Mundo Suspeito de ataques na Noruega é dinamarquês convertido ao islamismo radical

15:11  14 outubro  2021
15:11  14 outubro  2021 Fonte:   brasil.rfi.fr

Maiara e Maraísa curtem passeio radical de helicóptero por Nova Iorque

  Maiara e Maraísa curtem passeio radical de helicóptero por Nova Iorque Maiara e Maraísa usaram as redes sociais para compartilhar com os fãs um passeio radical que realizaram em Nova Iorque, nos Estados Unidos. As irmãs voaram de helicóptero pela cidade The post Maiara e Maraísa curtem passeio radical de helicóptero por Nova Iorque appeared first on Instafamosos.

O homem detido pela polícia norueguesa e suspeito de ter cometido os ataques usando um arco e uma flecha, que deixaram cinco mortos e dois feridos na cidade de Kongsberg, no sul da Noruega, nesta quarta-feira (13), é um dinamarquês de 37 anos, informou a polícia nesta quinta-feira (14). Ele teria se reconvertido recentemente ao islamismo radical.

  Suspeito de ataques na Noruega é dinamarquês convertido ao islamismo radical © via REUTERS - NTB

De acordo o chefe da polícia dinamarquesa, Ole Bredrup Saeverud, o suspeito se converteu ao Islã e teria se radicalizado nos últimos anos.

O homem era monitorado pela polícia, disse Bredrup durante uma entrevista coletiva em Kongsberg.   "Estamos investigando para confirmar se se trata de um atentado terrorista", disse Saeverud. "Temos quase certeza de que ele agiu sozinho". O homem detido após 35 minutos de fuga atirou flechas contra os policiais antes de ser preso. Ele foi interrogado durante a noite e se apresentará à polícia nesta quinta ou sexta-feira (15), que deverá decretar sua prisão provisória.

Holanda goleia Gibraltar e segue na ponta do Grupo G das Eliminatórias Europeias; Noruega também vence

  Holanda goleia Gibraltar e segue na ponta do Grupo G das Eliminatórias Europeias; Noruega também vence Laranja Mecânica não toma conhecimento dos gibraltinos e vence por 6 a 0 para continuar na liderança da chave. Sem Haaland, Noruega vence a seleção de Montenegro em casaMASSACRE

De acordo com o advogado do suspeito, Fredrik Neumann, ele vai cooperar com a polícia. "Ele explicou em detalhes o que aconteceu e está cooperando", declarou à imprensa. As vítimas são quatro mulheres e um homem. Os dois feridos não estão em estado grave.

O trajeto realizado pelo homem armado de arco e flecha em um bairro movimentado com casas, lojas e um campus universitário durou apenas 20 minutos, até ser preso pela polícia, relatou o correspondente regional da RFI Frédéric Faux. Os residentes de Kongsberg tiveram que ficar em casa.

Esquadrão anti-bombas

A polícia enviou o esquadrão antibombas, além de helicópteros. Após os incidentes, a administração central da polícia anunciou que havia instruído todos os policiais do país a se munirem de armas de fogo.

Homem mata várias pessoas na Noruega em ataque com arco e flecha, diz polícia

  Homem mata várias pessoas na Noruega em ataque com arco e flecha, diz polícia Homem mata várias pessoas na Noruega em ataque com arco e flecha, diz polícia"O homem foi preso... pelas informações que temos agora, essa pessoa executou essas ações sozinha", disse o chefe de polícia, Oeyvind Aas, em entrevista a repórteres.

Tradicionalmente, os oficiais na Noruega não trabalham armados, mas têm acesso a pistolas e rifles quando necessário.De acordo com o canal de televisão TV2, além do arco e flecha, o homem carregava outras armas . Os serviços internos de inteligência (PST) foram alertados.

O ataque aconteceu no último dia do mandato da primeiro-ministro conservadora Erna Solberg, que entrega o cargo nesta quinta-feira ao novo governo de centro-esqurerda dirigido por Jonas Gahr Store, que venceu as legislativas em 13 de setembro.

Ele lamentou a tragédia, assim como o rei Harald V. "Estamos horrorizados pelos eventos trágicos em Kongsberg", escreveu em uma carta. Em um tuíte, o secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, declarou estar "chocado e triste." O saldo desses ataques é o pior registrado no país desde os atentados cometidos há dez anos por um extremista de direita, o ativista islamofóbico Anders Behring Breivik, em Oslo e na ilha de Utoya, que deixou 77 mortos.

(Com informações da AFP)

Ataque com arco e flecha deixa cinco mortos e dois feridos na Noruega .
As motivações do ocorrido ainda estão sendo investigadas pela polícia; O suspeito começou as agressões em um supermercado na cidade de KongsbergO homem está preso e suas motivações ainda estão sob investigação. Em coletiva, o chefe de polícia, Øyvind Aas, afirmou que o suspeito agiu sozinho e que os oficiais estão apurando se houve uso de armas de fogo.

usr: 1
Isto é interessante!