Meio Ambiente: Índice de desmatamento na Amazônia cresce 80% em setembro - - PressFrom - Brasil

Meio Ambiente Índice de desmatamento na Amazônia cresce 80% em setembro

13:15  18 novembro  2019
13:15  18 novembro  2019 Fonte:   istoedinheiro.com.br

Desmatamento já reduz chuvas e pode afetar safra no sul da Amazônia

  Desmatamento já reduz chuvas e pode afetar safra no sul da Amazônia Estudo aponta que substituição em larga escala da floresta por pasto ou áreas de plantio tem provocado a redução do período de chuvas. Desmatamento indiscriminado pode colocar em risco prática de dupla safra na região. © Reuters Entre 1998 a 2012, região perdeu uma área de floresta equivalente ao tamanho da Áustria Somado ao efeito das mudanças climáticas e outros fatores de larga escala, o período de chuvas na região, que compreende Rondônia, sul do Amazonas, norte do Mato Grosso e sul do Pará, foi encurtado em 27 dias no período de 1998 a 2012, com impacto na dupla safra, quando agricultores plantam no mesmo terreno soja e, dep

Uma área equivalente a meia cidade de São Paulo foi desmatada na Amazônia em setembro . Segundo o Imazon, houve um aumento de 80 % em relação ao mesmo mês do

Amazônia .org. Desmatamento no bioma é maior em setembro de 2019, comparado ao mesmo período do ano passado. Em setembro , a Amazônia perdeu 802 km² de floresta, um aumento de 80 % em relação a setembro de 2018, quando foram detectados 444 km², de acordo com o Sistema

  Índice de desmatamento na Amazônia cresce 80% em setembro © Fornecido por Três Editorial Ltda

O ritmo de trabalho das motosserras na Amazônia foi incessante em setembro. Segundo o Sistema de Alerta de Desmatamento (SAD), do Imazon, a devastação atingiu 802 quilômetros quadrados (km²) da Amazônia Legal, região que envolve nove estados brasileiros. O indicador representa um aumento de 80% em comparação com igual período de 2018, quando o desmatamento somou 444 km². O Pará foi o estado de maior concentração da floresta derrubada no período, com 428 km² de área desmatada. Oito dos dez municípios que mais desmataram fazem parte do território paraense, que representa 56% da área total derrubada. Além do Pará, os estados que mais desmataram foram Rondônia (13%), Amazonas (11%), Acre (11%) e Mato Grosso (10%). O sistema ainda mostra que a maioria (48%) do desmatamento ocorreu em áreas privadas ou sob diversos estágios de posse. O restante foi registrado em assentamentos (31%), unidades de conservação (14%) e terras indígenas (7%).

(Nota publicada na Edição 1147 da Revista Dinheiro)

Bolsonaro confirma interesse em exportar madeira nativa da Amazônia .
Bolsonaro confirma interesse em exportar madeira nativa da Amazônia“É melhor você exportar de forma legalizada do que de forma clandestina e continuar saindo do Brasil”, alegou Jair Bolsonaro a jornalistas, após participar de evento na Vila Militar, na zona oeste do Rio.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais

Vídeos temáticos:

usr: 2
Isto é interessante!