Mundo 'Temos de usar sacos de lixo na cabeça': médicos britânicos improvisam no combate ao coronavírus

00:02  07 abril  2020
00:02  07 abril  2020 Fonte:   bbc.com

Ator de X-Men doa R$1,7 milhão para comprar equipamentos de proteção para médicos

  Ator de X-Men doa R$1,7 milhão para comprar equipamentos de proteção para médicos James McAvoy pediu aos fãs que colaborassem com a campanha, que busca comprar máscaras e aventais para profissionais de saúdeO ator escocês James McAvoy fez uma doação de 275 mil libras esterlinas - equivalente a R$1,7 milhão  - para uma campanha de financiamento coletivo que busca arrecadar dinheiro para comprar equipamento de proteção para profissionais da saúde combatendo o novo coronavírus.

Os corpos de Inés e Filadelfio permaneceram mais de quatro dias em casa e a família Salinas, como outras em Guayaquil, recorreu às mídias sociais. Neymar faz doação milionária para combate ao coronavírus .

Por exemplo, no início de março, milhares de judeus ultraortodoxos foram para as ruas de Bnei Brak celebrar Purim, festa judaica que comemora a salvação Hospital de Nova York usará sacos de lixo devido à escassez de equipamentos contra coronavírus © Foto: Reuters / Brendan Mcdermidhttps

Roberts ajuda seus colegas a colocar sacos de lixo para proteger suas cabeças. © BBC Roberts ajuda seus colegas a colocar sacos de lixo para proteger suas cabeças.

Dado o número cada vez maior de pessoas infectadas, os governos e os sistemas de saúde de todo o mundo estão procurando recursos para responder da forma mais adequada à crise causada pela pandemia de covid-19.

Nesse contexto, os médicos estão trabalhando sob grande pressão, em muitos casos arriscando suas vidas. E muitos deles não têm permissão para dar entrevistas para a imprensa.

No Reino Unido, onde o número de mortos pela doença causada pelo novo coronavírus se aproxima de 5 mil, os hospitais estão tentando conseguir mais leitos para os doentes mais graves.

Presidente do Inter está curado do coronavírus

  Presidente do Inter está curado do coronavírus O presidente do Internacional, Marcelo Medeiros, está curado do coronavírus. O mandatário foi diagnosticado com o vírus no dia 20 de março, apesar de já estar em isolamento desde o dia 15, quando sentiu os sintomas da doença, e foi liberado pelos médicos nesta terça-feira. “Fiquei 16 dias em isolamento. Hoje, meu médico me disse […]

Além da crise de saúde, com hospitais cheios e unidades de terapia intensiva em colapso, Guayaquil enfrenta uma crise no manejo dos corpos, porque a maioria das empresas funerárias fechou as portas por medo de PM usa grades para fechar acesso à praia do Rio para combater coronavírus .

Aliás, diferente de relatos de outros colegas pelo Brasil, ela diz estar recebendo Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) contra o coronavírus Em um mercado com divulgação de vagas e tipos de contratos diferentes da enfermagem, os médicos também têm visto novas oportunidades

Acompanhe nossa cobertura sobre o coronavírus.
Últimas notícias, perguntas e respostas e como se cuidar.

Nesse contexto, uma médica concordou em relatar à BBC como a equipe de um hospital no centro do país, pertencente ao sistema público de saúde britânico (NHS, na sigla em inglês), está lidando com a emergência.

A médica Roberts* contou que o centro de saúde em que ela trabalha está à beira do colapso. A Unidade de Terapia Intensiva está cheia de pacientes infectados com o coronavírus.

Roberts diz que eles não podem garantir assistência médica adequada a uma pessoa doente com coronavírus. © BBC Roberts diz que eles não podem garantir assistência médica adequada a uma pessoa doente com coronavírus.

Todas as cirurgias que não são urgentes foram adiadas, incluindo as que envolvem pacientes com câncer. Faltam equipes e leitos para terapia intensiva, segundo a médica. E a isso se soma a escassez de medicamentos e respiradores mecânicos.

Mais de 10 mil médicos e enfermeiros contraem coronavírus na Itália

  Mais de 10 mil médicos e enfermeiros contraem coronavírus na Itália Mais de 10 mil médicos e enfermeiros contraem coronavírus na Itália

Pesquisadores australianos identificaram quatro tipo de células do sistema imunológico que atuam na resposta a infecção pelo novo coronavírus . Segundo os especialistas, determinar quais células do sistema imunológico atuam no combate ao vírus poderá ajudar no desenvolvimento de uma vacina.

