Mundo Vaca louca: por que novos casos no Brasil são menos graves que epidemia letal dos anos 1990

22:46  06 setembro  2021
22:46  06 setembro  2021 Fonte:   bbc.com

‘Já acabou, Jéssica?’: jovem abandonou estudo e caiu em depressão após virar meme

  ‘Já acabou, Jéssica?’: jovem abandonou estudo e caiu em depressão após virar meme Lara da Silva, hoje com 18 anos, ficou famosa nas redes depois que vídeo de briga dela viralizou. Jovem conta ter sofrido com repercussão do caso e hoje move ações na Justiça contra empresas como Google, Facebook e emissoras de televisão.A garota de 12 anos não imaginava, mas aquilo não acabaria naquele dia e a acompanharia ao longo dos anos seguintes. Até hoje, a situação está presente na vida de Lara, por meio dos inúmeros comentários que ela recebe ou até mesmo em marcas no corpo da jovem.

A notícia de que o Brasil suspendeu por tempo indeterminado as exportações de carne bovina para a China no fim de semana devido a identificação de dois casos de vaca louca provocou preocupações em alguns consumidores e gerou incertezas sobre o preço do produto.

A doença da vaca louca provocou uma epidemia que matou animais e pessoas nos anos 1990 © Getty Images A doença da vaca louca provocou uma epidemia que matou animais e pessoas nos anos 1990

O ministério da Agricultura rapidamente emitiu uma nota dizendo que os casos identificados em frigoríficos de Belo Horizonte e Nova Canaã do Norte (MT) não representam risco para saúde humana ou animal.

"A medida, que passa a valer a partir deste sábado (04/09), se dará até que as autoridades chinesas concluam a avaliação das informações já repassadas sobre os casos."

Governo confirma 2 casos atípicos de vaca louca e suspende exportações para a China

  Governo confirma 2 casos atípicos de vaca louca e suspende exportações para a China SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Ministério da Agricultura confirmou dois casos atípicos da doença conhecida como vaca louca em frigoríficos de Nova Canaã do Norte (MT) e Belo Horizonte (MG). Com isso, as exportações de carne bovina para a China ficam suspensas temporariamente. Os registros representam o quarto e o quinto caso de EBB (Encefalopatia Espongiforme Bovina, nome técnico do mal) atípicos em mais de 23 anos de vigilância sanitária para a doença, de acordo com a Secretaria de Defesa Agropecuária da pasta em nota divulgada neste sábado (4). O Brasil nunca registrou a ocorrência de EBB clássica.

O frigorífico de Belo Horizonte foi interditado, segundo o Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA).

Segundo a nota, casos atípicos como esse não são considerados graves e o Brasil continua sendo um país de "risco insignificante para a doença, não justificando qualquer impacto no comércio de animais e seus produtos e subprodutos"

  • Como devastação e aquecimento podem fazer Brasil deixar de ser potência agrícola global
  • A espécie de árvore que pode compensar emissões da indústria da carne no Brasil
  • A solução suíça para irrigar terras semiáridas que desafia a gravidade

A suspensão das exportações para a China se deu por conta do estrito protocolo sanitário em vigor entre os dois países — e o governo brasileiro espera que nos próximos dias a exportação já possa ser normalizada.

Governo confirma dois casos atípicos de vaca louca

  Governo confirma dois casos atípicos de vaca louca Exportações de carne bovina para China foram suspensas temporariamente. Casos ocorreram em frigoríficos de Minas Gerais e Mato Grosso. © Mario Tama/Getty Images De acordo com o Ministério da Agricultura, o Brasil nunca registrou um caso de vaca louca clássica O Ministério da Agricultura confirmou neste sábado (04/09) dois casos atípicos de encefalopatia espongiforme bovina (EEB), doença conhecida como o "mal da vaca louca". Desta forma, todas as exportações de carne bovina para a China foram interrompidas temporariamente, conforme prevê acordo sanitário entre os dois países.

