Meio Ambiente: Biólogo descreve a Amazônia em chamas: ‘Animais carbonizados e silêncio no lugar do verde’ - PressFrom - Brasil

Meio AmbienteBiólogo descreve a Amazônia em chamas: ‘Animais carbonizados e silêncio no lugar do verde’

23:02  22 agosto  2019
23:02  22 agosto  2019 Fonte:   hypeness.com.br

E a Amazônia? Incêndios florestais ganham as redes sob silêncio do governo

E a Amazônia? Incêndios florestais ganham as redes sob silêncio do governo São Paulo – Por volta das 15h de segunda-feira (19), o céu escureceu e o dia virou noite em várias regiões do Estado de São Paulo. O cenário incomum resultou de uma combinação igualmente rara: a chegada de uma frente fria carregada de umidade no litoral paulista e a espessa fumaça da pior série de incêndios florestais já registrados no Brasil em sete anos. Há duas semanas, florestas e matas ardem em chamas nos estados do Norte, se estendendo pelo Acre, Rondônia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, incluindo áreas da Amazônia e do Pantanal. O incêndios já atingiram a tríplice fronteira entre Brasil, Bolívia e Paraguai, consumindo mais de 20 mil hectares de vegetação.

Um filhote de cobra carbonizado por um incêndio florestal — Foto: Izar Aximoff. O biólogo Izar Aximoff estudou a recomposição de florestas no Rio de Janeiro após queimadas. Testemunhou áreas verdes se transformarem em pó preto e o rico som das florestas, em silêncio .

O biólogo Izar Aximoff estudou a recomposição de florestas no Rio de Janeiro após queimadas. Testemunhou áreas verdes se Aquele cenário colorido, com flores, sons de animais , pássaros cantando, bichos se movimentando e cheiro de mata dá lugar ao silêncio , a animais carbonizados

Biólogo descreve a Amazônia em chamas: ‘Animais carbonizados e silêncio no lugar do verde’© Kauê Vieira

O relato do biólogo Izar Aximoff, divulgado pela BBC Brasil, é de cortar o coração. Embora tenha experiência na recomposição de florestas do Rio de Janeiro atingidas por incêndios, ele garante que o cenário de destruição na Amazônia assusta muito mais do que qualquer fotografia pode traduzir.

– Os impressionantes registros da NASA sobre a Amazônia em chamas

Biólogo descreve a Amazônia em chamas: ‘Animais carbonizados e silêncio no lugar do verde’© Fotos: foto 1: Ricardo Funari/Brazil Photos/LightRocket via Getty Images/foto 2: Reprodução/NASA/fot...

Os sons do movimento de plantas e troncos, ruídos de animais, os cantos dos pássaros e a exuberância do verde dão espaço para o silêncio. Some isso ao cheiro de queimado – de árvores e animais -, a cor pálida da fuligem. A morte.

'Animais carbonizados e silêncio no lugar do verde e som de pássaros': biólogo descreve cenário apocalíptico após queimadas

'Animais carbonizados e silêncio no lugar do verde e som de pássaros': biólogo descreve cenário apocalíptico após queimadas 'Animais carbonizados e silêncio no lugar do verde e som de pássaros': biólogo descreve cenário apocalíptico após queimadas

"É muito triste ver a floresta totalmente dizimada. Aquele cenário colorido, com flores, sons de animais , pássaros cantando, bichos se movimentando e cheiro de mata dá lugar ao silêncio , a animais carbonizados , a um cheiro de carne queimada, à desolação. Fica tudo preto e você fica

'A perda é de valor inestimável. Muito superior ao das multas aplicadas, quando se encontra o culpado, o que é raro', diz Izar Aximoff, que estudou a recomposição de florestas no Rio de Janeiro após queimadas.

“É muito triste ver a floresta totalmente dizimada. Aquele cenário colorido, com flores, sons de animais, pássaros cantando, bichos se movimentando e cheiro de mata dá lugar ao silêncio, a animais carbonizados, a um cheiro de carne queimada, à desolação. Fica tudo preto e você fica sujo com aquele resíduo de carvão”, disse à BBC o biólogo, que é doutor em Botânica pelo Instituto de Pesquisas do Jardim Botânico, no Rio de Janeiro.

Para biólogos e outros profissionais com experiência em biomas como o amazônico, a perda da diversidade provocada pelas chamas é irreversível. Muitos animais, dizem eles, sequer retornam.

