Mundo TEDH afirma que vacinação obrigatória é "necessária em uma sociedade democrática

14:51  08 abril  2021
14:51  08 abril  2021 Fonte:   afp.com

Tribunal europeu julga que vacinação obrigatória "é necessária em países democráticos"

  Tribunal europeu julga que vacinação obrigatória O Tribunal Europeu de Direitos Humanos (TEDH) se pronunciou nesta quinta-feira (8) sobre a vacinação obrigatória, que considera "necessária em uma sociedade democrática". O anúncio foi feito depois de uma demanda apresentada por pais de crianças rejeitadas por creches na República Tcheca porque não estavam vacinadas. Sediado em Estrasburgo, na França, o tribunal europeu concluiu que a política de saúde tcheca, que obriga a vacinação das crianças contra nove doenças - incluindo difteria, tétano, hepatite B e sarampo - "não viola a convenção europeia dos direitos humanos, nem o direito ao respeito da vida privada".

O Tribunal Europeu de Direitos Humanos (TEDH) decidiu nesta quinta-feira (8) que a vacinação obrigatória "é necessária em uma sociedade democrática", em uma sentença pronunciada depois de uma demanda apresentada por pais de crianças rejeitadas por creches na República Checa porque não estavam vacinadas.

Sede do Tribunal Europeu de Direitos Humanos (TEDH), em Estrasbrugo, França © Frederick Florin Sede do Tribunal Europeu de Direitos Humanos (TEDH), em Estrasbrugo, França

O tribunal europeu concluiu que a política de saúde tcheca, que obriga a vacinação das crianças contra nove doenças, incluindo difteria, tétano, hepatite B e sarampo, "não viola a convenção europeia dos direitos humanos, nem o direito ao respeito da vida privada".

Vacinação contra covid: veja calendário atualizado em SP, Rio, DF, BH e outras 6 cidades

  Vacinação contra covid: veja calendário atualizado em SP, Rio, DF, BH e outras 6 cidades Saiba também quem pode receber a vacina hoje contra o coronavírus em Curitiba, Campinas, Porto Alegre, Salvador, Fortaleza e RecifeA campanha de vacinação no Brasil contra a covid-19 começou em 18 de janeiro. O Plano Nacional de Imunização (PNI) orienta que as vacinas sejam disponibilizadas por faixa etária com intervalos de cinco anos. No entanto, Estados e Municípios podem definir o cronograma, com agendamento ou não para que a vacina seja dada, conforme a disponibilidade de imunizações.

Estas medidas "podem ser vistas como necessárias em uma sociedade democrática", acrescenta o tribunal.

"O objetivo tem que ser que cada criança esteja protegida contra doenças graves, por meio da vacinação ou graças à imunidade coletiva", insiste a sentença.

Esta é a primeira vez que o TEDH anuncia uma sentença sobre a vacinação obrigatória contra doenças infantis.

Nicolas Hervieu, especialista do TEDH, afirmou que "a decisão sustenta a possibilidade de uma vacinação obrigatória, com condições, na atual epidemia de covid-19

Na opinião de Hervieu, o tribunal apoia um "princípio de solidariedade social que pode justificar a imposição de vacinação a todos, inclusive os que se sentem menos ameaçados pela doença, quando se trata de proteger as pessoas mais vulneráveis".

O caso foi levado ao tribunal com sede em Estrasburgo por pais tchecos que foram multados por violação da vacinação obrigatória ou que viram a admissão dos filhos rejeitada em creches pelo mesmo motivo.

A necessidade de um amplo nível de imunidade coletiva para vencer a pandemia de covid-19 provocou um debate sobre a necessidade de uma possível vacinação obrigatória.

ha-meb/bl/fp

Família imunizada é o retrato do bom desempenho da vacinação em Ibirité .
Ibirité vacinou 12.090 pessoas e apresenta desempenho de vacinação de 86,5% em relação às doses recebidas e aplicadas; média supera índice federal e estadualNa casa do senhor José André dos Reis, de 74 anos, foi assim. Ele, a esposa, Maria da Penha Costa dos Reis, de 69, e a filha, Fernanda Costa dos Reis, de 38, moradores do Bairro Bosque, em Ibirité, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), já foram vacinados.

usr: 0
Isto é interessante!