, tenha empenho ainda da nossa parte. A gente vai fazer isso sem dúvida alguma, honrando as cores dessa camisa que a gente usa-afirmando que o cenário fora de campo não tem interferindo dentro das quatro linhas.

- De forma alguma vai atrapalhar nossa performance, até porque somos profissionais, e conversando entre nós, praticamente todos treinaram em casa para estarem prontos - explicou.

“Maioria se considera traída por Bolsonaro”, diz líder caminhoneiro

  “Maioria se considera traída por Bolsonaro”, diz líder caminhoneiro Categoria planeja greve para 1º de novembro, caso Bolsonaro não atenda as reivindicaçõesA CNTTL e outras entidades que representam os caminhoneiros deram duas semanas para que o governo de Jair Bolsonaro (sem partido) atenda as reivindicações da categoria. Caso contrário, organizarão uma greve a partir de 1º de novembro.

Guiné-Bissau: Porta-voz do Governo apoia revisão constitucional .
Em entrevista à agência Lusa, Fernando Vaz defendeu a consagração de regime presidencialista na Guiné-Bissau, disse esperar que o Parlamento aprove o OE e acusou os sindicatos da saúde de fazerem greve a pedido do PAIGC. © João Carlos Fernando Vaz O porta-voz do Governo guineense defendeu hoje uma revisão constitucional que consagre um regime presidencial. "Penso que o regime presidencialista é aquele que serve melhor os interesses dos guineenses e da Guiné-Bissau.

usr: 0
Isto é interessante!