Em 30 de dezembro, ele enviou uma mensagem a colegas médicos em um grupo de bate-papo, alertando para usarem roupas de proteção para evitar infecções. Coronavírus : chineses improvisam com garrafas plásticas em meio a escassez de máscaras.

Proteção precária

O ponto que mais chama atenção no relato da médica é que médicos e enfermeiras que cuidam dos pacientes mais doentes em turnos de até 13 horas precisam usar sacos de lixo hospitalar, aventais descartáveis ​​de plástico e óculos de esqui para proteção.

Enquanto as outras pessoas precisam manter uma distância social de pelo menos dois metros, os médicos examinam os mais doentes a uma distância de cerca de 20cm de seus rostos, sem proteção adequada.

E como a duração do estado de emergência é desconhecida, Roberts diz que sua equipe começou a estocar equipamentos de proteção individual para si.

Até agora, o número de médicos infectados pelo coronavírus é desconhecido. © BBC Até agora, o número de médicos infectados pelo coronavírus é desconhecido.

"Trata-se de ser prático. Os enfermeiros da UTI precisam deles agora. Eles correm o risco de contágio o tempo todo, mas foram instruídos a usar máscaras faciais abertas nas laterais, o que não fornece a proteção adequada", explica Roberts.

Neymar doa R$ 5 milhões para ajudar no combate ao coronavírus

  Neymar doa R$ 5 milhões para ajudar no combate ao coronavírus O jogador de futebol do Paris Saint Germain (PSG), Neymar Jr doou cerca de R$ 5 milhões para ajudar no combate ao novo coronavírus, segundo informações obtidas pelo SBT, nesta sexta-feira, 3. © Reprodução/Instagram Neymar doa R$ 5 milhões para ajudar no combate ao coronavírus Segundo a emissora de televisão, uma parte do dinheiro será destinado à Unicef e a outra a um fundo criado pelo apresentador da TV Globo Luciano Huck.A agência notícias AFP procurou a assessoria de imprensa de Neymar, que não quis comentar o assunto: “nós nunca falamos sobre doações e valores”.

O Mercosul destinará US$ 16 milhões para um projeto sobre "Pesquisa, Educação e Biotecnologia aplicada à Saúde", focado no combate ao novo coronavírus .

Antes de serem diagnosticados positivos, os deslocamentos dos pacientes são rastreados através de imagens de videovigilância, uso do cartão de crédito, ou situação de seu 28.jan.2020 - Uma equipe composta por 142 médicos de Xinjiang partiu para Wuhan para ajudar no combate ao coronavírus .

"Isso está errado. É por isso que temos que colocar sacos de lixo em nossas cabeças", acrescenta.

O governo britânico reconheceu que há problemas de desabastecimento, mas garante que uma equipe auxiliadas pelas Forças Armadas "trabalha contra o relógio" para entregar material médico em todo o país.

No entanto, Roberts observa que seu hospital não recebeu nenhuma ajuda do governo.

"As máscaras que temos agora tiveram as datas de validade alteradas. Ontem encontrei uma com três etiquetas sobrepostas: uma com validade em 2009, uma de 2013 e outra de 2021."

O Instituto de Saúde Pública da Inglaterra disse à BBC que os novos carimbos de validade são colocados após uma rigorosa revisão do equipamento. Roberts, no entanto, não está convencida com essa explicação.

Segundo Roberts, as máscaras usadas no hospital têm várias datas de validade sobrepostas. © BBC Segundo Roberts, as máscaras usadas no hospital têm várias datas de validade sobrepostas.

O Departamento de Saúde e Assistência Social do Reino Unido também disse que está "trabalhando em estreita colaboração com a indústria, o NHS, os prestadores de assistência social e o Exército" e diz que, se os funcionários precisam solicitar mais equipamento de proteção, há uma linha direta para fazer esses pedidos.