Para muitas pessoas, a doença da vaca louca traz memórias assustadoras dos anos 1980 e 1990, quando um surto no Reino Unido levou ao abatimento de quatro milhões de cabeças de gado e a dezenas de mortes de pessoas que haviam ingerido carne contaminada — com boicotes e prejuízos bilionários aos produtores britânicos.

Então como esses casos no Brasil são diferentes do que aconteceu no Reino Unido? Isso acontece porque a variante da doença identificada no Brasil é considerada menos perigosa do que aquela que se alastrou há 30 anos. Ainda assim, a variante é monitorada de perto pela indústria e por autoridades sanitárias.

Confira algumas perguntas e respostas sobre os novos casos no Brasil.

O que é a doença da vaca louca?

A encefalopatia espongiforme bovina (EEB) — nome oficial do mal — é uma doença degenerativa que atinge o sistema nervoso do gado. É conhecida popularmente como doença da vaca louca porque os sintomas incluem agressividade e falta de coordenação. A doença também é conhecida como BSE, por causa do seu nome em inglês (bovine spongiform encephalopathy). Ela é causada por um tipo de proteína chamada príon e normalmente é fatal para os animais.

Frigoríficos brasileiros esperam retomar exportações para a China em breve

  Frigoríficos brasileiros esperam retomar exportações para a China em breve No último caso de vaca louca, em 2019, exportações ficaram suspensas por 10 diasA expectativa da rápida normalização dos negócios com a China consta em comunicados publicados nesta 2ª feira (6.set.2021) por Marfrig e Minerva, 2 dos grandes frigoríficos brasileiros. A JBS preferiu não comentar o assunto.

A versão humana da doença mais comum hoje em dia é conhecida como Nova Variante da Doença de Creutzfeldt-Jakob (vCJD) e também é letal. Ela está ligada ao consumo de carne contaminada. A doença ataca o cérebro progressivamente, mas pode ficar dormente por décadas.

Os sintomas mais comuns são perda de memória, dificuldade locomotora e visual, cansaço e rápida perda de peso.

Desde 1995, quando foi identificada, a vJCD já matou 178 pessoas.

Doença possui duas variantes conhecidas, mas apenas uma delas provoca surtos como dos anos 1990 © Getty Images Doença possui duas variantes conhecidas, mas apenas uma delas provoca surtos como dos anos 1990

Acredita-se que uma em cada 2 mil pessoas no Reino Unido seja portadora da doença. No entanto, relativamente poucas pessoas que se contaminam desenvolvem os sintomas.

Por que o caso no Brasil seria menos grave?

Isso acontece porque a variante da doença identificada no Brasil não representa um risco à saúde pública, segundo autoridades sanitárias.

A doença da vaca louca pode se manifestar de duas formas — a variante clássica e a atípica.

A clássica ocorre em bovinos após a ingestão de ração contaminada com príons, enquanto a atípica pode aparecer espontaneamente em todas as populações de gado. Acredita-se que isso poderia ter acontecido agora em Belo Horizonte e Nova Canaã do Norte (MT) — como também aconteceu em junho de 2019 em outra cidade no Mato Grosso.

Frigoríficos de MG param de comprar gado depois de caso de vaca louca

  Frigoríficos de MG param de comprar gado depois de caso de vaca louca Exportação de carne brasileira à China foi interrompida assim que identificados casos da doençaNo último sábado (4.set.2021,), o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento suspendeu a exportação de carnes à China. A decisão foi tomada depois da confirmação de 2 casos atípicos de EBB (Encefalopatia Espongiforme Bovina) —conhecida como o “mal da vaca louca”. Um dos casos foi confirmado em Belo Horizonte (MG) e outro em Nova Canaã do Norte (MT).

A forma clássica da doença é a mais preocupante e foi detectada pela primeira vez em 1986. No Brasil, ela nunca foi detectada. Foi essa variante que causou o pânico e as mortes dos anos 1990. Ela se espalha rapidamente entre os animais através da ingestão de ração contaminada com príons.

