Mundo Justiça da Colômbia endossa extradição para os EUA de chefe do narcotráfico

04:46  07 abril  2022
04:46  07 abril  2022 Fonte:   afp.com

Suprema Corte de Honduras decide sobre extradição do ex-presidente Hernández para os EUA

  Suprema Corte de Honduras decide sobre extradição do ex-presidente Hernández para os EUA A Suprema Corte de Justiça (SCJ) de Honduras decide nesta segunda-feira (28) se autorizará que o ex-presidente Juan Orlando Hernández seja extraditado para os Estados Unidos, onde está sendo processado por tráfico de drogas. Os 15 magistrados da SCJ se reúnem pessoalmente nesta segunda-feira, segundo seu presidente, Rolando Argueta, para resolver um recurso apresentado pelos advogados de Hernández contra a decisão de um juiz que autorizou a extradição em meados de março.Em 14 de fevereiro, os Estados Unidos solicitaram a extradição de JOH - suas iniciais, como é conhecido -, por conspirar para exportar cerca de 500 toneladas de cocaína para seu território desde 2004.

A Justiça da Colômbia endossou a extradição para os Estados Unidos do narcotraficante "Otoniel", detido em uma prisão de Bogotá, após a decisão desta quarta-feira de um tribunal superior.

(2021) O narcotraficante colombiano Dairo Antonio Úsuga, após a sua captura em Bogotá © - (2021) O narcotraficante colombiano Dairo Antonio Úsuga, após a sua captura em Bogotá

"A Suprema Corte de Justiça emite um conceito favorável à extradição do cabeça do 'Clã do Golfo' Dairo Úsuga, ou 'Otoniel', para os Estados Unidos por crimes de tráfico de drogas", anunciaram os juízes no Twitter.

A entrega daquele que é considerado o maior chefe da máfia deste século depende agora da aprovação do governo de Iván Duque, que já antecipou sua intenção de extraditar Otoniel.

Honduras extradita traficante para os EUA

  Honduras extradita traficante para os EUA Honduras extraditou nesta terça-feira (29) um traficante de drogas solicitado pelos Estados Unidos, enquanto a extradição do ex-presidente Juan Orlando Hernández (2014-2022) também está sendo processada pelo mesmo crime, informaram fontes judiciais. "Oscar Fernando Santos Tobar estava pronto desde outubro para ser extraditado, mas () hoje [terça-feira] o levaram" para os Estados Unidos, disse à AFP o porta-voz do Supremo Tribunal de Justiça (CSJ), Melvin Duarte.

Dairo Antonio Úsuga foi preso em outubro de 2021, durante uma megaoperação policial em uma área de selva colombiana próxima do Panamá. Até então, ele comandava o Clã do Golfo, responsável por 30% (cerca de 300 toneladas) das exportações de cocaína do maior produtor mundial dessa droga.

Desde 2009, uma corte do Distrito Sul de Nova York o exige por tráfico de drogas. A Justiça colombiana também acusa o chefe, 50, de homicídio, terrorismo, recrutamento de menores e sequestro, entre outros crimes que teria cometido quando era guerrilheiro e paramilitar, antes de se tornar o narcotraficante mais procurado do país.

Se for condenado nos Estados Unidos, Otoniel terá que pagar por seus crimes na Colômbia. O tribunal se reservou o direito de processar Otoniel no futuro "por crimes cometidos no país".

Apesar de os Estados Unidos terem apoiado a Colômbia em quase meio século de luta contra as drogas, o país ainda sofre com a violência ligada a essa atividade ilegal. Vários cabeças do narcotráfico foram extraditados e condenados nos Estados Unidos, sem que isso tenha significado o fim das máfias.

jss/vel/das/dga/lb

Duque pede à ONU que prolongue missão de verificação na Colômbia .
O presidente da Colômbia, Iván Duque, pediu nesta quarta-feira (13) à ONU que prolongue a Missão de Verificação da implementação dos acordos de paz na Colômbia, até que concluam os 12 anos de implementação. "Hoje, solicito a vocês que a Missão continue na Colômbia até que tenham terminado os 12 anos da implementação, que é o que está previsto no Acordo" firmado em 2016, disse Duque diante da Comissão de Consolidação da Paz das Nações Unidas, um órgão de assessoria intergovernamental, integrado pelos 31 países da organização.O mandato renovado da missão, que está vinculada ao Conselho de Segurança da ONU, termina em 31 de outubro.

usr: 1
Isto é interessante!