Meio Ambiente Concreto: o que é, tipos e impactos ambientais

22:41  29 abril  2021
22:41  29 abril  2021 Fonte:   ecycle.com.br

Plataforma do Instituto Igarapé expõe áreas de crimes ambientais na Amazônia

  Plataforma do Instituto Igarapé expõe áreas de crimes ambientais na Amazônia Projeto reúne histórias, mapas e dados públicos de fontes diversas relacionando ilícitos como mineração ilegal e grilagem de terras a mazelas sociais como corrupção, escravidão e violência contra indígenas e ativistas . Reconhecido pela expertise em segurança pública, o "think and do tank" tem se dedicado também à segurança climática. Jogar luz sobre os crimes ambientais é parte importante dessa agenda, já que ao causar danos às florestas, rios e biodiversidade eles aceleram o aquecimento global. Na outra ponta do ciclo, as mudanças no clima agravam a insegurança alimentar, os fluxos migratórios e os conflitos.

Concreto é um dos principais materiais de construção e possui impactos ambientais significativos

concreto © Fornecido por eCycle concreto Imagem de Debby Urken no Unsplash

Concreto é uma massa que pode ser moldada em diferentes formas e tamanhos. Ele é criado a partir da mistura de material de ligação (cimento ou cal) com água, aditivos e agregado, que pode ser areia, cascalho, pedra ou lascas de tijolo, entre outros materiais.

O concreto é um dos principais materiais de construção, sendo utilizado em diferentes obras, como casas, edifícios, infraestrutura, colunas e lajes. Ele é bastante utilizado devido às suas características: resistência, acessibilidade, durabilidade e flexibilidade. No entanto, seus impactos ambientais são significativos.

Pressionado, Bolsonaro promete na Cúpula do Clima dobrar recursos para repressão ao desmatamento

  Pressionado, Bolsonaro promete na Cúpula do Clima dobrar recursos para repressão ao desmatamento Presidente também determinou antecipação da meta brasileira de neutralidade climática de 2060 para 2050, imitando EUA.O anúncio foi feito em discurso na primeira sessão da Cúpula de Líderes sobre o clima, encontro virtual de 40 países promovido pelo presidente americano, Joe Biden, com objetivo de elevar os compromissos ambientais.

Tipos de concreto

O concreto pode ser preparado de maneiras diferentes. Por isso, podemos falar em tipos de concreto com características diferentes. Conheça alguns:

Concreto convencional

O concreto convencional utiliza uma mistura de cimento, água e agregados graúdos. Por não ter aditivos, esse tipo de concreto possui consistência mais seca.

Concreto armado

Esse tipo de concreto tem sua resistência auxiliada pela colocação de fios, hastes de aço ou cabos. Esses materiais juntos criam uma forte ligação e, assim, os dois resistem a diversas forças aplicadas.

Concreto protendido

O concreto protendido também utiliza barras ou tendões. No entanto, esses materiais são tensionados antes da aplicação real do concreto. Depois da aplicação, as barras são colocadas em cada extremidade e, quando o concreto endurece, a peça final é colocada em compressão.

Sob pressão, Bolsonaro promete zerar desmatamento ilegal

  Sob pressão, Bolsonaro promete zerar desmatamento ilegal A popularidade dos Verdes aumenta a menos de seis meses das eleições na Alemanha. Armin Laschet, o candidato escolhido pelo partido de Merkel como candidato à chancelaria, aparece na cauda das sondagens. E já se conjetura a possibilidade de o país ter pela primeira vez uma chanceler dos Verdes.

Concreto leve

O concreto leve é feito a partir de agregados leves, como materiais naturais (escória, pedra-pomes, argila e xistos) ou materiais processados (vermiculita e perlita).

Impactos ambientais

O concreto é um composto que utiliza o cimento como um dos seus principais componentes. O cimento, no entanto, é um material que traz riscos ao meio ambiente e à saúde humana.

Sua produção é responsável por 8% das emissões de gás carbônico (CO2) no mundo. Também é o segundo material mais consumido no planeta, perdendo apenas para a água. Apesar dos benefícios, sua presença em escala massiva na construção civil implica em elevados danos ambientais.