Não existe cura para a doença de Creutzfeldt-Jakob — que é fatal — e o único tratamento é ajudar o paciente a conviver com os distúrbios provocados. Por isso, a principal medida de prevenção da doença é usar protocolos sanitários rígidos que impeçam o consumo de qualquer carne contaminada.

Nas últimas décadas, segundo a Organização Internacional para Saúde dos Animais, a implementação de medidas de controle resultou no declínio da variante clássica em todo o mundo.

O que se sabe sobre essa versão atípica da doença?

A versão atípica — identificada no Brasil agora — é considerada de ocorrência "natural e esporádica", ou seja, ela provavelmente sempre está presente em grandes populações de gado, mas em uma proporção muito baixa e só costuma ser identificada quando são adotados procedimentos de vigilância intensiva. A variante só foi identificada nos anos 2000 quando foram aprimorados os procedimentos de investigação de príons.

No Brasil, os dois casos anunciados neste final de semana são o quarto e quinto casos já registrados no país.

'20 anos após 11/9, é provável que EUA e Talebã se aliem no combate ao terror', diz ex-analista do FBI

  '20 anos após 11/9, é provável que EUA e Talebã se aliem no combate ao terror', diz ex-analista do FBI Especialista em contraterrorismo dos EUA afirma que cenário inimaginável em 2001 de aliança entre grupo extremista e americanos se tornou necessária em nome da segurança doméstica do Ocidente.Em 2021, depois da retirada caótica das tropas americanas do país e da ascensão meteórica do mesmo Talebã de volta ao poder no país do sul asiático, a história parece prestes a produzir mais uma reviravolta: EUA e Talebã se tornariam aliados no combate a grupos extremistas como a Al Qaeda e o Estado Islâmico.

Além disso, a versão atípica costuma afetar apenas bovinos mais velhos — exatamente o que aconteceu em Belo Horizonte e Nova Canaã do Norte, segundo o ministério da Agricultura do Brasil.

O número de casos de EEB atípica é insignificante no mundo, informa a Organização Internacional para Saúde dos Animais. Todo ano, há relato de variantes atípicas registradas em rebanhos de países produtores de gado. A medida mais comum depois da detecção é que o gado é morto e incinerado e testes são realizados para se verificar que não houve nenhuma contaminação na cadeia alimentar.

Embora não haja provas de que a vaca louca atípica seja transmissível, essa hipótese também não foi descartada. Por isso, como medida de precaução, autoridades de saúde fazem de tudo para impedir que essa variante seja introduzida na cadeia alimentar animal.

Por que o Brasil suspendeu a exportação?

O Brasil suspendeu no sábado (04/09) a exportação de carne para a China, atendendo a um protocolo sanitário entre os dois países.

"Os dois casos de EEB atípica — um em cada estabelecimento — foram detectados durante a inspeção ante-mortem. Trata-se de vacas de descarte que apresentavam idade avançada e estavam em decúbito nos currais", afirma nota do ministério.

O Brasil hoje possui "nível de risco insignificante" para casos de vaca louca. Mas existe a preocupação de que o país possa ser rebaixado para o status de "nível de risco controlado" — o que poderia acarretar em uma suspensão prolongada das exportações do Brasil para a China.

A Irlanda, um fornecedor de menor peso de carne bovina para a China, registrou um caso da doença 'atípica' da vaca louca em maio do ano passado e teve seu status rebaixado pela Organização Internacional para Saúde dos Animais. O país ainda não conseguiu retomar as exportações, segundo a agência de notícias Reuters.

