Mundo 8 jogadores que não param quieto em clube nenhum

22:27  01 agosto  2021
22:27  01 agosto  2021 Fonte:   90min.com

'Biden tem mais chance de sucesso em Cuba do que teve Obama', diz Arturo Valenzuela

  'Biden tem mais chance de sucesso em Cuba do que teve Obama', diz Arturo Valenzuela WASHINGTON, EUA (FOLHAPRESS) - Arturo Valenzuela foi o principal nome do Departamento de Estado americano para América Latina no início do governo Barack Obama. Como secretário-assistente de Estado, encarregado do Hemisfério Ocidental, ajudou nos planos para a reaproximação entre Estados Unidos e Cuba à época, sob o mantra de que era preciso estabelecer laços diretos com o povo da ilha comunista, sem tirar a pressão do regime. Em entrevista à Folha, Valenzuela afirma que o novo contexto de efervescência social no país confere ao presidente Joe Biden mais chances de sucesso em sua abordagem sobre Havana, caso retome ou reformule medidas implementadas por Obama.

Os fãs do futebol têm um amor especial pelos jogadores que ficam muito tempo – ou até uma carreira inteira – em um mesmo clube. Porém, o que seria do esporte sem os andarilhos? O mundo da bola precisa dos atletas que rodam por várias equipes e não conseguem se prender muito tempo em um mesmo estádio. A seguir, veja 8 jogadores que não param quieto em clube nenhum.

Jonathan Calleri e outros andarilhos do futebol. | LUIS ACOSTA/Getty Images © Fornecido por 90min Jonathan Calleri e outros andarilhos do futebol. | LUIS ACOSTA/Getty Images

1. Jonathan Calleri

Da Argentina para o mundo... esse é Jonathan Calleri. | Juan Manuel Serrano Arce/Getty Images © Juan Manuel Serrano Arce/Getty Images Da Argentina para o mundo... esse é Jonathan Calleri. | Juan Manuel Serrano Arce/Getty Images

Jonathan Calleri surgiu no All Boys, da Argentina, e lá pegou impulso para rodar o mundo. Aos 27 anos, o atacante pertence ao Deportivo Maldonado, do Uruguai, mas já passou por Boca Juniors, São Paulo, West Ham, Las Palmas, Alavés, Espanyol e Osasuna – os últimos seis de 2016 para cá. O hermano conhece muitas praças do esporte.

Adotado em Portugal e França, semipresidencialismo é solução para o Brasil?

  Adotado em Portugal e França, semipresidencialismo é solução para o Brasil? Defendido por presidente da Câmara como remédio pra instabilidade política, proposta divide especialistas no tema.Nas últimas semanas, ganhou fôlego em Brasília o debate para substituir o presidencialismo, em que o país é governado por um presidente eleito pela população, pelo semipresidencialismo, em que o presidente eleito diretamente divide o governo com o primeiro-ministro, escolhido por ele em acordo com o Congresso.

2. Alphonse Areola

Areola rodou por muitos clubes nos últimos anos. | Robbie Jay Barratt - AMA/Getty Images © Robbie Jay Barratt - AMA/Getty Images Areola rodou por muitos clubes nos últimos anos. | Robbie Jay Barratt - AMA/Getty Images

Formado no Paris Saint-Germain, Alphonse Areola perdeu força no Parque dos Príncipes nas últimas temporadas e acabou vestindo três camisas diferentes de 2019 para cá. O goleiro passou por Real Madrid, Fulham e West Ham. Além dessas equipes, o arqueiro também coleciona passagens por Lens, Bastia e Villarreal.

3. Yony González

Yony González já rodou por clubes do Brasil e do exterior. | MIGUEL ROJO/Getty Images © MIGUEL ROJO/Getty Images Yony González já rodou por clubes do Brasil e do exterior. | MIGUEL ROJO/Getty Images

Yony González não conseguiu se firmar em nenhuma equipe nos últimos anos. Após surgir no Envigado, da Colômbia, o atacante fez história no Junior Barranquilla e depois passou a pular de uma equipe para outra, tendo defendido o Fluminense, o Benfica, o Corinthians, o Los Angeles Galaxy e o Ceará (time atual) de 2019 até hoje.

