Mundo Carvão metalúrgico cai para mínima de 2 meses com intervenção da China

15:06  28 outubro  2021
15:06  28 outubro  2021 Fonte:   reuters.com

Futuros do carvão e coque sobem na China para recordes com preocupação de oferta

  Futuros do carvão e coque sobem na China para recordes com preocupação de oferta Futuros do carvão e coque sobem na China para recordes com preocupação de ofertaPEQUIM (Reuters) - Os contratos futuros de carvão metalúrgico e de coque negociados na China saltaram cerca de 9% nesta segunda-feira, para máximas recordes, com a oferta permanecendo apertada, embora Pequim tenha intensificado os esforços para aumentar a produção.

PEQUIM (Reuters) - Os contratos futuros do carvão metalúrgico chinês atingiram seu limite mínimo de negociação na abertura das negociações nesta quinta-feira pela segunda sessão consecutiva e chegaram a uma mínima de quase dois meses, enquanto Pequim reforça medidas para aliviar os crescentes preços do carvão.

Homem passa em frente à usina de carvão em Xangai, China © Reuters Homem passa em frente à usina de carvão em Xangai, China

O principal planejador econômico do país realizou uma série de reuniões com produtores e associações mais importantes do setor na quarta-feira para discutir medidas como o estabelecimento de níveis de preços e formas de identificar melhor as empresas envolvidas em "especulação".

China avalia intervenção no mercado de carvão após aumento de preços

  China avalia intervenção no mercado de carvão após aumento de preços O governo chinês está considerando intervir para frear o aumento do preço do carvão, que ameaça a segurança e o crescimento econômico do país, informou a Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma (CNDR). "O atual aumento de preços se desviou completamente dos fundamentos de oferta e demanda", afirmou a CNDR após uma reunião com líderes industriais. Os preços "subiram rapidamente e alcançaram altas históricas, aumentando os custos de produção e afetando negativamente o abastecimento de energia elétrica e calefação", completou a CNDR, que se comprometeu a levar os preços a "um nível razoável".

"A intervenção política nos preços do carvão está se intensificando e as bolsas endureceram as regras de negociação para produtos relevantes. O mercado está em pânico", escreveram analistas da SinoSteel Futures em nota.

Enquanto isso, as ofertas de carvão metalúrgico permaneceram estreitas, já que as importações de países como a Mongólia foram atingidas pela situação de pandemia, de acordo com analistas da Huatai Futures.

Os futuros do carvão metalúrgico mais negociados na Bolsa de Commodities de Dalian, para entrega em janeiro, despencaram 12% para 2.503 iuanes (391,24 dólares) por tonelada, atingindo seu nível mais baixo desde 1º de setembro. Os contratos em aberto caíram 82,5% desde 18 de agosto.

Os futuros do coque também caíram 12% para atingir o limite.

Os contratos futuros do minério de ferro de referência caíram 2,4%, para 684 iuanes por tonelada. Eles chegaram a despencar até 8,7%, para 639 iuanes por tonelada antes.

O minério de ferro spot 62% subiu 1 dólar, para 122,5 dólares por tonelada, na quarta-feira, de acordo com a consultoria SteelHome.

O vergalhão de aço usado para construção na Bolsa de Futuros de Xangai caiu 1,3%, para 4.712 iuanes por tonelada.

O aço laminado a quente caiu 1,7%, para 5.063 iuanes por tonelada.

(Reportagem de Min Zhang em Pequim e Tom Daly)

Mesmo sem Brasil, China e EUA, pacto para acabar com produção de carvão é importante para o clima .
Professora do departamento de Ecologia da Universidade de Brasília destaca que acordo inclui boa parte dos países que consomem esse combustível, considerado um vilão no aquecimento globalQuer se manter informado, ter acesso a mais de 60 colunistas e reportagens exclusivas?Assine o Estadão aqui!

usr: 1
Isto é interessante!