Meio Ambiente: Centro da ONU promove seminário em Brasília sobre economia rural sustentável - PressFrom - Brasil

Meio AmbienteCentro da ONU promove seminário em Brasília sobre economia rural sustentável

05:25  16 maio  2019
05:25  16 maio  2019 Fonte:   ecycle.com.br

Bolsonaro assina decreto que facilita acesso a munição e transporte de armas

Bolsonaro assina decreto que facilita acesso a munição e transporte de armas Bolsonaro assina decreto que facilita acesso a munição e transporte de armas

Centro da ONU promove seminário em Brasília sobre economia rural sustentável . O seminário tem como objetivo explorar novas oportunidades de negócios sustentáveis ??para o setor rural brasileiro O Centro Internacional de Políticas para o Crescimento Inclusivo (IPC-IG), o Instituto

TEM Sustentável TEM Sustentável é um portal de conteúdo da construção sustentável , que traz Brasileira é uma das vencedoras de prêmio ambiental da ONU patrocinado pela Covestro Anna Luisa Bese… Congresso Aço Brasil 2019 debate o futuro do setor. 0. Abcic promove Seminário sobre

O seminário tem como objetivo explorar novas oportunidades de negócios sustentáveis ??para o setor rural brasileiro

Centro da ONU promove seminário em Brasília sobre economia rural sustentável© Fornecido por Epartners Empreendimentos Integrados Ltda. ME Plantação

O Centro Internacional de Políticas para o Crescimento Inclusivo (IPC-IG), o Instituto Brasileiro de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) e o Environmental Defense Fund (EDF) promovem esta semana (14 e 15 de maio de 2019) em Brasília (DF) seminário sobre oportunidades de negócios para uma economia rural sustentável. O evento reunirá especialistas internacionais, representantes do governo brasileiro e do setor privado.

Por uma reserva legal justa, protetora e produtiva

Por uma reserva legal justa, protetora e produtiva O projeto que prevê fim da Reserva Legal nas propriedades rurais representa um retrocesso da lei ambiental, com implicações para a sociedade. Suas justificativas não se sustentam

Centro da ONU promove seminário sobre economia rural sustentável . Oficina gratuita ensina a fazer compostagem caseira com minhocas. Principal evento do Brasil de inovação sustentável chega a São Paulo.

produzidos no primeiro seminário nacional e nos seminários regionais (realizados nas regiões Centro -Oeste, Sul, Norte), e dessa forma, estabelecer uma Agenda Essencial para a Economia Verde e Inclusiva no Brasil , visando à próxima Conferência da ONU sobre Desenvolvimento Sustentável , a.

O “Seminário Internacional Oportunidades de Negócios para uma Economia Rural Sustentável: a contribuição das florestas e da agricultura” tem como objetivo explorar novas oportunidades de negócios sustentáveis ??para o setor rural brasileiro, bem como identificar desafios e estratégias para desenvolvê-las.

As ameaças urgentes de mudança do clima, perda de biodiversidade e degradação ambiental, combinadas com as crescentes demandas globais por alimentos, combustíveis e fibras, criam grandes oportunidades e desafios econômicos para o setor rural. O Brasil, como um dos principais produtores agrícolas do mundo e administrador da maior floresta tropical, já diminuiu suas emissões de carbono mais do que qualquer outro país, por meio de políticas para reduzir o desmatamento na Amazônia.

Por uma reserva legal justa, protetora e produtiva

Por uma reserva legal justa, protetora e produtiva O projeto que prevê fim da Reserva Legal nas propriedades rurais representa um retrocesso da lei ambiental, com implicações para a sociedade. Suas justificativas não se sustentam

Programa da ONU divulga metas de desenvolvimento sustentável para servidores de Alagoas. (26) o VI Seminário de Planejamento Estratégico Sustentável do Poder Judiciário, em Brasília (DF). de Janeiro (RJ) o diretor do Centro de Informação da ONU para o Brasil (UNIC Rio), Maurizio Giuliano

ONU Brasil . Nesse encontro, todos os países da ONU definiram os novos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) como parte de uma nova agenda de desenvolvimento sustentável que deve finalizar o trabalho dos ODM (os Objetivos do Milênio) e não deixar ninguém