Fórum dos Leitores

  Fórum dos Leitores Cartas de leitores selecionadas pelo jornal O Estado de S. Paulo.Terceira via

4. Rafael Alcântara

Rafa Alcântara é cotado no Flamengo. | Xavier Laine/Getty Images © Xavier Laine/Getty Images Rafa Alcântara é cotado no Flamengo. | Xavier Laine/Getty Images

Rafael Alcântara também vem acumulando experiências com camisas diferentes no mundo da bola. Cria do Barcelona, o meio-campista ficou muito tempo no Camp Nou, mas depois não conseguiu parar em canto nenhum. De 2018 para cá, o brasileiro passou pelo Celta de Vigo, pela Inter de Milão e pelo PSG (time atual), onde chegou no ano passado. Hoje, menos de um ano após chegar à França, ele é cotado no Flamengo e pode mudar de time mais uma vez.

5. Alex Muralha

Alex Muralha foi até para a Ásia. | Masashi Hara/Getty Images © Masashi Hara/Getty Images Alex Muralha foi até para a Ásia. | Masashi Hara/Getty Images

O goleiro Alex Muralha defendeu vários escudos ao longo de sua carreira. Aos 31 anos, o arqueiro coleciona passagens por mais de inúmeros times, incluindo Comercial-SP, Votoraty-SP, Oeste, Mirassol, Figueirense, Flamengo, Coritiba e times do Japão. Uma trajetória de muitas experiências e aventuras.

Fórum dos Leitores

  Fórum dos Leitores Cartas de leitores selecionadas pelo jornal O Estado de S. Paulo.Choro e ranger de dentes

6. Camilo

Lembra dele? Camilo segue rodando pelo Brasil. | Buda Mendes/Getty Images © Buda Mendes/Getty Images Lembra dele? Camilo segue rodando pelo Brasil. | Buda Mendes/Getty Images

Camilo também teve a oportunidade de conhecer vários lugares do mundo com uma bola nos pés. Ao longo de sua carreira, o meio-campista de 35 anos já defendeu mais de quinze clubes, como Cruzeiro, Ceará, Botafogo, Internacional, Chapecoense, América-MG, Avaí, Ponte Preta (equipe atual) e outras de dentro e fora do Brasil.

7. Achraf Hakimi

Achraf Hakimi não fica muito tempo em nenhum clube. | Quality Sport Images/Getty Images © Quality Sport Images/Getty Images Achraf Hakimi não fica muito tempo em nenhum clube. | Quality Sport Images/Getty Images

Embora tenha apenas 22 anos, Achraf Hakimi já conta com uma boa bagagem no futebol. Revelado pelo Real Madrid, o lateral-esquerdo defendeu três times de 2018 para cá: Borussia Dortmund, Inter de Milão e Paris Saint-Germain – equipe atual. Será que ele vai se estabelecer no Parque dos Príncipes?

8. Diego Souza

Diego Souza passou por mais de 10 times apenas no Brasil. | Pool/Getty Images © Pool/Getty Images Diego Souza passou por mais de 10 times apenas no Brasil. | Pool/Getty Images

Diego Souza é um dos andarilhos mais conhecidos do Brasil. Aos 36 anos, o medalhão atuou em mais de dez equipes somente no Brasil – Fluminense, Flamengo, Vasco, Atlético-MG, Cruzeiro e Grêmio, por exemplo. Sem falar no Benfica, de Portugal, no Al-Ittihad, da Arábia Saudita, e no Metalist, da Rússia.

Cônsul quer que Bom Retiro, em SP, vire novo 'Korea Town' .
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O sonho de transformar o multicultural Bom Retiro (região central de São Paulo) em "Korea Town" não sai da cabeça dos sul-coreanos. O plano virou agora um projeto pelas mãos do novo cônsul-geral na cidade, Insang Hwang, que chegou ao Brasil recentemente. Ele pretende, com apoio das autoridades locais, pintar murais, instalar luminárias típicas, aumentar a sensação de segurança nas ruas e acrescentar Coreia ao nome da estação Tiradentes do metrô. Não menos relevante é o interesse em uma área um pouco mais afastada das lojas de roupas. A tentativa de transformar o Bom Retiro em bairro coreano não é nova.

usr: 1
Isto é interessante!