Mundo Paul George brilha e Clippers vencem Suns no jogo 3 da final da Conferência Oeste

16:11  25 junho  2021
16:11  25 junho  2021 Fonte:   estadao.com.br

Quin Snyder: “Jazz não jogou com inteligência contra Clippers”

  Quin Snyder: “Jazz não jogou com inteligência contra Clippers” Treinador de Utah não vê problema de esforço em equipe após duas derrotas seguidas para time angelino nas semifinais do Oeste O post Quin Snyder: “Jazz não jogou com inteligência contra Clippers” apareceu primeiro em Jumper Brasil.

O Los Angeles Clippers continua vivo na final da Conferência Oeste da NBA. A equipe da Califórnia recebeu o Phoenix Suns, na noite de quinta-feira, no ginásio Staples Center, e venceu por 106 a 92. Agora o placar da série melhor de sete está 2 a 1 para o time do Arizona.

Os Clippers buscam a terceira virada seguida em séries de playoffs desta temporada após perder os dois primeiros jogos - antes fez isso contra Dallas Mavericks, na primeira rodada, e Utah Jazz, na semifinal. Com o triunfo no terceiro jogo, a franquia da Califórnia conseguiu escapar de um possível 3 a 0 contra, placar que praticamente liquidaria o confronto, já que até hoje nenhum time reverteu tal situação.

Com viradas, Hawks vencem 76ers e ficam perto da final do Leste na NBA

  Com viradas, Hawks vencem 76ers e ficam perto da final do Leste na NBA Fora de casa, Atlanta faz 109 a 106, com ótima atuação da dupla Trae Young e John CollinsA noite desta quarta-feira foi de viradas para o Atlanta Hawks. Com uma recuperação incrível no placar, a equipe não se abateu diante dos 26 pontos de vantagem do Philadelphia 76ers, venceu por 109 a 106, fora de casa, e ainda causou uma reviravolta na série que vale vaga na final da Conferência Leste nos playoffs da NBA.

Paul George e Reggie Jackson foram os principais destaques dos Clippers. George se recuperou do trauma nos lances livres do jogo 2 e foi o cestinha com 27 pontos, além de flertar com um "triple-double" (dois dígitos em três fundamentos) ao pegar 15 rebotes e distribuir oito assistências.

Jackson segue sendo a segunda figura responsável por carregar a equipe na ausência de Kawhi Leonard, de fora com uma lesão no joelho. O armador marcou 23 pontos e distribuiu três assistências. Ivica Zubac fez a sua melhor partida na pós-temporada ao anotar um "double-double" (dois dígitos em dois fundamentos) com 15 pontos e 16 rebotes.

"Nós continuamos lutando, tentando achar caminhos para que possamos ser melhores e impor nosso jogo contra os adversários. Mostramos muito coração e muita luta", disse Jackson após a partida. "Sei que temos que ser melhores. Toda minha energia está direcionada em um jogo melhor", completou George.

Clippers consegue virada épica, elimina Jazz e chega à final do Oeste

  Clippers consegue virada épica, elimina Jazz e chega à final do Oeste Na semifinal do Leste, Sixers vence Hawks e força realização do jogo 7 O post Clippers consegue virada épica, elimina Jazz e chega à final do Oeste apareceu primeiro em Jumper Brasil.

Do outro lado, os Suns tiveram os dois astros muito abaixo do normal. O armador Chris Paul retornou ao time após ser infectado pela covid-19 e saiu com um "double-double" de 15 pontos e 12 assistências, além de três roubos de bola. Devin Booker também marcou os mesmos 15 pontos combinados a cinco rebotes e cinco assistências.

Os dois combinaram para apenas 10 acertos de 40 tentativas nos arremessos de quadra (25%). O pivô DeAndre Ayton (18 pontos, nove rebotes e dois tocos) também se destacou na partida.

A série terá agora sequência neste sábado com a realização do jogo 4, a partir das 22 horas (de Brasília), novamente em Los Angeles. O quinto duelo acontecerá na segunda-feira, em Phoenix. Caso sejam necessárias, a sexta partida será na quarta que vem, na Califórnia, e a sétima na sexta, no Arizona.

Chris Paul brilha, Suns vencem Clippers e vão à final da NBA após 28 anos .
Armador fez 41 pontos e deu oito assistências na vitória por 130 a 103, fora de casaAcostumado a ser o destaque do Los Angeles Clippers, Chris Paul foi o vilão da equipe na madrugada desta quinta-feira, na Califórnia. Em noite de grande atuação, ele comandou o Phoenix Suns na vitória por 130 a 103 e garantiu a sua equipe atual na final da NBA, o que não acontecia há 28 anos.

usr: 1
Isto é interessante!