Mundo Rússia registra recordes de mortes e casos de covid em 24 horas

13:21  28 outubro  2021
13:21  28 outubro  2021 Fonte:   afp.com

Rússia corta vínculos com Otan após acusação de espionagem

  Rússia corta vínculos com Otan após acusação de espionagem A Rússia anunciou nesta segunda-feira (18) a suspensão de sua missão na Otan e a da Aliança Atlântica em Moscou, após a retirada, em 6 de outubro, do credenciamento de oito representantes russos na organização, acusados de espionagem. Essa decisão ilustra ainda mais as fortes tensões entre Rússia e os países ocidentais há vários anos, entre sanções, expulsões trocadas de diplomatas, acusações de interferência eleitoral, espionagem e ciberataques atribuídos a Moscou.

A Rússia registrou nesta quinta-feira (28) novos recordes de mortes e contágios vinculados à covid-19 em um dia, no momento em que o país enfrenta uma violenta onda da pandemia, o que obrigou a capital Moscou a fechar os serviços não essenciais.

Funcionário limpa estação de trem de Moscou © Kirill KUDRYAVTSEV Funcionário limpa estação de trem de Moscou

De acordo com os números divulgados pelo governo, 1.159 pessoas morreram e 40.096 foram infectadas com o coronavírus nas últimas 24 horas.

Nesta quinta-feira entraram em vigor em Moscou uma série de restrições sanitárias para conter o surto de covid-19, que acelerou na Rússia devido a uma reduzida taxa de vacinação.

Rússia bate novo recorde de mortes diárias por Covid-19

  Rússia bate novo recorde de mortes diárias por Covid-19 País europeu registrou 1.015 óbitos nas últimas 24 horas , segundo informações das autoridades de saúde do país nesta terça-feira (19). De acordo com dados oficiais, a Rússia registrou 33.740 novos casos do coronavírus Sars-CoV-2. Desde o início da pandemia, pouco mais de oito milhões de pessoas foram contaminadas pela doença no país e o número total de mortos subiu para 225.325. Com o aumento diário da quantidade de óbitos, a Rússia ultrapassou a marca de 1000 mortes pela primeira vez no último final de semana.

Restaurantes, salões de beleza, lojas de roupa ou móveis, academias, escolas de dança e outros serviços considerados "não essenciais" permanecerão fechados até 7 de novembro.

De acordo com o prefeito de Moscou - cidade mais afetada pela pandemia na Rússia -,  Serguei Sobianin, estão autorizados apenas o funcionamento de locais de venda de medicamentos, alimentos e artigos de primeira necessidade.

Há várias semanas, a Rússia não para de bater recordes de mortes e infecções por covid-19 em 24 horas, uma crise relacionada com reduzida taxa de vacinação.

O número total de mortes supera 235.000, de acordo com os dados do governo, o que faz da Rússia o país mais afetado pela doença na Europa.

A agência nacional de estatísticas, que tem uma definição mais ampla das mortes por covid-19, anunciou no fim de agosto um balanço de mais 400.000 mortes por coronavírus.

Letônia instaura lockdown após bater recorde mundial de infecções de Covid-19

  Letônia instaura lockdown após bater recorde mundial de infecções de Covid-19 A Letônia decretou um novo lockdown nesta quinta-feira (21). Comércios e serviços não essenciais, cinemas, teatros e salões de cabeleireiros ficarão fechados durante cerca de um mês. Segundo dados de 20 de outubro, o país registrou 1.406 contaminações para cada 100 mil habitantes nos últimos 14 dias - uma das maiores taxas de incidência de Covid-19 do mundo. Apenas a metade da população da Letônia está totalmente vacinada - uma das menores taxasApenas a metade da população da Letônia está totalmente vacinada - uma das menores taxas da União Europeia, atrás apenas da Bulgária, Romênia e Croácia.

A campanha de vacinação continua em ritmo lento devido à desconfiança dos russos. Apenas um terço deles estão totalmente imunizados, de acordo com o site especializado Gogov, apesar de o país ter desenvolvido quatro vacinas.

gkg/pz/mar/zm/mar/fp

Médias móveis de mortes e casos de covid seguem estáveis pelo 4º dia .
Ministério da Saúde confirma 394 mortes e 11. 965 diagnósticos em 24 horasSegundo o órgão, foram registrados 11.965 casos em 24 horas. Desde o início da pandemia, 21.793.401 pessoas foram contaminadas.

usr: 2
Isto é interessante!