Mundo A 'lista das listas' dos mais odiados da música

07:46  23 fevereiro  2021
07:46  23 fevereiro  2021 Fonte:   metroworldnews.com.br

14/02/2021 - Imagens do dia

  14/02/2021 - Imagens do dia Galeria de Fotos

Em “Alta Fidelidade”, o escritor britânico Nick Hornby deixou acessível até a quem não era crítico de arte o poder de hierarquizar a cultura pop, em formato dos top 10 (ou top 5, ou top 3). O resultado sempre é controverso, ainda mais numa listagem mais ampla, como a feita recentemente pela revista norte-americana “Best Life”, com as 21 bandas mais odiadas de todos os tempos.

Nickelback © Richard Beland/Divulgação Nickelback

Destinada ao público masculino, a publicação criou uma espécie de índice de rejeição. Primeiro, eles chegaram aos grupos mais “massacrados” após  vasculharem artigos de outros veículos e fóruns sobre música, usando inclusive robôs. Depois, submeteram esse top 21 dos excluídos a cinco métricas para chegar ao Hated Band Index, número que determinou a posição da banda na listagem.+

'Patria y vida': por que música recém-lançada enfureceu governo de Cuba

  'Patria y vida': por que música recém-lançada enfureceu governo de Cuba Composta por famosos artistas cubanos como Yotuel Romero, Descemer Bueno e a dupla Gente de Zona, a música se viralizou em várias redes sociais do país.A mesma canção fez com que a televisão estatal da ilha convocasse os cubanos a aplaudir e cantar o hino nacional na quinta-feira (18), com a imprensa oficial dedicando-lhe páginas inteiras de críticas e longos minutos de televisão desde quarta-feira (17).

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

Por causa desse método, nomes que jamais entrariam em uma lista do tipo ficaram entre os mais odiados. É o caso do mestre Bob Dylan, que  ganhou o sexto lugar. O mesmo para o sempre elogiado Radiohead, elencado em oitavo lugar, além do Nirvana, Metallica e Rush, que têm públicos apaixonados e acabaram mais odiados,  segundo a lista, do que o Spin Doctors e o Linkin Park.

O top 3, no entanto, não é novidade alguma: Nickelback, Limp Bizkit e Creed.

Como foi o cálculo

A “bússola” da equipe da revista “Best Life”foram as seguintes listas: top 20 das piores bandas de todos os tempos, do site “LA Weekly”, os 123 piores músicos de todos os tempos, da revista “Vice”, o top 21 das bandas super odiadas da “Ultimate Guitar”, além de duas enquetes do site Ranker: as 102 bandas mais superestimadas e ainda as 421 piores bandas de rock de todos os tempos.

Os altos e baixos do polêmico Kanye West

  Os altos e baixos do polêmico Kanye West Polêmico, imprevisível e talentoso. É preciso reconhecer que Kanye West é uma força da natureza. E que esse artista não passa despercebido! Embora seja conhecido por suas habilidades variadas e sucesso, o rapper e produtor é também lembrado por seu comportamento instável e declarações controversas, que muitos acreditam ter levado Kim Kardashian a pedir o divórcio. Após rumores, o casal tornou público que está oficialmente se separando após seis anos de casamento, citando "diferenças irreconciliáveis", de acordo com o E!News. O astro do hip hop e a estrela de reality concordaram com a guarda conjunta dos quatro filhos e nenhum deles está contestando o acordo pré-nupcial. Certamente, esse é só mais um acontecimento na intensa vida de Kanye West. Para citar alguns exemplos icônicos, o artista e empresário já se candidatou a presidente dos EUA (inclusive, ganhou 60 mil votos!), ironizou a Forbes provando seu status de bilionário, falou do seu transtorno bipolar, se envolveu em brigas com os famosos e até lançou uma igreja em seu nome. Sim, o homem não para e coleciona inúmeras conquistas e escândalos! Por isso, relembramos os altos e baixos do rapper.

Já que o método de alguns dessas listas é diferente, foram feitos ajustes. A da “Vice”, por exemplo, não era um ranking, então a banda ganhava um ponto apenas se constasse nela.

As bandas que mais amamos odiar… ou defendemos até o fim

  1. Nickelback (Canadá) – Índice de rejeição: 99.99

    Eles já se acostumaram às piadas sobre seus hits e vídeos, que chegaram a entrar nas paradas de rádios e da MTV. “Ficamos magoados porque havia pessoas realmente cruéis. Mas entendemos que a partir do momento em que nos tornássemos conhecidos, nem todo mundo ia gostar de nós”, contemporizou o baixista Mike Kroeger ao Metro, em setembro de 2019, semanas antes de se apresentar em SP. Na foto, o vocalista, Chad Kroeger.

  2. Limp Bizkit (EUA) – Índice de rejeição: 96.79

    Liderado por Fred Durst, a banda também ganhou algum destaque nos anos 2000 com sua mistura de nu metal, rap e rock. Eles fizeram uma pausa em 2006, retomaram em 2009 e seguem na ativa, porém, sem muito alarde.

    Corinthians define a lista de 20 atletas que disputarão a Copa Libertadores Feminina; confira

      Corinthians define a lista de 20 atletas que disputarão a Copa Libertadores Feminina; confira Timão inicia busca pelo tricampeonato continental a partir do dia 5 de março e já listou as 20 jogadoras que disputarão o torneio. Uma das baixas é a zagueira Érika, lesionadaTABELA

  3. Creed (EUA) – Índice de rejeição: 89.46

    O vocalista Scott Stapp era considerado uma cópia de Eddie Vedder, do Pearl Jam, já que o som da banda era enquadrado como um “post grunge”. Apesar de ter tido boa execução no mercado fonográfico, também envelheceu mal, sendo lembrada sempre como exemplo de banda ruim. Está em hiato desde 2012.

  4. U2 (Irlanda): 75.46
  5. Mumford and Sons (Inglaterra): 74.29
  6. Bob Dylan (EUA): 73.65
  7. Phish (EUA): 68.50
  8. Radiohead (Inglaterra): 66.54
  9. Kiss (EUA): 58.54
  10. Dave Matthews Band (África do Sul): 56.44
  11. Coldplay (Inglaterra): 55.65
  12. Green Day (EUA): 52.56
  13. The Doors (EUA): 50.67
  14. Metallica (EUA): 50.51
  15. Korn (EUA): 46.78
  16. Oasis (Inglaterra): 43.51
  17. Pearl Jam (EUA): 41.13
  18. Rush (Canadá): 40.59
  19. Nirvana (EUA): 26.43
  20. Spin Doctors (EUA): 17.72
  21. Linkin Park (EUA): 0.00

Conhecidos e promissores: Palmeiras divulga os primeiros nomes da lista B para o Campeonato Paulista .
A relação, que conta com jogadores das categorias de base, deve ser bastante utilizada nesta edição do PaulistãoRelembre todas as camisas do Palmeiras lançadas pela PumaNa lista A, a equipe de Abel Ferreira optou por reservas que pouco atuaram na final da Copa do Brasil, Luan, suspenso para o segundo jogo da decisão e os retornos de Victor Luis, emprestado ao Botafogo e do centroavante Papagaio, oriundo da base e que está retornando após suspensão por doping.

usr: 1
Isto é interessante!