Mundo: Presidente da Boeing assume erro e diz que levará tempo até reconquistar confiança - PressFrom - Brasil

MundoPresidente da Boeing assume erro e diz que levará tempo até reconquistar confiança

11:36  17 junho  2019
11:36  17 junho  2019 Fonte:   estadao.com.br

Lorenzo assume culpa por ‘strike’ em Barcelona: “Arruinei a corrida de três pilotos”

Lorenzo assume culpa por ‘strike’ em Barcelona: “Arruinei a corrida de três pilotos” Lorenzo assume culpa por ‘strike’ em Barcelona: “Arruinei a corrida de três pilotos”

PARIS - O presidente da Boeing disse no último domingo, 16, que a fabricante norte-americana de aviões cometeu um erro ao implementar um sistema defeituoso de aviso de cabine na aeronave 737 MAX e previu que levará tempo para reconstruir a confiança dos clientes na sequência de dois

Presidente da Boeing assume erro e diz que levará tempo até reconquistar confiança . Dennis Muilenburg disse que fabricante norte-americana cometeu erro ao implementar um sistema defeituoso de aviso de cabine na aeronave 737 MAX após dois acidentes fatais.

Presidente da Boeing assume erro e diz que levará tempo até reconquistar confiança © STEPHEN BRASHEAR/GETTY IMAGES AMÉRIQUE DU NORD/AFP Dans cette photo de fichier, un avion de ligne Boeing 737 MAX 8 décollait de l'aéroport municipal de Renton près de l'usine de l'entreprise, le 22 mars 2019 à Renton, Washington. Boeing a piloté des vols d'essai de son 737 MAX pour évaluer un correctif pour le système ciblé comme une cause potentielle de deux accidents d'avion mortels, deux sources familiers avec la question a déclaré le 26 mars 2019. Le géant de l'aviation, qui a été sous le feu et ses avions phares à fuselage étroit mis à la terre depuis le 13 mars, testé la mise à niveau du système le lundi, deux jours après les pilotes de American Airlines a fait des vols de simulation à Renton, Washington, les sources dit.

PARIS - O presidente da Boeing disse no último domingo, 16, que a fabricante norte-americana de aviões cometeu um erro ao implementar um sistema defeituoso de aviso de cabine na aeronave 737 MAX e previu que levará tempo para reconstruir a confiança dos clientes na sequência de dois acidentes fatais.

Argentina e Uruguai se recuperam amplamente de apagão

Argentina e Uruguai se recuperam amplamente de apagão Argentina e Uruguai se recuperam amplamente de apagão

Presidente da Boeing admite erro em sistema e diz que levará tempo até reconquistar confiança . Dennis Muilenburg afirma que fabricante cometeu erro ao implementar um sistema defeituoso de aviso de cabine na aeronave 737 MAX. Há 3 horas Mundo.

Boeing diz que levará tempo até reconquistar confiança . Marido de deputada é morto a tiros em casa. 12 dicas para assumir o controle da sua carreira. Como um jovem conquistou US$ 1 milhão em 5 anos. 20 maneiras de aumentar a segurança no trabalho.

O presidente-executivo da empresa, Dennis Muilenburg, disse que a Boeing falhou na comunicação com os reguladores e clientes, mas defendeu engenharia e design de software que estão no centro das investigações sobre os acidentes que levaram crise à companhia aérea multinacional.

Muilenburg reconheceu que a empresa cometeu um erro ao não revelar o sistema de alerta defeituoso do cockpit de seu 737 MAX para reguladores e clientes, e disse que essa falha tem sido objeto de análise dos reguladores globais.

Sob duras críticas a respeito do projeto do 737 MAX e da forma como a Boeing lidou com a crise, o presidente-executivo disse estar “vendo ao longo do tempo cada vez mais convergência entre os reguladores” sobre quando a aeronave deve retornar ao serviço.

Ativista pró-democracia Joshua Wong deixa a prisão e se une aos protestos contra o governo de Hong Kong

Ativista pró-democracia Joshua Wong deixa a prisão e se une aos protestos contra o governo de Hong Kong Ativista pró-democracia Joshua Wong deixa a prisão e se une aos protestos contra o governo de Hong Kong

Agora eles disseram que querem aderir ao ACE18, mas ficou tarde", disse a fonte. Recentemente, o governo brasileiro e os demais do bloco baixaram o tom das críticas políticas à Após acidentes. Presidente da Boeing admite erro em sistema e diz que levará tempo até reconquistar confiança .

O presidente da Boeing reconhece defeito em sistema de avião envolvido em acidentes e diz que levará tempo até reconquistar a confiança de clientes. Bolsonaro minimiza polêmica entre o ministro da Economia e o presidente da Câmara dos Deputados.

Ele disse esperar que o MAX retorne a operar ainda neste ano e que 90% dos seus clientes participem de sessões de simulação de voo com o software MCAS atualizado, já que a empresa trabalha para garantir um vôo de certificação junto aos reguladores em breve.

A Boeing diz que seguiu procedimentos de engenharia ao projetar o 737 MAX. Questionado sobre como os procedimentos falharam na captura de falhas aparentes no software de controle do MCAS e na arquitetura de sensores, Muilenburg disse: “Claramente, podemos fazer melhorias, e entendemos isso e faremos essas melhorias”./ Reuters

Vídeo: Motorista escapa por pouco de acidente; veja (KameraOne)

Coringa de Bolsonaro assume Correios e evita falar de privatização.
Coringa de Bolsonaro assume Correios e evita falar de privatização

—   Compartilhe notícias nas redes sociais

Vídeos temáticos:

usr: 7
Isto é interessante!