Mundo F1: Hamilton explica escolha ‘improvável’ de pneus médios para pole position

23:10  24 outubro  2020
23:10  24 outubro  2020 Fonte:   msn.com

46: Hamilton impõe derrota doída a Rosberg na última volta: o GP da Áustria de 2016

  46: Hamilton impõe derrota doída a Rosberg na última volta: o GP da Áustria de 2016 A corrida no Red Bull Ring começou morna, mas esquentou na parte final quando Lewis Hamilton partiu para cima de Nico Rosberg. O alemão tentou impedir a ultrapassagem, bateu no companheiro e se deu mal. Melhor para o inglês, que venceuMas foi justamente isso o que fizeram e, ao invés de outra vitória tranquila para a Mercedes, aquele 3 de julho, no Red Bull Ring, de tão tenso, nem parecida que a marca da estrela vencera pela oitava vez naquela temporada.

Inglês garantiu a 97ª pole position da carreira e pode ultrapassar recorde de vitórias de Schumacher se vencer neste domingo

Lewis Hamilton, Mercedes F1 W11, leaves the garage © Steve Etherington / Motorsport Images Lewis Hamilton, Mercedes F1 W11, leaves the garage

tenham progredido para o Q3 com o composto mais duro para terem uma vantagem estratégica no início da corrida no domingo, eles completaram sua classificação final com os pneus médios.

Hamilton prevaleceu com sua última volta no final da sessão, após uma rara tentativa dupla, que ele disse ter escolhido para obter uma nova chance de anular a estreita vantagem que Bottas tinha mantido durante os treinos e após as voltas de abertura do Q3.

54: Hamilton leva em Xangai e divide liderança com Vettel: o GP da China de 2017

  54: Hamilton leva em Xangai e divide liderança com Vettel: o GP da China de 2017 Crise dos combustíveis piora no Iêmen e filas enormes lotam postos de gasolina de Sanaa. Inúmeras pessoas e instalações foram afetadas, uma vez que o estoque de gasolina e diesel está completamente esgotado há cerca de quarenta dias, segundo a Companhia de Petróleo do Iêmen.

Leia também:

Hamilton relata dificuldade e explica como bateu Bottas pela poleF1: Bottas lamenta estratégia do Q3 em Portugal

Ambos os pilotos da Mercedes marcaram seus tempos primeiros tempos da última parte da classificação com pneus macios, que, na baixa aderência de Portimão, se mostram difícil de aquecer nas rodas dianteiras e fornecer a vantagem usual sobre os pneus mais duros.

“Combinado suavidade da pista, a dificuldade que temos com esses pneus e a batalha que estou tendo com Valtteri, isso está tornando tudo cada vez mais difícil para mim a cada final de semana”, disse Hamilton. “Ele foi o mais rápido durante todo o fim de semana, durante todos os treinos e até mesmo em parte desta sessão”.

“Então, eu não sabia se iria ou não conseguir uma volta que pudesse competir com a dele. Eu estava sempre abaixo por um décimo, meio décimo, seja o que for, mas a última decisão que tomei no final é o que eu acho que realmente criou a oportunidade”.

Hamilton se diz surpreso pela escolha de Petrov como comissário da F1 no GP de Portugal

  Hamilton se diz surpreso pela escolha de Petrov como comissário da F1 no GP de Portugal Hexacampeão mundial de F1 não gostou de escolha de piloto que criticou protestos antirracistas em recente entrevista © FIA Pool Lewis Hamilton, Mercedes-AMG F1 in the press conference Lewis Hamilton diz que não entende por que a FIA escolheu Vitaly Petrov como comissário convidado da Fórmula 1 neste fim de semana, após recentes comentários polêmicos que o russo fez.Embora a F1 e a FIA tenham exaltado a mensagem antirracismo este ano, Petrov disse em entrevista recente que não apoiava os protestos de joelhos antes das corridas.

“Nós dois tivemos a oportunidade de escolher entre o pneu macio e o médio, é raro ir para o segundo, geralmente ficamos com o pneu macio ao longo do Q3, mas a ideia de ter uma volta extra para tentar conseguir a pole parecia boa para mim. Então eu escolhi fazer essa estratégia e acho que Valtteri preferiu a volta única, mas ele ainda fez um ótimo trabalho”.

“Ainda era muito, muito difícil, tive que pisar fundo - felizmente, acho que acertei no último setor, mas ainda assim, foi tudo próximo”.

sobre o quão satisfeito ele estava por começar com os pneus médios para a corrida de amanhã, que ainda pode ser afetada pela chuva em Portugal, Hamilton disse: “Acho que vai ser uma corrida muito complicada. Particularmente, com o pneu mais duro - ele não funciona por várias voltas, então vai ser interessante no início”.

“Obviamente vamos perder um pouco de desempenho para Max [Verstappen, que usou os macios no Q2] e os caras mais atrás de macios".

Bottas puxa 1-2 da Mercedes no terceiro treino em Portugal

  Bottas puxa 1-2 da Mercedes no terceiro treino em Portugal Valtteri Bottas foi o piloto mais rápido do terceiro treino livre para o Grande Prêmio de Portugal, 12ª etapa da temporada 2020 da Fórmula 1. Na atividade realizada na manhã deste sábado (24) no circuito de Portimão, na região do Algarve, o finlandês da Mercedes registrou na melhor das suas voltas 1min16s654, usando pneus macios. … Continued O post Bottas puxa 1-2 da Mercedes no terceiro treino em Portugal apareceu primeiro em Racing Online.

“Realmente não sei o que esperar amanhã - deve chover. Então isso significa que vai ser o dia mais difícil para todos nós se isso acontecer. Vento e chuva - isso seria realmente gelo [no asfalto de baixa aderência]”.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Neste fim de semana, a F1 visita Portimão, para o GP de Portugal. E uma equipe que vem se destacando na temporada 2020 é a Renault, que vem mostrando muita consistência, com Daniel Ricciardo entre os seis primeiros nas últimas quatro provas. Pode ser uma boa aposta para o fim de semana hein? Quer saber mais? Confira o ThePlayer.com e não perca nada!

Hamilton encaminha hepta, e luta pelo 4º lugar aperta em Portugal. Confira classificação .
Com oito vitórias em 12 corridas na temporada 2020, Lewis Hamilton está cada vez mais perto do sétimo título mundial de Fórmula 1. Daniel Ricciardo, Charles Leclerc e Sergio Pérez protagonizam a luta pelo posto de ‘melhor do resto’, enquanto a luta pelo top-3 do Mundial de Construtores segue muito acirradaCom cinco corridas restando para o desfecho do campeonato, 130 pontos estão em disputa até o fim da temporada, o que faz com que Hamilton, dono de oito vitórias no campeonato, esteja cada vez mais próximo do sétimo título mundial.

usr: 0
Isto é interessante!