Mulheres: Mulher de sargento é morta a tiros dentro de casa em Vespasiano; militar está desaparecido - - PressFrom - Brasil

Mulheres Mulher de sargento é morta a tiros dentro de casa em Vespasiano; militar está desaparecido

02:05  06 novembro  2019
02:05  06 novembro  2019 Fonte:   em.com.br

Mulher é encontrada morta com cobra enrolada no pescoço nos EUA

  Mulher é encontrada morta com cobra enrolada no pescoço nos EUA Mulher é encontrada morta com cobra enrolada no pescoço nos EUANa casa, havia cerca de outras 140 cobras, informou a polícia.

Corpo de mulher de sargento é encontrado dentro de casa (foto: Reprodução da internet/Google Maps). Uma jovem de 23 anos, esposa de um sargento da Polícia Militar , foi encontrada morta na residência onde vivia com o marido na noite dessa segunda-feira (05) em Vespasiano

Rosélia Coletti estava dentro de casa quando foi morta . Uma mulher identificada como Rosélia Coletti, 46 anos, foi morta a tiros dentro de casa por volta das 20 horas do último domingo no bairro Ubatuba, em São Francisco do Sul.

Corpo de mulher de sargento é encontrado dentro de casa© Reprodução/Facebook Corpo de mulher de sargento é encontrado dentro de casa
Uma jovem de 23 anos, esposa de um sargento da Polícia Militar, foi encontrada morta na residência onde vivia com o marido na noite dessa segunda-feira (05) em Vespasiano, Região Metropolitana de Belo Horizonte. De acordo com a perícia, Patrícia Salviano Irrthum, foi executada com três disparos: um no rosto, um na nuca e outro no tórax.

Ligue 180' recebe denúncias sobre assédio e violência contra a mulher

O marido dela é 3º sargento do 16° Batalhão e está desaparecido desde a data do crime. Ele é apontado como principal suspeito de ter assassinado Patrícia.

Mulher de 19 anos é assassinada a tiros pelo companheiro em Osasco

  Mulher de 19 anos é assassinada a tiros pelo companheiro em Osasco Mulher de 19 anos é assassinada a tiros pelo companheiro em Osasco'Ligue 180' recebe denúncias sobre assédio e violência contra a mulher

O delegado da Polícia Federal teve a casa invadida por dois criminosos. Mauro Sério Salles reagiu ao assalto e acabou sendo baleado três vezes. Os suspeitos tentaram fugir pulando os muros das casas vizinhas, mas policiais militares cercaram o quarteirão e conseguiram prender os bandidos.

O carrasco de Débora age de forma fria enquanto a vitima clama pela vida. Pelo menos três homens encapuzados participaram do crime. Débora havia desaparecido no inicio do mês e a família começou a receber ligações que davam conta de que a jovem havia sido alvo de uma emboscada.

Segundo o boletim de ocorrência, o corpo da jovem foi encontrado depois que o irmão do sargento acionou a PM. Ele procurou a corporação ao não conseguir entrar em contato com o suspeito. O irmão do militar chegou a ir até a residência do casal, no Bairro Gávea II, mas, ao encontrar a porta aberta e a luz acesa, ficou com medo e resolveu acionar a polícia.

Militares foram até a casa e encontraram o corpo da jovem em cima da cama do casal, sobre uma mancha de sangue, e com um travesseiro em cima do rosto.  Após cometer o crime, o suspeito colocou várias fotos da vítima em uma rede social e mandou mensagens para uma amiga dela, culpando-a pelo crime. Ele disse que a colega havia levado a mulher para o "mau caminho".

Três estojos com munições calibre .45 foram apreendidos no local. O corpo de Patrícia foi encaminhado para o IML e a polícia continua procurando o acusado.  A corporação trabalha com a suspeita de que ele tenha tirado a própria vida. Isso porque o militar enviou mensagens para sua ex-mulher e nelas pedia para que ela cuidasse do filho do ex-casal.  No inicio da noite desta terça-feira, a  Policia Militar informou ao Estado de Minas  que Glaysson de Souza continua sendo procurado, enquanto a Policia Civil investiga as circunstâncias do crime.

*Estagiária sob supervisão do subeditor Frederico Teixeira


Adolescente que estava desaparecida é encontrada morta na região de Itabira .
Adolescente que estava desaparecida é encontrada morta na região de ItabiraDe acordo com relatos de familiares, a menina havia saído de casa na noite de sexta-feira (8) e não retornou. Testemunhas disseram ter visto a adolescente na companhia de um vizinho e de seus filhos na noite do crime.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais

Vídeos temáticos:

usr: 525
Isto é interessante!