Conmebol planeja retorno do futebol e prepara protocolo médico

  Conmebol planeja retorno do futebol e prepara protocolo médico Atividades foram suspensas pela pandemia de coronavírus e volta das competições ainda é uma incógnitaPor videoconferência, 22 médicos das seleções sul-americanas, juntamente com membros da comissão médica da entidade, analisaram medidas para prevenir o coronavírus e definir "modalidades de treinamento individual e coletivo; realização de testes em atletas, desinfecção de locais comuns e de higiene pessoal do atleta", de acordo com um comunicado da entidade. "A saúde estará sempre acima de tudo e as decisões serão tomadas em função dessa premissa", afirmou o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez.

A carreira de Jenny Thompson foi marcada por grandes vitórias dentro das piscinas. Ao todo, foram 12 medalhas olímpicas conquistadas na carreira da ex-nadadora (8 ouros, 3 pratas e 1 bronze), mas ela tem encontrado o maior desafio de sua vida anos depois de sua aposentadoria.

17.03.2020 - De acordo com o ministério da Saúde, mais de 4 mil médicos se inscreveram para trabalhar Coreia do Sul é exemplo no combate ao coronavírus - Продолжительность: 3:09 Record News 465 810 Trump quer usar combinação de remédios para malária e lúpus contra a covid-19

O órgão acrescenta que seus protocolos sobre equipamentos de proteção estão alinhados com as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS) para garantir que todos os médicos estejam cientes do que devem usar para se protegerem.

Contágio de profissionais

Atualmente, assistidos por ventiladores mecânicos e sob os cuidados de Roberts, estão três colegas dela que testaram positivo para o novo coronavírus.

Um deles era médico de uma UTI e, como ela, atendia na emergência sem o equipamento adequado.

Os outros dois infectados integram equipe que trabalhava em outros departamentos do hospital, portanto não usavam EPI. No entanto, devido aos sintomas, acredita-se que eles tenham contraído o vírus no centro de saúde.

E, como ocorre com o restante dos pacientes, eles não podem receber visitas de familiares ou amigos.

"A coisa mais difícil no momento é ter de dizer às famílias por telefone que temos que parar de atendê-las, dizer que seus parentes estão morrendo ou morreram, mas que eles não podem ir vê-los", diz Roberts.

Pacientes com covid-19 não podem receber visitas de familiares ou amigos. © BBC Pacientes com covid-19 não podem receber visitas de familiares ou amigos.

"Normalmente, você pode conversar com o membro da família que está ao lado do paciente e dizer 'vamos fazer todo o possível', mas agora não podemos fazer isso", ela diz.

Bolsonaro insinua que médicos escondem uso de cloroquina

  Bolsonaro insinua que médicos escondem uso de cloroquina Bolsonaro insinua que médicos escondem uso de cloroquinaBolsonaro disse também que acredita que eles “devem falar brevemente” sobre o caso uma vez que fizeram o juramento de Hipócrates –compromisso declarado por médicos na ocasião de sua formatura.

"Não sei se poderemos dar um respirador a ele, não posso garantir que as enfermeiras cuidarão dele adequadamente, porque elas estão fazendo turnos de 13 horas. E estamos ficando sem remédios", diz.

"Não podemos garantir a você todos os tratamentos que eu sei que poderiam ajudar."

O NHS diz que não sabe o número de médicos que foram hospitalizados pelo coronavírus.

No entanto, na Espanha e na Itália (os dois países europeus que tiveram o maior número de infectados), o número de pessoas infectadas no setor de saúde continua aumentando.

Na Espanha, 9.400 membros de equipes de saúde deram positivo até 27 de março e na Itália, até 30 de março, 6.414 casos de médicos e enfermeiros infectados foram relatados.

No Reino Unido, sabe-se que vários trabalhadores da área morreram de covid-19, incluindo uma enfermeira de West Midlands e uma assistente de saúde e três médicos em Londres.

Ponto de inflexão

Considerando o que aconteceu na Itália e na Espanha, as projeções para o Reino Unido indicam que o pico da pandemia chegará em duas semanas, e é por isso que a equipe médica está se preparando, diz Roberts.

Além do EPI, uma enfermeira de terapia intensiva na Espanha usa um saco de lixo e uma máscara plástica protetora, doada por uma empresa local © Getty Images Além do EPI, uma enfermeira de terapia intensiva na Espanha usa um saco de lixo e uma máscara plástica protetora, doada por uma empresa local

"Se os casos estão aumentando tão rápido quanto na Espanha e na Itália, então, francamente, estamos com problemas. Todas as nossas áreas logo estarão cheias", alerta.

