Esportes Justiça condena Governo do Rio de Janeiro a pagar indenização a Djokovic

03:06  17 janeiro  2020
03:06  17 janeiro  2020 Fonte:   torcedores.com

Justiça condena Governo do Rio de Janeiro a pagar indenização a Djokovic

  Justiça condena Governo do Rio de Janeiro a pagar indenização a Djokovic Inscreva-se para acompanhar os melhores momentos do seu time de coração: https://www.youtube.com/channel/UCwMqmA8-afJfeKi4IPn6tog Goias x Vasco,goias e Vasco,Vasco x goias,Vasco e goias,Vasco x goias ao vivo,Vasco x goias copinha,goias vs vasco,Goiás x Vasco melhores momentos,melhores momentos goias x Vasco,goias 2 x 4 Vasco,gols de goias 2 x 4 Vasco,Goiás 2 Vasco 4,copa são paulo de futebol junior,Vasco sub 20,goias sub 20,Vasco copinha,goias copinha, Goiás 2 x 4 Vasco - Gols & Melhores Momentos (HD) - Copa São Paulo 2020

  Justiça condena Governo do Rio de Janeiro a pagar indenização a Djokovic © Fornecido por Torcedores.com

O estado ficou em divida com Djokovic após um evento em que o tenista fez uma exibição

Segundo apontou o site Globoesporte.com, tudo indica que o tenista Novak Djokovic ganhou a ação movida contra o Governo do Estado do Rio de Janeiro.

Djokovic veio ao Rio de Janeiro disputar exibição contra Gustavo Kuerten no fim de 2012, e o Governo do Rio de Janeiro ficou devendo ao atleta cerca de US$ 650 mil. O estado se comprometeu a pagar a dívida US$ 1,1 milhão em três parcelas, mas foram pagos US$ 450 mil.

Esportes de graça e ao vivo por 1 mês? Conheça o DAZN Brasil!

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!

Rio perde ação e terá de pagar R$ 3 milhões a Djokovic

  Rio perde ação e terá de pagar R$ 3 milhões a Djokovic O tenista sérvio Novak Djokovic finalmente receberá o dinheiro que deveria ter sido pago pelo estado do Rio de Janeiro pela disputa de um jogo amistoso contra Gustavo Kuerten no ginásio do Maracanãzinho e a inauguração de quadras na cidade. O governo do Rio desistiu de recorrer da decisão da Justiça que deu ganho de causa ao sérvio, que não recebeu US$ 650 mil dos US$ 1,1 milhão que foi acordado naquela época.

Siga o Torcedores também no Instagram

A decisão do processo veio no último dia 7 de janeiro pela 14ª Vara de Fazenda Pública do estado e publicado na quarta-feira, dia 15 pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. Djokovic vai receber em torno de R$ 3 milhões de indenização pela dívida não paga por sua exibição.

O valor da dívida na época era de R$ 2,6 milhões, mas o valor foi fixado de acordo com a inflação, com isso, a diferença passou para R$ 400 mil a mais.

Confira a decisão da justiça:

NOVAK DJOKOVIC propôs a presente ação monitória em face do ESTADO DO RIO DE JANEIRO, conforme emenda substitutiva à inicial no pdf. 760, alegando que foi convidade pelo réu em 2012 para participar de uma série de eventos no Estado do Rio de Janeiro, que compunham o projeto “Djokovic no Rio”, tendo as partes celebrado o Contrato de Prestação de Serviços nº 013/2012 e ajustado o pagamento da quantia de US$ 1.100.000,00 (um milhão e cem mil dólares).

Zverev admite má fase às vésperas do Australian Open: “Nunca joguei tão mal antes de um Grand Slam”

  Zverev admite má fase às vésperas do Australian Open: “Nunca joguei tão mal antes de um Grand Slam” A Fórmula E realiza no dia 18 de janeiro a terceira etapa da temporada 2019/2020, o ePrix de Santiago, prova que acontecerá no circuito montado no Parque O'Higgins, na capital do Chile. A reportagem de RACING deu uma volta no Safety Car da categoria, um BMW i8 Roadster Coupé.

Narra que embora tenha cumprido integralmente suas obrigações, o réu não quitou a integralidade da quantia avençada, havendo saldo histórico de US$ 650.000,00 a receber, e que, conforme expresso no Ofício SEELJE/ASJUR nº 40/2017, de 16/08/2017, da Procuradoria do Estado do Rio de Janeiro, o réu lhe deve a importância residual de R$ 2.800.000,00 (dois milhões e oitocentos mil reais), a qual, atualizada, importa em R$ 2.993.556,05 (dois milhões, novecentos e noventa e três mil, quinhentos e cinquenta e seis reais e cinco centavos). Pleiteia a procedência da ação monitória, com a expedição do competente mandado de pagamento no valor de R$ 2.993.556,05 (dois milhões, novecentos e noventa e três mil, quinhentos e cinquenta e seis reais e cinco centavos), e, não sendo opostos embargos, a constituição imediata do título executivo judicial.

(…)

Em face ao exposto, JULGO PROCEDENTE O PEDIDO MONITÓRIO, constituindo, de pleno direito o título executivo judicial, no valor de R$ 2.993.556,05 (dois milhões, novecentos e noventa e três mil, quinhentos e cinquenta e seis reais e cinco centavos), acrescido de correção monetária a contar da atualização promovida em pdf. 736, e dos juros de mora a contar da citação.

Justiça condena Governo do Rio de Janeiro a pagar indenização a Djokovic - Torcedores.com.

Nadal segue no topo do ranking da ATP .
O espanhol Rafael Nadal se manteve no topo do ranking da ATP, seguido pelo sérvio Novak Djokovic (2º) e o suíço Roger Federer (3º), de acordo com a mais recente publicação da classificação do tênis mundial, divulgada nesta segunda-feira. Nadal mantém sobre Djokovic uma vantagem de mais de 900 pontos, diferença que sobe para 3.000 pontos em relação a Federer. O primeiro grande desafio para o trio de ouro do tênis mundial será o Aberto da Austrália, que será disputado entre 20 de janeiro e 2 de fevereiro em Melbourne.- Top 20 do ranking da ATP em 6 de janeiro de 2020: 1. Rafael Nadal (ESP)        9985 pts 2. Novak Djokovic (SRV)      9055 3. Roger Federer (SUI)       6590 4.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais
usr: 1
Isto é interessante!