Mundo F1: Bottas não entende falta de ritmo após boa primeira volta

19:50  25 outubro  2020
19:50  25 outubro  2020 Fonte:   msn.com

63: Pneu furado de Bottas entrega vitória a Hamilton: o GP do Azerbaijão de 2018

  63: Pneu furado de Bottas entrega vitória a Hamilton: o GP do Azerbaijão de 2018 Lewis Hamilton não era favorito no Azerbaijão, mas contou com a sorte e uma prova sem erros para triunfar em Baku. De quebra, assumiu a liderança do campeonatoE no circuito urbano de Baku, a força da Ferrari prevaleceu no treino classificatório, com o tetracampeão na pole pela terceira corrida seguida e Hamilton partindo de segundo. O alemão também largou melhor. Hamilton foi modesto, evitou ataque e segurou a vice-liderança.

Finlandês assumiu a liderança, abriu vantagem sobre Hamilton, mas perdeu a ponta e não conseguiu recuperar a posição

Valtteri Bottas, Mercedes F1 W11, arrives in Parc Ferme after Qualifying © Sam Bloxham / Motorsport Images Valtteri Bottas, Mercedes F1 W11, arrives in Parc Ferme after Qualifying

. Bottas ficou com o segundo lugar.

Segundo o piloto, a primeira volta foi boa, principalmente por ter conseguido a liderança usando os pneus médios, e que não entendeu a falta de ritmo ao decorrer da corrida.

Leia também:

Hamilton vence em Portugal e supera recorde de Schumacher na F1TABELA F1: Hamilton dispara na liderança e mudanças pelo quarto lugar

“Sim, a volta de abertura foi ótima. Havia um pouco de chuva leve, o que tornava tudo complicado e, obviamente, os carros atrás com o pneu macio tinham a vantagem, então eu fiquei muito satisfeito em pegar a liderança, mas para ser honesto, depois disso eu simplesmente não tive ritmo hoje, não entendo por que.”

F1: Mercedes faz mudança nos motores após problema com Bottas

  F1: Mercedes faz mudança nos motores após problema com Bottas Equipe não terá punições de grid em Portugal, mas clientes podem tomar ganchos © Steve Etherington / Motorsport Images Valtteri Bottas, Mercedes F1 W11, is returned to the garage A Mercedes mudou os controles eletrônicos das unidades de potência de seus dois carros de Fórmula 1 após uma falha na máquina de Valtteri Bottas tirar o finlandês da disputa do GP de Eifel.Bottas foi forçado a abandonar a corrida de Nurburgring há duas semanas após sofrer com uma falha de potência decorrente de um problema no motor de sua Mercedes W11 na Alemanha.

Questionado sobre a ultrapassagem de Hamilton, Bottas disse: “Claro que tentei defender, mas pelo ritmo que ele conseguiu impor não havia nada a fazer. Como eu disse, não sei por que não tive ritmo hoje. Eu estava acelerando forte, mas não conseguia ir mais rápido.”

, acreditando que eles aguentariam até o final.

“Sim, eu esperava estender o primeiro stint e ir para o macio no final, mas acho que não fez diferença para o resultado de hoje.”

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Neste fim de semana, a F1 visita Portimão, para o GP de Portugal. E uma equipe que vem se destacando na temporada 2020 é a Renault, que vem mostrando muita consistência, com Daniel Ricciardo entre os seis primeiros nas últimas quatro provas. Pode ser uma boa aposta para o fim de semana hein? Quer saber mais? Confira o ThePlayer.com e não perca nada!

PÓDIO: Hamilton deixa Schumi para trás e chega à vitória 92; o debate sobre o agitado GP de Portugal

PODCAST: O mercado da F1 para 2021 e os 30 anos do bicampeonato de Senna

Your browser does not support the audio element.

Confira declarações dos pilotos após GP de Portugal 2020 de Fórmula 1 .
Ao final do GP de Portugal, Lewis Hamilton celebrou seu recorde de vitórias, enquanto os rivais fizeram análises de seus variados desempenhos. Tudo que foi comentado, o GRANDE PRÊMIO traz aquiO GRANDE PRÊMIO traz tudo isso neste compilado, dando voz aos 20 pilotos que disputaram a primeira corrida da F1 em Portugal em 24 anos.

usr: 3
Isto é interessante!