Biólogo descreve a Amazônia em chamas: ‘Animais carbonizados e silêncio no lugar do verde’© Fotos: foto 1: Ricardo Funari/Brazil Photos/LightRocket via Getty Images/foto 2: Reprodução/NASA/fot...

Ardendo há pelo menos três semanas, a Amazônia brasileira perdeu entre 2000 e 2017, uma área maior que o território da Alemanha. São mais de 400 mil km² engolidos pelo fogo, diz estudo da Universidade de Oklahoma publicado na revista Nature Sustainability.

Amazônia em chamas: incêndios clareiam o céu noturno da floresta

Amazônia em chamas: incêndios clareiam o céu noturno da floresta Amazônia — Não há luzes à vista, mas o céu noturno tem um brilho amarelo tênue, porque a Amazônia está em chamas. O cheiro é de churrasco, de brasas de madeira queimando. Durante o dia, o sol, normalmente tão intenso nestas partes, é ofuscado pela fumaça cinza densa. Nos últimos sete dias, a Reuters percorreu diversas vezes um trecho de 30 quilômetros de Humaitá a Labrea, ao longo da Rodovia Transamazônica, e viu um incêndio abrir caminho pela floresta.

O biólogo Izar Aximoff estudou a recomposição de florestas no Rio de Janeiro após queimadas. Testemunhou áreas verdes se Aquele cenário colorido, com flores, sons de animais , pássaros cantando, bichos se movimentando e cheiro de mata dá lugar ao silêncio , a animais carbonizados

O biólogo Izar Aximoff estudou a recomposição de florestas no Rio de Janeiro após queimadas. Testemunhou áreas verdes se Aquele cenário colorido, com flores, sons de animais , pássaros cantando, bichos se movimentando e cheiro de mata dá lugar ao silêncio , a animais carbonizados

Fundo Amazônia

Ambientalistas são unânimes, prevenir sai mais barato do que aplicar multas ou apagar incêndio. Por isso, a provável extinção do Fundo Amazônia pode deixar o cenário ainda mais complicado.

Ataques do presidente Jair Bolsonaro provocaram a saída da Noruega, país responsável por 93,8% dos R$ 3,4 bilhões doados para a proteção da floresta tropical.

Biólogo descreve a Amazônia em chamas: ‘Animais carbonizados e silêncio no lugar do verde’© Fotos: foto 1: Ricardo Funari/Brazil Photos/LightRocket via Getty Images/foto 2: Reprodução/NASA/fot...

Como mostrou matéria do jornal O Globo, o fundo é vital para o funcionamento de órgãos de fiscalização como o Ibama e a Força Nacional. A floresta amazônica ocupa uma área que passa por Brasil, Peru, Bolívia, Colômbia, Equador e Venezuela. A parte brasileira assusta pelo tamanho, são mais de 5 milhões de metros quadrados.

Presente em 59% do território brasileiro, se fosse um país, seria o 6º maior do mundo em faixa territorial. A Amazônia está no Acre, Pará, Amapá, Roraima, Rondônia, Mato Grosso, Maranhão, Goiás, Tocantins e claro, Amazonas. O verde responde por 67% de TODAS as florestas tropicais do mundo. Biólogo descreve a Amazônia em chamas: ‘Animais carbonizados e silêncio no lugar do verde’© Kauê VieiraBiólogo descreve a Amazônia em chamas: ‘Animais carbonizados e silêncio no lugar do verde’© Kauê Vieira

Vegetação da Amazônia, um sistema único encurralado pelas chamas.
Árvores centenárias, ao lado de uma vegetação exuberante, queimam nos incêndios da Amazônia, um desastre ecológico que pode apenas ser parcialmente mitigado com planos ambiciosos de reconstrução, afirmou à AFP o engenheiro agrônomo e especialista em ciência ambiental Rodrigo Junqueira. P: Que tipo de vegetação está sendo afetada pelos incêndios da Amazônia? R: "As florestas nativas da Amazônia sofrem com o fogo. São florestas de fisionomias diferentes, com áreas de vegetação baixa, como no Mato Grosso, e outras mais densas, nas quais convivem espécies originais com outras geradas ao longo da história. Há espécies centenárias que estão sendo afetadas.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais
usr: 83
Isto é interessante!