Meio Ambiente: Fóssil de pinguim gigante é descoberto na Nova Zelândia - PressFrom - Brasil

Meio AmbienteFóssil de pinguim gigante é descoberto na Nova Zelândia

15:36  14 agosto  2019
15:36  14 agosto  2019 Fonte:   msn.com

Vestígios de um papagaio gigante encontrados na Nova Zelândia

Vestígios de um papagaio gigante encontrados na Nova Zelândia Os vestígios de um papagaio gigante, que tinha mais da metade da altura de um humano comum e percorria a Terra há 19 milhões de anos, foram descobertos na Nova Zelândia. Pelos dentes e ossos do animal, que viveu entre 16 e 19 milhões atrás, estima-se que pesava 40 gramas e tinha três vezes o tamanho de um morcego moderno médio. Leia Mais

Nova Zelândia é um país insular, oficialmente pertencente à Oceania, no sudoeste do Oceano Pacífico, formado por duas massas de terra principais (comumente chamadas de Ilha do Norte e Ilha do Sul) e por numerosas ilhas menores, sendo as mais notáveis as ilhas Stewart e Chatham.

O pinguim (RO 1971: pingüim) é uma ave da família Spheniscidae, característica do hemisfério sul, em especial na Antártida e ilhas dos mares austrais, chegado à Terra do Fogo, Ilhas Malvinas e África do Sul, entre outros.

Fóssil de pinguim gigante é descoberto na Nova Zelândia© Johannes van Kan Pesquisadores Vanesa De Pietri, Paul Scofield (C) e Gerald Mayr (D) examinam o fóssil de um pinguim gigante no Museu Canterbury, na Nova Zelândia

Os restos fossilizados de um pinguim do tamanho de um humano adulto foram encontrados na Ilha do Sul da Nova Zelândia, anunciaram os cientistas na quarta-feira.

Esta ave marinha gigante, batizada de "Crossvallia waiparensis", media 1,60 e pesava 80 kg, ou seja, 40 centímetros mais e quatro vezes o peso do atual pinguim imperador.

Ela viveu no período Paleoceno, entre 66 e 56 milhões de anos atrás.

Ostra gigante de 1,4 kg é encontrada na costa atlântica da França

Ostra gigante de 1,4 kg é encontrada na costa atlântica da França Um funcionário da fazenda de ostras de Talmont-Saint-Hilaire, na costa atlântica da França, encontrou um gigantesco exemplar de 1,440 quilo e 25 centímetros de comprimento, que batizou de "Georgette", em homenagem a outra trabalhadora do local. "Estava trabalhando no canal de navegação quando senti algo no pé. Fui pegá-lo e era esta ostra enorme", explicou à AFP Mathiew Naslin, que encontrou o molusco no último 2 de agosto. A ostra, que tinha entre 13 e 15 anos, foi devolvida à água. "Uma ostra normal cresce cerca de três centímetros por ano e fica três anos na água. Mas está provado que pode viver entre 35 e 50 anos.

Uma nova espécie gigantesca de pinguim pré-histórico foi descoberta na Nova Zelândia e os ossos são Mesmo não sendo o maior, o K. biceae é o pinguim gigante mais antigo já descoberto , explica o curador de vertebrados do museu Fóssil de floresta de 280 milhões de anos é descoberta na …

0049 (0) 30 3119 8326. oder per E -Mail. [email protected] fossil . de . zur Verfügung.

Um caçador de fósseis amador descobriu no ano passado os ossos de uma pata deste pinguim gigante.

A revista especializada "Alcheringa: An Australasian Journal of Palaeontology" confirmou em um artigo publicado nesta semana a existência de uma nova espécie.

Este é o segundo fóssil do pinguim gigante do Paleoceno encontrado na mesma área, disse Vanesa de Pietri, pesquisadora do Museu de Canterbury.

"Isso reforça nossa teoria de que os pinguins eram grandes no começo de sua evolução", explicou.

A Nova Zelândia é conhecida por seus animais gigantes desaparecidos hoje em dia, como o moa (Dinornis), que foi extinto no final do século XVIII, o maior pássaro (sem capacidade de voar) que já existiu (3,60 metros de altura e 200 kms de peso), ou a águia de Haast, com cerca de três metros de largura.

O Museu de Canterbury anunciou na semana passada a descoberta na Nova Zelândia dos restos de um papagaio gigante que tinha quase um metro de altura, pesava até 7 quilos e viveu há 19 milhões de anos.

Astrônomo projeta telescópio que usa a Terra como uma lente gigante.
Astrônomo projeta telescópio que usa a Terra como uma lente gigante

—   Compartilhe notícias nas redes sociais

Vídeos temáticos:

usr: 6
Isto é interessante!