De imagens sensuais a sexo explícito: brasileiros contam como ganham dinheiro no OnlyFans

  De imagens sensuais a sexo explícito: brasileiros contam como ganham dinheiro no OnlyFans Plataforma de conteúdo que ficou mais conhecida por seu material erótico virou salvação financeira de muita gente na pandemia, quando explodiu em popularidade. Pagamentos em dólar e comodidade atraem 'novatos', mas há riscos, alertam especialistas.Cezar criou um perfil no OnlyFans, no qual pessoas vendem conteúdos de diversos temas, mas que se popularizou uma plataforma de material erótico. Em três meses, ele diz que conseguiu ganhar o suficiente para comprar o carro. "O dinheiro veio mais rápido do que eu imaginei." Mas ele preferiu adiar seu plano e investir o valor em aplicações financeiras.

A suspensão das exportações para a China se dá por conta do estrito protocolo sanitário em vigor entre os dois países.

Uma suspensão de longo prazo prejudicaria economicamente o Brasil e causaria um desequilíbrio nos preços do mercado — dado o tamanho do comércio bilateral Brasil-China.

O Brasil é líder de exportações de carne bovina para a China. O país embarcou mais de 500 mil toneladas de carne bovina para os chineses de janeiro a julho deste ano, ou 38% das importações totais da China. O Brasil está bem à frente do segundo colocado, a Argentina, que forneceu pouco menos de 300 mil toneladas.

Analistas acreditam que se o problema for resolvido em breve, a suspensão desta semana deve provocar poucas oscilações no preço da carne.

O que aconteceu na epidemia de vaca louca dos anos 1980 e 1990?

A epidemia de doença da vaca louca começou no Reino Unido nos anos 1980. Isso levou à proibição do uso de miúdos bovinos para consumo humano em 1989. Muitas pessoas temiam ser contaminadas ao consumir, principalmente, produtos com carne processada.

No ano seguinte, o ministro da agricultura, John Gummer, disse que a carne de vaca era "completamente" segura. Para "provar", ele convocou a imprensa para uma entrevista coletiva na qual comeu um hambúrguer. No mesmo evento, ele tentou convencer sua filha de 4 anos de idade a comer também — ela não quis. Isso foi antes de a ciência confirmar o risco da doença para humanos.

A epidemia atingiu um pico entre 1992 e 1993, quando foram confirmados quase 100 mil casos. No total, estima-se que 180 mil cabeças de gado tenham sido afetadas.

John Gummer tentou fazer sua filha Cordelia comer um hamburguer em 1990 para mostrar que a carne era segura © PA John Gummer tentou fazer sua filha Cordelia comer um hamburguer em 1990 para mostrar que a carne era segura

O surto aconteceu porque os animais costumavam ser alimentados com ração feita com restos de carne, miúdos e medula óssea, que muitas vezes estavam contaminados com os príons.

Para tentar conter a doença, mais de 4,4 milhões de animais foram sacrificados. Hoje, cérebro e medula espinhal são descartados e não voltam para a cadeia de alimentação.

Também há um processo de monitoramento mais rigoroso. Depois que a ligação entre a EEB e a vCJD foi descoberta, o Reino Unido introduziu controles mais rígidos para proteger a população. Passou a ser ilegal vender determinados cortes de carne, incluindo a venda de carne com osso - isso foi introduzido em 1997 e removido um ano depois.

Outra medida foi importar plasma para tratar pessoas nascidas após janeiro de 1996 em caso de exposição à doença. Muitos países pararam de importar carne do Reino Unido - a China só acabou com sua restrição em 2018.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

https://www.youtube.com/watch?v=bGFbBPbZafQ

https://www.youtube.com/watch?v=D0G0iRar_MY

https://www.youtube.com/watch?v=opXoMaxLyz8

As novas batalhas em Canudos 125 anos depois do massacre incitado por fake news .
À espera da inclusão digital, população sertaneja conta como tenta se defender de outras violências como exclusão e desinformaçãoO  pôr do sol que brilha no alto dos “belos montes” da cidade de 16,7 mil habitantes inspirou o nome do arraial do líder religioso Antônio Conselheiro. O verde caatingueiro funde-se na vista que é formada na paisagem do açude de Cocorobó, que abastece o perímetro irrigado. Mas aquela água também ajuda a esconder cenários de um massacre.

usr: 3
Isto é interessante!