Mundo África do Sul supera os 500.000 casos de COVID-19, diz ministro da Saúde

09:33  02 agosto  2020
09:33  02 agosto  2020 Fonte:   msn.com

China tem maior número de novos casos de Covid desde março

  China tem maior número de novos casos de Covid desde março País registrou 68 novos contágios da doença nesta segunda (27)    De acordo com as autoridades do país, 68 novos contágios do coronavírus Sars-CoV-2 foram contabilizados em 24 horas. O número supera os 61 registrados no domingo (26).

"Hoje a África do Sul superou a barreira de meio milhão de pessoas contagiadas, com um total de 503.290 casos confirmados de COVID - 19 ", afirmou o ministro da Saúde em seu comunicado diário sobre a situação da crise sanitária no país. Mais de um terço dos casos foram registrados na

Ministério da Saúde divulga dados inéditos de hepatites virais no país, com destaque para Hepatite C, que apresentou queda na taxa de mortalidade e no Plataforma Localiza SUS disponibiliza dados de enfrentamento à Covid - 19 . Todo cidadão pode acompanhar os dados e ações do Ministério da

Sul-africanos fazem fila em frente à estação ferroviária Pienaaspoort, a leste de Pretória, para embarcar em trens de passageiros em 1ºde julho de 2020, na retomada das operações locais © Phill Magakoe Sul-africanos fazem fila em frente à estação ferroviária Pienaaspoort, a leste de Pretória, para embarcar em trens de passageiros em 1ºde julho de 2020, na retomada das operações locais

A África do Sul, o país africano mais afetado pela pandemia do novo coronavírus, detectou mais de 500.000 casos do novo coronavírus, anunciou neste sábado (1) o ministro da Saúde, Zweli Mkhize.

"Hoje a África do Sul superou a barreira de meio milhão de pessoas contagiadas, com um total de 503.290 casos confirmados de COVID-19", afirmou o ministro da Saúde em seu comunicado diário sobre a situação da crise sanitária no país.

África ultrapassa marca de 1 milhão de casos de coronavírus

  África ultrapassa marca de 1 milhão de casos de coronavírus O país mais afetado no continente é a África do Sul    Até 9h da manhã, o continente registrava 1.008.151 contágios e 22.069 mortes, mas os números devem estar subnotificados devido à escassez de testes em várias nações. O país com mais casos em termos absolutos e relativos é a África do Sul, com 538.184 diagnósticos positivos (931/100 mil habitantes).

Apesar de o número de casos e de mortes não diminuir, o presidente do país, Alejandro Giammattei, anunciou no domingo passado a reabertura gradual das atividades econômicas, restritas desde março para conter a África do Sul supera os 500 . 000 casos de COVID - 19 , diz ministro da Saúde .

A África do Sul registou este sábado meio milhão de casos , de acordo com o ministro da Saúde do país, numa altura em que o número de casos em África aproxima-se do milhão. Só este sábado, o país registou mais de dez mil casos , quatro meses depois de o novo coronavírus ter chegado à

Mais de um terço dos casos foram registrados na província de Gauteng, onde estão Johannesburgo e Pretória, respectivamente as capitais econômica e administrativa do país.

Em outro comunicado, o presidente, Cyril Ramaphosa, mostrou-se satisfeito com a baixa taxa de letalidade do vírus no país.

"Embora a África do Sul seja o quinto país em número de casos, estamos apenas na 36ª posição em número de mortos em relação à população", afirmou.

A taxa de mortalidade é baixa, de cerca de 1,6%, segundo o Ministério da Saúde.

A África do Sul é o quinto país do mundo mais castigado pela pandemia em número de casos confirmados e o primeiro da África. Ali foram registrados mais da metade dos contágios do novo coronavírus no continente.

O número oficial de mortes superou os 8.150, mas está em grande parte subestimado, advertem os especialistas, que argumentam que o total de mortos na África do Sul aumentou 60% nas últimas semanas.

Entre 40.000 e 50.000 pessoas poderiam morrer de COVID-19 antes do fim do ano, segundo estimativas oficiais.

O país decretou no fim de março um dos confinamentos mais estritos do mundo, mas logo o abrandou. Devido ao aumento de casos, as escolas foram fechadas novamente por um mês e foi instaurado um toque de recolher noturno.

A pandemia de COVID-19, que em um primeiro momento avançou mais lentamente na África do que em outras regiões do mundo, está se acelerando no continente, onde os sistemas de saúde pública são muito deficientes, o que preocupa a Organização Mundial de Saúde (OMS).

sn/thm/eb/jvb/gma/mvv

Casos de coronavírus continuam aumentando na Espanha .
O número de novos casos diagnosticados de COVID-19 aumentou notoriamente na Espanha - aponta o balanço publicado nesta sexta-feira (31) pelo Ministério da Saúde, chegando a uma média de mais de 2.000 casos diários nos últimos sete dias. De acordo com o Ministério, o número de casos diagnosticados na véspera da publicação do balanço subiu para 1.525, um número que não parou de aumentar nas últimas semanas e que estava abaixo de mil na sexta-feira passada. Nos últimos sete dias na Espanha, o número de casos diagnosticados foi de 14.198, o equivalente a uma média diária superior aos 2.000.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais
usr: 1
Isto é interessante!