Mundo Bolsonaro desviou R$ 7,5 mi de testes de covid a programa de Michelle

17:07  01 outubro  2020
17:07  01 outubro  2020 Fonte:   catracalivre.com.br

De 'cristofobia' a Amazônia: os sete pontos polêmicos do discurso de Bolsonaro na ONU

  De 'cristofobia' a Amazônia: os sete pontos polêmicos do discurso de Bolsonaro na ONU Presidente brasileiro foi o primeiro a falar na Assembleia Geral da ONU, realizada virtualmente neste ano por causa da pandemia. Como a BBC News Brasil adiantou, Bolsonaro se concentrou em defender sua gestão da pandemia de coronavírus e as ações em prol do meio ambiente. E acusou a imprensa, os governadores, o protecionismo de outras nações e os "interesses escusos" de organismos internacionais pelas críticas que sua gestão tem recebido tanto pelo alto número de vítimas - são 137 mil mortos por covid-19 no país - quanto pelas queimadas nas regiões amazônicas e pantaneiras.

O governo federal repassou R $ 7 , 5 milhões que eram destinados à compra de testes para a COVID -19 para um programa social liderado pela primeira-dama Michelle Bolsonaro .

O governo desviou para o programa de Michelle Bolsonaro 7 , 5 milhões de reais que a Marfrig doou ao Ministério da Saúde para a compra de 100 mil testes da Covid -19. Depois disso, segundo a Folha de S. Paulo, o dinheiro foi repassado, sem edital de concorrência, para instituições missionárias

O governo Jair Bolsonaro (sem partido) desviou R$ 7,5 milhões doados para a compra de testes rápidos para covid-19 ao programa Pátria Voluntária, coordenado pela primeira-dama, Michelle Bolsonaro.​ As informações são da Folha.

  Bolsonaro desviou R$ 7,5 mi de testes de covid a programa de Michelle © Marcelo Camargo/Agencia Brasil

O valor foi doado em março pelo frigorífico Marfrig, um dos maiores do país, ao Ministério da Saúde para a compra de 100 mil testes rápidos do novo coronavírus.

Na ocasião, o Brasil já registrava os primeiros casos de covid-19 e não tinha esse material para seguir a orientação da OMS (Organização das Nações Unidas) de testar em massa a população.

China e Rússia estão à frente na disputa pela vacina da covid fugindo de regras já consagradas

  China e Rússia estão à frente na disputa pela vacina da covid fugindo de regras já consagradas Dois países começaram a introduzir vacina em massa antes da conclusão de todos os testes; corrida para desenvolver imunizante virou desafio geopolíticoSEUL – China e Rússia começaram a introduzir em massa suas vacinas contra o novo coronavírus antes de todos os testes clínicos estarem concluídos, o que vem se tornando um desafio geopolítico inesperadamente complexo para os Estados Unidos.

para testes de coronavírus, para um programa social da primeira-dama Michelle Bolsonaro . O governo federal desviou R $ 7 , 5 milhões, que deveriam ser usados para testes de coronavírus, a da pandemia de Covid -19, especificamente o auxílio a pequenos negócios de pessoas em situação de

PRIVACIDADE DE BOLSONARO NÃO É DESCULPA PARA ESCONDER TESTES PARA COVID -19 - Продолжительность: 4:04 UOL 6 BOLSONARO IRONIZA E DIZ QUE IRÁ CONVIDAR MILHARES DE PESSOAS PARA CHURRASCO - Продолжительность: 1:17 UOL 97 775 просмотров.

No entanto, os R$ 7,5 milhões não foram aplicados para essa finalidade específica e foram desviados para o Arrecadação Solidária, vinculado ao Pátria Voluntária administrado por Michelle Bolsonaro.

A reportagem revela ainda que mesmo programa liderado pela primeira-dama repassou, sem edital, dinheiro público a instituições evangélicas ligadas à ministra Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos).

À época, a Marfrig foi orientada pela Casa Civil a depositar a doação de 7,5 milhões de reais numa conta da Fundação do Banco do Brasil, gestora dos recursos do Pátria Voluntária.

Em maio, a empresa foi consultada pelo governo Bolsonaro sobre a possibilidade de destinar a verba doada para outras ações de combate aos efeitos socioeconômicos da pandemia.

Questionada pela Folha sobre o desvio dos R$ 7,5 milhões destinados à compra de testes, a Casa Civil não respondeu.

Veja também: Bolsonaro late e se atrapalha com cão ao assinar lei contra maus tratos

Nova York pode ter regiões com escolas e comércio não essencial fechados .
Trump pode receber alta nesta segunda-feira

usr: 3
Isto é interessante!