Mundo Casal gay é vítima de ataque homofóbico em clínica veterinária: “Isso não é de Deus”

18:46  29 setembro  2020
18:46  29 setembro  2020 Fonte:   istoe.com.br

Casal gay é agredido em cidade no norte da Itália

  Casal gay é agredido em cidade no norte da Itália País voltou a ser palco de homofobia por causa de um beijo    Um amigo que tentou defender o casal foi golpeado com uma taça na cabeça e teve de receber atendimento médico para suturar o ferimento. Segundo as vítimas, o ataque homofóbico foi cometido por um grupo de quatro homens e duas mulheres.

Um casal gay sofreu ataque homofóbicos dentro de clínica veterinária, em Birigui, no interior de São Paulo, na última sexta-feira (25). Imagens do ocorrido viralizaram nas redes sociais e mostram uma mulher se aproximando do casal com ofensas. Um funcionário da loja tenta intervir, mas a mulher continua os ataques.

Casal gay é vítima de homofobia em Birigui Um casal gay foi agredido verbalmente em uma clínica veterinária em Birigui SP, pelo simples fato de serem homossexuais. A agressão ocorreu no interior do estabelecimento quando o casal aguardava para ser atendido.A agressão veio de uma senhora, também cliente do estabelecimento, que se sentiu no direito de “opiniar” na relação dos dois.No vídeo ela fala por diversas vezes “isso não é de deus “, “isso não é de deus “ querendo usar a religião para justificar o seu preconceito. A mulher ainda chama os dois para fora, no intuito de amedrontar o casal.Ao ser questionada sobre o crime que está cometendo, a mulher diz: "EU NÃO ACHO QUE É CRIME".O proprietário do local chegou a advertir a mulher por diversas vezes, pedindo para que ela respeitasse o casal, e que não aceitava esse tipo de conduta em seu estabelecimento.Em contato com pessoas próximas as vítimas, foi relatado a nossa reportagem que um boletim de ocorrência foi registrado e as imagens serão anexadas ao inquérito policial.

Cachorro defende dono durante confusão e é esfaqueado em Ouro Fino

  Cachorro defende dono durante confusão e é esfaqueado em Ouro Fino Animal mestiço com raça Blue Heeler foi levado ao veterinário e passa bem; Motivo da briga teria envolvimento com o tráfico de drogas ”, diz a PM. Segundo a polícia, os ânimos se exaltaram quando um dos homens tentou esfaquear o outro. Durante a confusão, o cachorro tentou defender o dono e acabou atingido pela facada. Ainda de acordo com a polícia, o suspeito fugiu antes da chegada dos militares e o animal foi levado para uma clínica veterinária. “O suspeito foi identificado e a PM segue em rastreamento na região”, afirma a assessoria de comunicação da corporação.

Posted by ADS Sumaré – Insane's Club on Monday, September 28, 2020

Na gravação, é possível ouvir uma das vítimas perguntando se a mulher sabia que homofobia é crime e ela responde que “não acha que é crime.” “A gente não quer ouvir a opinião da senhora. Guarde para você. Ninguém aqui está pedindo sua opinião. Eu não estou sendo desrespeitoso. Estou dizendo para você guardar para a senhora”, afirma uma das vítimas.

“Olha aqui. Estou falando que é homem com mulher. Não é homem com homem e mulher com mulher. Está ouvindo? Isso não é de Deus. Isso não é de Deus”, rebate a mulher. Logo depois, um dos ofendido pede para a mulher parar de se aproximar e diz que iria acionar a Polícia Militar.

Em seguida, o funcionário da clínica intervém de novo na discussão e pede respeito. Em nota ao G1, a clínica veterinária afirma que repudia o ato de descriminalização e preconceito. “Reforçamos que essa atitude não condiz com as diretrizes e valores da nossa empresa, atendendo a todos clientes e amigos com dignidade e em busca de sua satisfação”, diz trecho da nota.

Conforme a Polícia Civil, nenhum boletim de ocorrência do caso foi registrado.

Homossexual e candidato, um caso inédito em Mianmar .
"Eu não queria mentir".O partido de Aung San Suu Kye, a Liga Nacional para a Democracia (LND), não fez praticamente nada pelos direitos da comunidade homossexual desde que chegou ao poder em 2015, de acordo com várias associações.

usr: 3
Isto é interessante!