Mundo Kátia Abreu e Mourão se reúnem para falar da relação do Brasil com a China

01:11  29 abril  2021
01:11  29 abril  2021 Fonte:   poder360.com.br

11 anos da cavadinha: Loco Abreu foi eternizado na memória e pele de torcedores do Botafogo

  11 anos da cavadinha: Loco Abreu foi eternizado na memória e pele de torcedores do Botafogo Uruguaio cobrou de maneira inusitada a cobrança de pênalti que ajudou o alvinegro a romper uma sequência negativa diante do Flamengo+ Confira a classificação do Campeonato Carioca

A senadora Kátia Abreu (PDT-TO), em sessão deliberativa do Senado © Beto Barata/Agência Senado A senadora Kátia Abreu (PDT-TO), em sessão deliberativa do Senado

A presidente da Comissão de Relações Exteriores do Senado, Kátia Abreu (PP-TO), e o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, reuniram-se nesta 4ª feira (28.abr.2021) para debater a relação do Brasil com a China.

Receba a newsletter do Poder360

A senadora sugeriu que sejam criadas metas para a exportação brasileira ao país asiático e que se adiante para 2025 o compromisso de reduzir em 43% as emissões de gases do efeito estufa feitas pelo Brasil.

O encontro foi para detalhar a atuação do governo brasileiro na próxima edição da Cosban (Comissão Sino-Brasileira de Alto Nível de Concertação e Cooperação), que será realizada no 2º semestre.

“Temos a oportunidade de usar a Cosban para ampliar esses percentuais, porque a China pretende, nos próximos dez anos, ter um crescimento de 25 trilhões de dólares em suas importações”, afirmou Kátia Abreu.

"Tudo bandido", dispara Mourão sobre os 25 mortos no Jacarezinho .
Vice-presidente comparou a cidade do Rio de Janeiro com um território de guerra; segundo ele, a polícia enfrenta "narcoguerrilhas" “Entra um policial em uma operação normal, leva um tiro na cabeça de cima de uma laje. Lamentavelmente essas quadrilhas do narcotráfico, elas são verdadeiras narcoguerrilhas, que tem controle sobre determinadas áreas”, aponta Mourão.

usr: 2
Isto é interessante!