Mundo Pastor de 85 anos é investigado por crimes sexuais em Goiânia

00:01  11 junho  2021
00:01  11 junho  2021 Fonte:   catracalivre.com.br

Cármen Lúcia autoriza abertura de inquérito contra Ricardo Salles

  Cármen Lúcia autoriza abertura de inquérito contra Ricardo Salles PGR investigará se ministro do Meio Ambiente agiu em benefício de madeireiras para liberar carga ilegal apreendida na Amazônia. © Agência Brasil Salles já é investigado em outro inquérito no STF sobre exportação ilegal de madeira para EUA e Europa A ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal, autorizou nesta quarta-feira (2/06) a abertura de inquérito para investigar se o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, cometeu crimes relacionados à maior apreensão de carga de madeira ilegal da história na Amazônia, ocorrida em dezembro de 2020.

O pastor Joaquim Gonçalves Silva, de 85 anos, está sendo acusado de abuso e importunação sexual por pelo menos quatro mulheres. Os casos teriam ocorrido entre 2002 e 2021 na Igreja Tabernáculo da Fé, em Goiânia.

  Pastor de 85 anos é investigado por crimes sexuais em Goiânia © Reprodução/TV Anhanguera

Os relatos coincidem no fato de os abusos aconteceram em momentos em que as vítimas, abaladas emocionalmente, pediam conselhos ao líder religioso. Elas também relatam ameaças de “maldição”, caso o ato fosse revelado.

Uma adolescente de 17 anos relatou que, em janeiro deste ano, o pastor a beijou quando estava buscando ajuda por problemas no casamento. “Passou a mão pelos meus seios e desceu até embaixo, quando eu o interrompi”, contou a jovem em um vídeo.

Publicado decreto que cria o Sistema Nacional de Análise Balística

  Publicado decreto que cria o Sistema Nacional de Análise Balística Publicado decreto que cria o Sistema Nacional de Análise Balística (Sinab), que busca fornecer informações estratégicas para auxiliar investigações e correlacionar crimes com armas de fogo em todo o país, vai ser implantado pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP). O presidente Jair Bolsonaro assinou decreto que, além de criar o Sinab, prevê ainda o Banco Nacional de Perfis Balísticos (BNPB) e o Comitê Gestor do Sistema , vinculados também ao ministério. O Decreto nº 10.711 foi publicado nesta sexta-feira (4) no Diário Oficial da União.

Outros três casos foram registrados na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), também entre janeiro e abril.

Veja também: Pastor é investigado por importunação sexual após menina filmar encontro

Uma vítima de 37 anos contou ter sido abusada em 2015. Outra, de 40, afirma que o assédio ocorreu em 2018. Por fim, uma mulher foi assediada entre 2002 e 2006.

“Quando contei para minha família, ele mandou um aviso, pelo meu irmão, que alguém iria machucar eu, meu marido e meu filho, caso eu o denunciasse”, contou à TV Anhanguera, filiada da Globo no estado.

A Igreja Tabernáculo da Fé ainda não se manifestou sobre as acusações.

Veja também: Candidata ao BBB acusa produtor do reality de assédio sexual

Acusados de garimpo ilegal em terra Munduruku pedem ao governo mineração no entorno da TI .
Levantamento da Pública mostra que um dos réus por mineração ilegal na Terra Indígena, do sudoeste do Pará fez pedidos de lavra garimpeira também no entorno do territórioSegundo levantamento da Agência Pública, Oliveira é uma entre as muitas pessoas, empresas e cooperativas com pedidos ativos de mineração no entorno da TI Munduruku, alvo de garimpeiros ilegais e conflitos entre estes e indígenas contrários à atividade. A reportagem encontrou 599 requerimentos de mineração em 2020 nos quatro municípios na área onde está a TI. Apenas até maio de 2021, já são 400. Das requisições feitas nesses dois anos, 37 receberam autorização do governo para mineração.

usr: 20
Isto é interessante!