Seus principais impactos estão relacionados ao processo de produção, em que as fábricas do material acabam poluindo o ambiente. Durante o processo, há uma alta emissão de material particulado e poluentes gasosos, como o dióxido de carbono (CO2). Estima-se que a fabricação de 1 kg de cimento libere cerca de 1 kg de dióxido de carbono.

Cúpula do Clima: imprensa internacional destaca 'tom moderado' e reage com ceticismo a discurso de Bolsonaro

  Cúpula do Clima: imprensa internacional destaca 'tom moderado' e reage com ceticismo a discurso de Bolsonaro A participação do presidente brasileiro na reunião sobre mudança climática foi assunto dos principais veículos do mundo. Em sua maioria, as análises destacam a disparidade entre o discurso e a prática.O evento, organizado pelo presidente americano, Joe Biden, tem como objetivo retomar a participação dos Estados Unidos nas discussões sobre as mudanças climáticas.

Além desses impactos, o cimento também pode apresentar riscos à saúde humana, sobretudo, aos trabalhadores que manuseiam esse material. Segundo estudo, o cimento é classificado como “material irritante'', reagindo quando em contato com a pele, olhos e vias respiratórias.

Assim, cientistas buscam meios alternativos para a produção de concreto. Existem diversas pesquisas sobre possibilidades de concreto sustentável que buscam um material feito sem cimento.

Concreto sem cimento

Em busca de opções mais ecológicas para a receita de concreto, cientistas da Universidade de Tóquio utilizaram uma fórmula que une as partículas de areia. A equipe fez experiências com diferentes misturas aquecidas em um recipiente de cobre, executando diversas variações.

Os pesquisadores descobriram uma maneira de obter o tetraalcoxissilano, um composto capaz de induzir um processo em que o resultado final é um gel e pode ser útil para a produção de concreto sem cimento. O composto pode ser obtido a partir da areia, por meio de uma reação com álcool e um catalisador que remove a água, que é um subproduto da reação.

Apesar de Bolsonaro falar em 'fortalecimento da fiscalização', nova norma dificulta aplicação de multas ambientais

  Apesar de Bolsonaro falar em 'fortalecimento da fiscalização', nova norma dificulta aplicação de multas ambientais 'Não adianta dobrar orçamento se fiscais não têm condições de trabalhar', diz ex-presidente do Ibama.Dias antes da fala do presidente, entretanto, uma nova Instrução Normativa Conjunta do Ministério do Meio Ambiente, Ibama e ICMBio criou novos obstáculos para a atuação dos servidores que fiscalizam crimes ambientais.

Segundo os cientistas, os produtos obtidos na pesquisa são suficientemente fortes. Assim, espera-se que as descobertas possam promover um movimento em direção a uma indústria de construção mais verde e econômica, colaborando para resolver as questões de mudanças climáticas.

Para conhecer outras soluções de concreto sustentável, visite a matéria “O que é concreto sustentável?”.

Fontes: Civil Today, DCPU e Universidade de Tóquio.

Veja também:

  • O que é coprocessamento e quais suas vantagens ambientais?
  • Como ocorre o processo de produção do cimento e quais são seus impactos ambientais?
  • Clínquer: o que é, impactos ambientais e alternativas
  • Bioconcreto: o concreto do futuro pode ser mais sustentável

Prejuízo de Bolsonaro à imagem do Brasil no mundo é em parte irreversível, diz Ricupero .
Para diplomata e ex-ministro da Fazenda e do Meio Ambiente, sempre haverá dúvida sobre futuro do país e temor de 'recaída'. 'É preciso mudar o ministro (Salles) para alguém melhor, mas mudar também a política', defende Ricupero."O mundo se acostumou, durante décadas, desde o fim do governo militar, a ver que os governos que se sucediam no Brasil podiam ter prioridades distintas, mas todos tinham valores compatíveis. Todos tinham uma fidelidade aos princípios da Constituição, um engajamento em favor do meio ambiente, dos povos indígenas e dos direitos humanos", explica Ricupero.

usr: 6
Isto é interessante!