No contexto do Acordo de Paris sobre as mudanças do clima e das crescentes preocupações públicas e privadas sobre sustentabilidade ambiental, especialistas discutirão três principais oportunidades relacionadas ao desenvolvimento de uma economia rural sustentável, durante o seminário:
  1. Investimentos multilaterais já estão sendo canalizados para o Brasil e outros países como compensação pela mitigação das mudanças do clima por meio de reduções no desmatamento. O seminário discutirá a melhor maneira de aumentar os investimentos em outras medidas de conservação florestal.
  2. As principais empresas e governos internacionais estão cada vez mais comprometidos com a eliminação do desmatamento em suas cadeias de fornecimento e com o suprimento de commodities agrícolas, produtos de madeira e biocombustíveis de áreas que atendam a esses requisitos. O seminário debaterá como o país poderia se posicionar como uma região de abastecimento sustentável e preferencial.
  3. À medida que os sistemas de comércio de emissões (emission trading systems – ETS) amadurecem, como ocorre em Europa, Califórnia (EUA), China e no setor de aviação internacional, e que a cooperação internacional em mudança do clima se expande sob o Acordo de Paris, o seminário busca refletir se o Brasil pode potencialmente se engajar nesses sistemas. Os desafios incluem ainda o aprimoramento das políticas de comando e controle e a criação de incentivos, instituições e legislações econômicas apropriadas.

O primeiro dia do Seminário se concentrará em discutir as oportunidades de negócios potenciais que o Brasil pode desenvolver a partir dos mercados emergentes de carbono e suas limitações, de cadeias de fornecimento sustentáveis ??e de novos investimentos multilaterais vinculados a resultados ambientais.

Elefantes africanos continuam sob pressão de caçadores, alerta relatório

Elefantes africanos continuam sob pressão de caçadores, alerta relatório Por conta desse tipo de crime, a pulação caiu de estimados 12 milhões há um século para 400 mil Imagem: Cites Uma versão mais atualizada de um tratado administrado pela ONU Meio Ambiente confirmou que a caça continua ameaçando a sobrevivência de elefantes africanos, cuja população caiu de estimados 12 milhões há um século para 400 mil, de acordo com o Relatório sobre a Situação de Elefantes Africanos 2016. Com base em dados da Proporção de Elefantes Mortos Ilegalmente (Pike, na sigla em inglês), a Convenção sobre Comércio Internacional de Espécies Ameaçadas da Fauna e Flora (Cites) avaliou os níveis de mortes ilegais através do programa de monitoramento de elefantes morto

Esse conceito de desenvolvimento sustentável , embora questionado por muitos especialistas da área ambiental, foi elaborado durante os debates da Comissão Mundial sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento, criada pela Assembleia Geral da ONU no ano de 1983.

Nós também estamos determinados a promover o turismo sustentável , combater a escassez de água e a poluição da água, fortalecer a cooperação sobre a desertificação, as tempestades de poeira, a degradação dos solos e a seca e promover a resiliência e a redução do risco de desastres.

No segundo dia, os especialistas irão explorar como o país pode aproveitar essas novas oportunidades de negócios utilizando e melhorando políticas públicas existentes. Os painéis se concentrarão no Código Florestal brasileiro e nas Contribuições Nacionalmente Determinadas (NDCs) sob o Acordo de Paris. Os especialistas também investigarão como o crédito rural pode fomentar a produção agrícola, a proteção ambiental e o feedback biofísico da proteção florestal na agricultura.

  • Clique aqui para acessar a agenda do evento
Fonte: ONU Brasil

Veja também:

  • Agricultura urbana orgânica: entenda por que é uma boa ideia
  • Conheça a maior 'rooftop farm' do mundo
  • Com hortas em jardins, moradores de cidade suíça compartilham vegetais
  • Faça uma horta de legumes e ervas usando 1 m² do quintal da sua casa
  • Windowfarm: faça uma horta na janela da sua casa
  • Noocity: as hortas urbanas inteligentes que economizam cerca de 80% de água
Leia Mais

Senado volta a ver ilegalidade em decreto de armas.
Senado volta a ver ilegalidade em decreto de armas

—   Compartilhe notícias nas redes sociais

Vídeos temáticos:

usr: 0
Isto é interessante!