"Nossas máquinas de anestesia, projetadas para funcionar por duas a três horas no máximo, estão em funcionamento por quatro a cinco dias seguidos. Já temos vazamentos e falhas", acrescenta ela.

Cidade japonesa de Osaka pede doação de capas de chuva para equipe de saúde

  Cidade japonesa de Osaka pede doação de capas de chuva para equipe de saúde A terceira maior cidade do Japão, Osaka, fez um pedido aos cidadãos para que doem capas de chuva, diante da escassez de material de proteção para a equipe de saúde que luta contra a COVID-19 nos hospitais. A falta de equipamentos de proteção em Osaka é tão grande que alguns membros da equipe hospitalar chegaram a utilizar sacos de lixo sobre suas vestes, destacou o prefeito. Este pedido de doações ocorre depois que duas associações japonesas de médicos de emergências constataram "os primeiros sinais de colapso do sistema de medicina de emergência" no país.O Japão sofreu menos do que outros países, com 8.

As camas adicionais para terapia intensiva, instaladas em várias salas de cirurgia e enfermarias, quase dobraram a capacidade do hospital de ajudar pacientes em situação crítica, particularmente aqueles que não conseguem respirar por conta própria e precisam de um respirador.

No entanto, ao expandir os cuidados intensivos, Roberts diz que a equipe de enfermagem é sobrecarregada de forma desproporcional.

"As enfermeiras de terapia intensiva são altamente treinadas e geralmente fornecem atendimento personalizado a pessoas gravemente doentes. Seus pacientes podem estar dormindo, mas é uma ligação tão grande que elas podem descrever todos os fios de cabelo da cabeça de um paciente", diz ela.

"Mas agora, com essas camas adicionais, as enfermeiras estão sob pressão para cuidar de até quatro pacientes, enquanto fornecem o mesmo nível de atendimento. Elas realmente estão lutando. Elas são a parte mais importante do sistema."

Isolamento

Do lado de fora, no estacionamento do hospital, na área de ambulâncias, há um novo edifício temporário, construído com um objetivo: examinar todos os pacientes quanto a sintomas de coronavírus antes de serem admitidos.

É administrado por um médico que, segundo Roberts, poderia estar cuidando de pacientes. Ela descreveu a unidade como um "detector de mentiras".

"É muito comum as pessoas mentirem sobre seus sintomas apenas para serem tratadas", diz ela, se referindo a pessoas que, na avaliação médica, deveriam ter ficado em casa, mas que vão à sala de emergência.

"Então, agora todos os pacientes são examinados no estacionamento, para garantir que aqueles com sintomas de covid-19 sejam encaminhados para a ala direita do hospital e não infectem todos os outros, como aqueles que entraram com o braço quebrado."

E Roberts destaca a importância do isolamento.

"A maioria dos funcionários do hospital está se isolando quando não está no trabalho, para não colocar os outros em risco".

Fisioterapeutas e enfermeiros criticam decreto que beneficia apenas médicos

  Fisioterapeutas e enfermeiros criticam decreto que beneficia apenas médicos Decreto do governo de Minas sobre remuneração para médicos contratados temporariamente deixa categorias de foraTrata-se do  Decreto nº 47.914, de 10 de abril de 2020.

*O nome foi alterado.

  'Temos de usar sacos de lixo na cabeça': médicos britânicos improvisam no combate ao coronavírus © BBC
  • COMO SE PROTEGER: O que realmente funciona
  • COMO LAVAR AS MÃOS: Vídeo com o passo a passo
  • SINTOMAS E RISCOS: Características da doença
  • 25 PERGUNTAS E RESPOSTAS: Tudo que importa sobre o vírus
  • MAPA DA DOENÇA: O alcance global do novo coronavírus
  'Temos de usar sacos de lixo na cabeça': médicos britânicos improvisam no combate ao coronavírus © BBC

______________________________

Fisioterapeutas e enfermeiros criticam decreto que beneficia apenas médicos .
Decreto do governo de Minas sobre remuneração para médicos contratados temporariamente deixa categorias de foraTrata-se do  Decreto nº 47.914, de 10 de abril de 2020.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais
usr: 4
Isto é interessante!